terça-feira, 8 de outubro de 2013

Tozé Marreco que se prepare...

... se marcar dois golos esta tarde ao Farense, segundo o critério jornalístico do Record terá certamente direito ao grande destaque da edição de amanhã.


É que o avançado do Tondela tem 5 golos em 9 jogos, e pode igualar esta tarde o número de golos do grande destaque da edição de hoje do Record.

Fonte: zerozero.pt

Como é evidente, mesmo que Tozé Marreco marque 6 golos hoje ao Farense não terá este destaque de capa. O objetivo desta capa é questionar se Ivan Cavaleiro não terá demonstrado o suficiente para ser chamado à equipa principal. É uma pergunta bastante pertinente, apesar de não compreender este nível de destaque que o jornal de João Querido Manha dedicou à jovem promessa do Benfica.

Há duas questões fundamentais:
  • Jesus tem espaço para Ivan Cavaleiro? Não vejo por que não. Rodrigo anda a jogar muito pouco e Lima está longe do matador que sabemos que pode ser. Parece-me perfeitamente natural e até desejável (por uma questão de motivação dos jovens do Benfica) que Ivan tenha a sua chance. Primeiro no banco, para entrar numa altura em que o jogo esteja resolvido (à semelhança de Carlos Mané no Sporting) e progressivamente pode ir ganhando minutos adicionais nos jogos seguintes.
  • Os adeptos do Benfica estão preparados para o lançamento de um jovem numa posição tão crítica? Sendo eu sportinguista e estando habituado a ter paciência com os jovens lançados na primeira equipa, não sei bem como vão reagir os benfiquistas se os golos não começarem a aparecer de imediato. Acredito que os benfiquistas terão mais paciência com Ivan Cavaleiro do que teriam com alguém como Funes Mori, por exemplo. No entanto, é preciso ter consciência do seguinte:
Fonte: zerozero.pt
O jovem benfiquista já tem 7 golos em 10 jogos, o que é muito bom, mas os números podem ser analisados sob perspetivas diferentes. Olhando para o quadro em cima, pode-se ver que Ivan apenas marcou golos (se descontarmos o penalty) em 3 jogos no total de 10. Em 30% dos jogos. Em nenhum dos jogos marcou um golo decisivo que desse a vitória.

Não estou com isto a querer desvalorizar aquilo que parece ser um excelente arranque de temporada do jogador, mas é perfeitamente natural que Ivan não mantenha nem de perto nem de longe esta média de golos se subir à equipa A. E estando o Benfica com a pressão de resultados que sabemos, haverá tempo e paciência para que Ivan Cavaleiro se possa afirmar como uma alternativa viável para o plantel principal do Benfica?

Espero, com toda a sinceridade, que Ivan Cavaleiro tenha as suas oportunidades de mostrar o seu valor. Mas espero também que Jesus e acima de tudo os adeptos saibam pôr expetativas realistas para o desempenho do jovem. Ivan Cavaleiro não poderá ser visto como um salvador, para ser lançado a 30 minutos do fim quando o Benfica está empatado ou a perder. Haja paciência, persistência e sabedoria na forma de lançar este jovem e pode ser que o Benfica e Portugal venham a ter um jogador de grande valor no futuro.

Infelizmente, capas de jornais destas não me parecem um bom começo.

1 comentário :