quinta-feira, 30 de janeiro de 2014

Capas que não fizeram história, nº 8: O Pelezinho

Julho de 2007

A propósito do que escrevi há pouco sobre Shikabala, nada melhor que recordar a chegada de Freddy Adu ao Benfica. Quando foi anunciada a contratação do jogador, as expetativas eram elevadíssimas. 

E depois o Record ofereceu-nos esta capa: Pelé, o Rei (será que Eusébio apreciou este título dado ao brasileiro?), segura Adu ao colo e diz que Deus deu um dom ao jovem(?) americano. A partir deste momento, era evidente o que todos os benfiquistas iriam esperar em cada jogo de Adu:


Sabendo o que sabemos hoje, temos mesmo que dar razão a Romário: Pelé calado é um poeta. Não só Adu acabou por ser uma tremenda desilusão, como quem realmente decidiu o jogo contra dos prisioneiros aliados contra a Alemanha foi o Stallone.

14 comentários :

  1. Bem, essa capa... está cheia de reis.

    O momento Pelé / Adu... está tudo dito!
    Derrota do Benfica com Al-Ahly mas o destaque é o golo do Assis, regressado do doping.
    "Mantorras arrasa médico". E que tal arrasar o homem que o usou e se promoveu tb à sua conta? Um tal de Vieira que disse que Mantorras (será que também teve capa ao colo de Eusébio? Mantorras era um novo Eusébio!) valia 18 milhões de contos (90 milhões de euros).
    Di Maria e Diaz perdidos em Madrid. Diaz... grande jogador. É que isto de para se ter um jogador ter de vir outro, é tramado. Quem não se lembra de um tal Patric que veio para o Ramires poder vir? Pois é... Vieria sempre a negociar em prol do SLB.

    Farias e Stepanov. Farias ainda vá, agora Stepanov? No Porto só se contratam bons jogadores. É de livro.

    E o melhor, sim (infelizmente), o melhor: HAD (que "veio para fazer esquecer Caneira").
    Porra, fazia tempo que o Sporting não tinha um gajo tão mau. Nesse ano, no plantel existiam 2 jogadores que não sabiam andar! Não era jogar futebol (isso já era ser exigente), era não saber andar!! Had e Purovic. Este Had metia medo à defesa do Sporting. Era menino para fazer penaltys sempre que um adversário passava por ele a andar. Mau de mais. Veio com um tal Celsinho, não fosse o Freitas o manda-chuva das comissões, desculpem, contratações leoninas.

    (olhem que eu vi o Vinícius, Balajic e Gil Baiano ao vivo; mas este Had... era pior que aqueles todos)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas não sei se era tão mau como o Ronny.

      Acertou um livre e mandou 80 bolas para a bancada.

      Além de que não era rápido não era agressivo, a defesa era uma nulidade, parece que na Alemanha está um pouco pior mas em termos de defesa era fraquissimo.

      E o que dizer do Grimi, era exasperante que pessimo defesa, 4 milhões.

      SL

      Eliminar
    2. Ronny tinha outro tipo de problema, a ausência de massa encefálica. Nem ele próprio sabia quem era.
      Mas ainda joga na Alemanha, marcando alguns golos, o que o coloca um nível acima de Had. E esse golo na Figueira da Foz valeu 2 pontos. O Had valeu-nos pontos negativos.

      Grimi era mau, muito mau. Mas jogou de forma excelente (na condição de emprestado) na final da Taça de Portugal que vencemos contra o Porto. Coloca-o acima de Ronny e Had.

      Eliminar
    3. Mas bastou assinar contrato para a coisa descanbar, bolas que o Grimi era exasperante.

      Esse defesas que falámos todos juntos não valem um joelho do Jefferson nem um pé do Rui Jorge.

      Já para não falar do Edson que contratámos ao Paços de Ferreira e que se lesionou no primeiro jogo e nunca mais o vi.

      Hoje o Mexer foi vendido para França por 3 milhões, tenho pena que nunca tenha jogado pelo SCP, pois já tivemos centrais bem piores.

      SL

      Eliminar
    4. O Grimi até nem fez maus jogos enquanto estava emprestado pelo Milão. Depois de o Sporting pagar uma pipa de massa por ele, é que passou a ser uma desgraça.

      Lembro-me de um lance num jogo em Alvalade contra o Porto, em que os gajos atacavam pela direita, adiantam muito a bola e o Grimi fica com tudo para ganhar o lance, mas demora uma eternidade e no momento em que se decide a fazer o carrinho já um jogador do Porto tinha lá chegado. Daí saiu o lance do 1-0 para o Porto, que ganharia por 2-1.

      Já tivemos muitos cepos, realmente... :)

      O Mexer afinal não saiu, o Nacional não chegou a acordo com o Rennes.

      Eliminar
    5. Nunca disse que o Grimi era bom. Fez bons jogos (emprestado) e depois foi uma nódoa (lembro-me bem desse lance em Alvalade com o Porto; não sei é se empatamos ou perdemos).
      Pelo facto de ter feito bons jogos, coloquei-o num patamar acima de Had (que era o centro da discussão). Ser melhor que Had é bom? Não, qualquer um que saiba andar é melhor que Had. Um bebé quando passa a barreira de 1 ano arrisca-se a ser melhor jogador que Had.

      Eliminar
    6. Quem comprou o Edson foi o Peseiro e o Paulo Andrade, depois de terem dispensado o Rui Jorge...
      Foram os mesmos que venderam (mal) o Enakarire, dispensaram o Barbosa, compraram o Manoel, Wender, Luís Loureiro e João Alves e fizeram regressar o Silva. Enfim...

      Eliminar
  2. Vinícius não pode ser comparado a estes "artistas".
    Pior foi o Dimas quando veio.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vinícius era mau, muito mau. Eu vi, ao vivo.

      Mas por favor, não me relembrem o Dimas. Esse sim, o pior de todos. E ainda ganhava ordenado.
      Dimas, Bruno Caires, Mahon, Hugo, Kirovski, tudo pérolas que Freitas trouxe para Inácio, após ter sido campeão.
      O que vale é lá no meio veio o Babb e Paulo Bento (bem aproveitados por Boloni, um ano depois).

      Eliminar
    2. Lá está Cantinho o Freitas em 15 que trazia acertava dois é um pessimo rácio.

      Ainda por cima eram todos caros com bons ordenados e alguém tinha de pagar para os despachar.

      Pessimo director desportivo viveu e ganhou muito dinheiro à conta de dois acertos há dez anos.

      SL

      Eliminar
    3. Bruno Caires, Mahon, Kirovski... esses já tinham sido excluídos da minha memória, deve ser um mecanismo de auto-defesa para manter a sanidade mental... :)

      Eliminar
  3. Como eu me lembro do fredy adu esse grande jogador.......no CM hehehehe,infelizmente o futebol portugues esta cheio destes casos,lembro-me do grande skuravi(nao sei se é assim que se escreve,mas tb para um gajo que o melhor que fez no Sporting foi atirar uma bola ao poste esta tudo dito,houve ai em que o benfica esteve muito bem neste campo,foi so trazer a mais fina nata do futebol para a luz.
    Especialmente os ingleses tudo grandes jogadores mas na decada de 80..

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não há dúvidas, a história recente dos três grandes está cheia de barretes... :)

      Eliminar
    2. Cantinho do Morais,

      Também vi Vinícius ao vivo e não posso concordar, sempre com o devido respeito, com a tua opinião.

      Centrava razoavelmente, não era muito lento e marcava bem os livres.

      Por outro lado, o que dizer do Pedrosa, do Jorginho (lateral direito em 91/92) ou do Quim Berto?

      Na época do Mahon e companhia, ainda se lembram do Mário Cáceres?

      Eliminar