sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

Falta aí um asterisco #17

Especial sorteio dos árbitros, em dose dupla.


in record.pt

* O melhor argumento pró-sorteio que ouvi até hoje

** Fala o homem que ocupa o cargo que normalmente serve de trampolim para um posto no Conselho de Arbitragem; o segundo melhor argumento pró-sorteio que ouvi até hoje


10 comentários :

  1. Mestre, os erros de arbitragem já está institucionalizado, senão vejamos: Ontem no Rio Ave-Braga, o comentador da TVI, disse o seguinte, e passo a descrever: "Os erros dos árbitros fazem parte do futebol". Depois da arbitragem escandalosa do sr. Duarte Gomes no jogo Benfica-Sporting para a taça, hei-lo novamente a apitar o clube do seu coração, a ser juiz em causa própria. O sr. Paulo Baptista depois de ter prejudicado o Sporting, com uma expulsão por fazer ao jogador da Académica e um penalty por marcar, como prémio vai apitar o Gil Vicente-Porto. Diz o sr. Vítor Pereira «Que não à futebol sem os árbitros» eu diria «Que não à futebol com estes árbitros». Um abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. F. Pais, faltando o Matic e o Enzo ao meio-campo do Benfica neste jogo, é preciso alguém que assegure os equilíbrios da equipa. Duarte Gomes é o centrocampista certo: não tem medo de fazer entradas agressivas aos adversários, e é certinho que nem um relógio a pautar a dinâmica da sua equipa.

      Em relação ao Paulo Baptista, até ao Sporting - Académica ele tinha estado muito bem, em todos os jogos dos grandes (incluindo no Braga - Sporting e no Guimarães - Sporting). Apesar do seu histórico complicado com o Sporting, estava a ganhar alguma esperança que quisesse ter um fim de carreira (creio que se retira este ano) digno.

      Vamos ver o que vai sair disto.

      Um abraço.

      Eliminar
    2. Manuel Queiroz é outro atrasado mental, "jornalista" ao serviço do fcp.
      Por acaso vi o jogo. Fartei-me de rir, pois o Salvador deve ter feito alguma para estar a passar por aquilo.
      E porque vi o jogo, ouvi os comentários. Além dessa pérola que o F. Pais menciona, Queiroz teve o desplante de dizer que, para a 2ª parte, o árbitro estará mais virado para expulsar um jogador do Rio Ave porque sabe errou ao expulsar o jogador do Braga e marcar penalty. O que fazia o relato, meio indignado, meio a brincar, ainda lhe perguntou se ele estava mesmo a insinuar aquilo que disse. E ele voltou a dizer, como se fosse uma coisa normal, a compensação de erros.
      E o Queiroz, como é um homem do sistema, ainda disse que o Sporting, por 2.45 minutos (foi o que ele disse) não tem nada por onde pegar para protestar o jogo do Porto na Taça da Liga, quase dizendo que toda a situação (do protesto) era ridícula. Isenção no seu melhor...


      ps: Benquerença é uma merda. Errou no golo mal anulado ao Rio Ave e num penalty na 2ª parte, por mão de Marcelo. O lance do penalty do Rio Ave, mais do que erro dele, é uma falta de profissionalismo de Braga. Este sim, também deveria ser castigado (e o homem está isolado!! podia ir para golo de forma legal).

      Eliminar
    3. A última vez que o Manuel Queiroz disse uma asneirada desse tipo foi numa expulsão do James por ter dado um soco num adversário. O Queiroz disse que o James apenas tinha encostado a mão na barriga do outro. O Valdemar Duarte chamou-o à atenção pelo ridículo daquilo que o Queiroz tinha dito e passadas uma semanas foi agredido no Dragão... o tipo da TVI que se ponha a pau. :)

      Não vi os lances, mas vou fazer por isso. Parece valer a pena mais um grande momento da arbitragem em Portugal. E o Braga é neste momento um herói, desdobra-se em entrevistas...

      Eliminar
  2. Sou a favor do sorteio dos árbitros, porque considero ser um processo mais transparente que o da nomeação. Mas admito que, com estes árbitros e estes dirigentes da arbitragem, pouco vai mudar.

    O que este sector precisa é de sangue novo e uma nova mentalidade, independente dos interesses de certos clubes

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. King_lion, com as suspeições que existem (e que são perfeitamente legítimas devido à luta de poder que existe sempre há eleições na FPF e apitos dourados), o sorteio seria uma forma de reduzir a polémica. Tirando o peso da importância das nomeações, talvez o ar ficasse mais respirável. Talvez até fizesse que os maus árbitros se tornassem menos maus, se o sorteio contribuísse para reduzir a pressão que existe sobre sobre eles.

      A divulgação das avaliações dos árbitros também é fundamental. Quando mais transparência em todo o processo, melhor. Nem percebo o que temem os dirigentes da arbitragem em tornar a arbitragem mais transparente. Quer dizer, perceber até percebo...

      Eliminar
  3. Falta ali um argumento pro-Sorteio:

    - em 3 épocas de sorteio, o Sporting foi campeão em 2...

    Se calhar porque a bola do Proença nunca saiu.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cantinho, e todos sabemos que o balanço dessas 3 épocas de sorteios é o único motivo que causa tantos anticorpos nas pessoas que se sentem satisfeitas com o estado das coisas.

      Eliminar
  4. Bem o problema das arbitragens é algo recorrente no nosso futebol,alias por esse mundo fora,mas esse nao é o problema.
    O problema sao aqueles clubes que se metem sempre de parte quando alguma coisa de positiva tem que ser implementada no nosso futebol,erros existem,compadrios tambem,ate pq o mundo do futebol gera muito dinheiro e tudo o que gera muito dinheiro um dia mais tarde para alem de combiça vai gerar corrupção e esse clubes aqueles que efectivamente lideram o sistema sabem bem isso,fazendo com as coisas nao andem para a frente e sejam melhoradas.
    Acham normal que 22 clubes se tenham posto ao lado do sporting apoiando varias mudanças para que pelo menos o nosso futebol tenha alguma dignidade e tenha havido quem se metesse de parte,sao estes 22 ou mais clubes que estao mal???Acho que nao,infelizmente dou o exemplo do sporting,se há quem faça mal ao seu proprio clube como se fez ao sporting, ha quem infelizmente se esteja a borrifar para o nosso futebol,querendo so encher os proprios bolsos e dando uns trocos(subornos) a quem nao tem estrutura nenhuma representativa e vive de ganhar dinheiro facil falseando jogos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É indiscutível que existe muita coisa que pode ser melhorada no nosso futebol. Ninguém põe isso em causa, o que realmente torna estranho que determinados clubes se coloquem à margem de qualquer discussão que procure melhorar o que está mal.

      Infelizmente não é uma questão de desinteresse, é mesmo o facto de não quererem abdicar de uma teia de influências que está ao seu serviço e que, por muito que tentem negá-lo, também resolvem jogos e valem muitos pontos no final de cada época.

      Um abraço.

      Eliminar