sexta-feira, 25 de abril de 2014

Balanço das arbitragens: 28ª jornada

Porto 3-0 Rio Ave (Nuno Almeida)
60' - Penálti assinalado por falta de Marcelo sobre Jackson - decisão certa, Marcelo salta para cima de Jackson sem qualquer intenção de jogar a bola
89' - Marcelo derruba Ricardo, o árbitro opta por não mostrar o segundo amarelo ao defesa do Rio Ave - decisão errada, justificava-se a amostragem do segundo amarelo
=: apesar do erro, arbitragem sem influência no resultado

Benfica 2-0 Olhanense (Carlos Xistra)
5' - Sálvio cai na área por suposto agarrão de Luís Filipe, o árbitro não assinalou pénalti - decisão certa, Luís Filipe não parece impedir Sálvio de disputar o lance
65' - Samperisi tenta disputar a bola com a sola levantada, mas acaba por acertar com os pitons no pé de André Almeida, o árbitro mostrou cartão amarelo - decisão errada, o jogador do Olhanense devia ter sido expulso; apesar de o jogador querer disputar a bola, acaba por atingir violentamente a canela do adversário
69' - Rodrigo é derrubado na área por Diakhité, o árbitro manda seguir - decisão errada, o árbitro devia ter assinalado penálti
=: apesar dos erros, arbitragem sem influência no resultado

Belenenses 0-1 Sporting (Cosme Machado)
50' - Carlos Mané é derrubado na área por João Meira, o árbitro assinala penáli - decisão certa
81' - Rojo faz falta sobre Rojas, o árbitro mostra-lhe o cartão vermelho direto - decisão errada, a falta não é violenta, justificava-se quanto muito o cartão amarelo
=: apesar do erro, a arbitragem acabou por não ter influência no resultado


Resumo da jornada



Acumulado da época



Classificação



Jogos com arbitragens com influência no resultado


7 comentários :

  1. http://souportistacomorgulho.blogspot.pt/2014/04/terminou-benficadois-golos-precedidos.html

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Luís Miguel, costumo ler esse blogue e já tinha visto. O primeiro golo parece-me precedido de falta, de facto. No segundo acho que o Maxi corta limpo. De qualquer forma não costumo colocar este tipo de lances nesta análise. Limito-me a penáltis, expulsões, e golos mal anulados. Se os golos nascerem de faltas não assinaladas ou de livres e cantos mal assinalados, ignoro-os, tento limitar-me apenas aos lances que têm um impacto direto e imediato num resultado. Um abraço.

      Eliminar
  2. Bom trabalho. fiquei com algumas duvidas. se puder esclareça-me. Não percebo a lógica do resultado 1X2 no jogo Benfica vs Sporting pois em todos os outros resultados é presumido que o penalti é convertido e neste não, e em todos os outros golos irregulares são anulados e aqui não. Também não percebo a lógica do Benfica vs Arouca em comparação com o jogo Porto vs Guimarães (logo acima) já que em ambos não existiu o penalti decisivo no resultado final (1-0; 2-2) no entanto numa situação (porto) coloca-se a hipotese de 1X e na outra coloca-se apenas a hipotese 2. Benfica vs Porto, porque 1X se apenas há discussão de um lance de golo, ou seja no máximo ficaria 2-1 o que significa resultado 1?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro anónimo, respondendo às suas perguntas:

      Sporting - Benfica (1X2) - Na minha opinião existiram vários erros para os dois lados num momento em que o jogo ainda estaria completamente em aberto. O golo de Montero não devia ter sido validado. Maxi deveria ter sido expulso no final da primeira parte - o que facilitaria o trabalho do Sporting e dificultaria o do Benfica daí para a frente. Maxi deveria ter visto ainda o 2º amarelo por volta dos 70', se não estou em erro. E finalmente o penálti sobre Cardozo não assinalado. Foram vários erros graves ao longo de todo o jogo que torna impossível determinar qual teria sido o desfecho do jogo. Daí o salomónico 1X2.

      Benfica - Arouca (2) e Porto - Guimarães (1X): é um critério que uso, se o 1º erro crítico acontecer a menos de 15 minutos do fim, então não dou o benefício da dúvida ao clube favorecido. Fiz o mesmo no Paços - Porto, em que Jackson marca um golo irregular aos 77' que determinou o 0-1 final, e coloquei (X)

      O caso do Benfica - Porto é um pouco diferente, de facto, e confesso que tive muitas dúvidas no resultado que coloquei. Foram circunstâncias muito peculiares: o erro a favor do Porto (penálti de Mangala não assinalado) dá origem a um canto onde o Benfica marca o 2-0, pelo que o impacto do erro foi praticamente nulo (deveria haver amarelo a Mangala). Depois há um erro de um penálti por assinalar sobre Quaresma e uma expulsão injusta de Danilo (cai na área sem ser penálti mas não foi simulação). Assumindo que o resultado ficaria em 2-1, creio que é legítimo pensar que o Porto ainda poderia empatar -- neste caso até estamos a falar de um grande, não de um clube pequeno. No Sporting - Guimarães fiz o mesmo: o Sporting ganhava por 1-0, quando Slimani devia ter sido expulso. Montero a seguir marca um golo regular mal anulado, e depois Adrien também devia ter sido expulso. Dei o benefício da dúvida ao Guimarães, que teria 35 minutos para empatar, e coloquei 1X.

      Sei que estes critérios que uso são discutíveis (aliás, todo este exercício é discutível), mas tento ser o mais coerente possível (quer na atribuição das faltas, quer na determinação dos resultados possíveis). O que não quer dizer que não possa cometer algumas incoerências de vez em quando.

      Obrigado pelo comentário e um abraço.

      Eliminar
    2. * quer na atribuição das faltas --> quer no julgamento das faltas

      Eliminar
  3. Boa tarde.
    Claro que os critérios são discutíveis e por isso perguntei, mas se os seguires sempre acabam por revelar alguma coerência (a de quem os estabelece).
    O 2º ponto ficou esclarecido. No 1º não acho que se possa comparar 2 golos (1 mal validado e 1 penalti) com uma possível expulsão, pois a expulsão pode ter influência ou não (e nesse caso até uma fora pode ter influência ou não) enquanto um golo mal validado tem influencia objectiva e um penalti (se considerares que são sempre marcados) também. No 3º também não percebo a lógica de supor que o Benfica em 11x11 teria mais probabilidade de sofrer do que de marcar ou de o resultado ficar igual, até porque o Benfica não aproveitou a superioridade para marcar mais. E faz-me confusão (desde o jogo) que se considere que um penalti não assinalado com consequente Vermelho (corta uma jogada de golo eminente, pois defende um remate com a mão) seja desvalorizado porque no canto surge golo... a probabilidade de golo de canto e de golo de penalti é bastante diferente (basta ver que consideras que um penalti não assinalado corresponde a um golo e não consideras o mesmo para o canto, e os critérios não podem ser aplicados de forma diferente porque á posteriori se passou algo).
    Mas de resto é um bom trabalho e acima de tudo parece-me honesto intelectualmente (embora ao ler os restantes posts do blog se note que és sportinguista).

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu valorizo tanto golos mal anulados / incorretamente invalidados, expulsões incorretas / perdoadas, e penáltis mal assinalados / por assinalar. Na minha opinião as expulsões podem condicionar um jogo tanto quanto um golo. Mas aceito quem pense de outra forma.

      A minha opinião em relação ao lance do Mangala na Luz é diferente: não acho que Mangala merecesse a expulsão, porque estava em cima do risco da pequena área quando toca com a mão na bola, por isso não me parece situação de golo iminente. Para mim era penálti e cartão amarelo. Mas foi como disse, coloquei 1X com imensas dúvidas e depois de pensar bastante sobre o assunto.

      Sou sportinguista assumido, sócio com gamebox, e tento defender o mais que posso o meu clube dentro daquilo que são as minhas convicções. O nome do blogue não dá a entender isso, mas este é um blogue sportinguista, que tanto fala do Sporting (normalmente de uma forma mais construtiva) como de Benfica e Porto (de uma forma mais negativa). Não sou isento nem quero passar por tal, apesar de tentar ser o mais honesto possível quando faço este tipo de exercícios.

      De qualquer forma, os adeptos de outros clubes são sempre bem-vindos e não tenho qualquer problema em que discordem de mim, e gosto de trocar impressões e argumentos com quem tem uma visão diferente da minha em relação a estes assuntos.

      Obrigado pelo comentário e um abraço.

      Eliminar