sexta-feira, 11 de julho de 2014

Capricho dos deuses

O penálti de Vlaar                                                                                                                                    
Confesso que não me apercebi daquilo que aconteceu imediatamente a seguir à defesa de Romero ao penálti de Vlaar, o 1º da Holanda no desempate da marca de grandes penalidades que ditaria o apuramento da Argentina para a final do mundial.


Romero defende para a frente. A bola leva um efeito caprichoso, e ao bater no chão inverte a direção e volta novamente para a baliza, chegando a entrar parcialmente. Num último movimento acaba por voltar para trás, parando mesmo em cima da linha. 

Imaginem que a bola entra. Imaginem o melão de Romero, que festejava efusivamente a defesa que acabara de realizar. Por acaso dá a ideia que Vlaar toca na bola antes desta retomar a direção da baliza, mas nenhuma das imagens exibidas todas as dúvidas. Seria o suficiente para alimentar uma grande polémica de dimensão intercontinental. Mas os deuses preferiram evitar tudo isso. Ainda bem. 

20 comentários :

  1. Então, o gajo toca na bola com a cabeça. Nunca poderia ser considerado golo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mike, vi uma imagem de outro ângulo que dá a ideia que Vlaar não toca na bola... não tenho certezas em relação a isso. Um abraço.

      Eliminar
  2. Quase lê acontecia o mesmo:

    https://www.youtube.com/watch?v=igM3FXyesek

    ResponderEliminar
  3. É como o Mike Portugal disse... O Vlaar tocou na bola !

    ResponderEliminar
  4. Para ser sincero não me parece nada que ele toque na bola..Penso que a bola perderia o efeito que tinha se ele realmente tivesse tocado.
    De qualquer maneira a bola parou na linha, não entrou.

    ResponderEliminar
  5. Realmente parece mesmo que os Deuses evitaram tudo isso... Se reparar, a bola volta para trás mesmo em cima da linha de golo, parando numa ligeira depressão do terreno de jogo.

    Dá ideia que se o relvado fosse completamente plano seria mesmo golo.

    ResponderEliminar
  6. A mim também me parece que não tocou. Em 4 comentários sobre o mesmo vídeo, a 2 pessoas parece-lhes que o Vlaar tocou na bola, a outras 2 não. Ainda bem que não entrou. Mas a minha pergunta é: a ter entrado e tendo duvida se o jogador tinha ou não tocado na bola, o árbitro podia ter mandado repetir o pénalti?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O penalty só é repetido se tiver havido infracção. Não seria o caso.

      Eliminar
    2. Não faço ideia. Se tivesse entrado não quereria ser o árbitro daquele jogo.

      Eliminar
    3. Imagina um jogo de infantis em que o Guarda-redes, para ganhar balanço para chutar a bola, entra com a bola na baliza. É golo, não há nada a fazer.

      Eliminar
  7. A Holanda merecia isto e muito mais só pelas provocações com o intuito de desconcentrar os marcadores de penaltis da Costa Rica nos quartos. Só pela falta de fair play e já que nem os árbitros fizeram nada, o coelho que o mentor do Mourinho tirou da cartola não devia sair do Brasil sem ir para a panela.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. De preferência guizado o Krul, para aí com 10 jogos.

      Eliminar
    2. É verdade, quer o Cillessen quer o Krul não deveriam poder fazer aquilo - apesar de me fazer lembrar as famosas conversas entre Ivkovic e Maradona... :)

      Eliminar
    3. o que fez o krul?

      Eliminar
    4. Estava a dirigir-se constantemente aos marcadores dos penáltis para tentar desconcentrá-los.

      Eliminar
  8. Que a Argentina vença o Mundial!

    E que as "hinchadas" dos argentinos continuam... http://www.youtube.com/watch?v=1IOGFENyGJM

    ResponderEliminar
  9. Ja agora os caros benfiquistas que tanto insultaram o Beto que dizem do Romero no primeiro penalti ?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Porquê os "benfiquistas"?
      O Beto obviamente não cumpriu, de forma grosseira, as regras do jogo. Custa alguma coisa dizer isso com clareza?
      O que lá vai lá vai. O SLB perdeu por incompetência própria. Mas defender o Beto naqueles lances é, a meu ver, totalmente descabido.

      Acha mesmo que tem comparação com o Romero?

      Adiante que isto é off de off topic e totalmente descontextualizado.

      Eliminar