quarta-feira, 10 de setembro de 2014

Hipocrisia ducal

                                                                                                                                         
in fora-de-jogo

Se Duque tivesse recebido em 1999/00 um clube em pré-falência, com um plantel recheado de vedetas que o eram apenas nos vencimentos que auferiam e umas nulidades em campo, e em que uma percentagem significativa dos passes de jogadores estavam no prego - na prática com uma grande parte das potenciais receitas hipotecadas -, e em que um dos rivais - o Benfica - vivia o período mais negro da sua história, será que teria conseguido ganhar o que ganhou?

24 comentários :

  1. Também poderia ter dito que, na 2ª passagem pelo Sporting, com menos tempo de actividade, já tinha conseguido estoirar 100 milhões de euros em pernetas e ser despedido.

    ResponderEliminar
  2. Resposta tipica. Apontam-lhe alhos, responde com bugalhos.

    Quanto ao assunto propriamente dito ... empurra com a barriga (o que até nem é difícil). Eu quero ver é como eles se vão desenrascar quando os documentos da auditoria mostrarem para onde foi o $$ das comissões.

    p

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. P, realmente pareceu haver demasiada vontade em trazer jogadores com um historial clínico mais que duvidoso - fica a sensação que poderia haver algum ganho pessoal para quem tomava as decisões...

      Eliminar
  3. Infelizmente este lavar roupa suja na praça pública é má para a imagem do clube e só os adversários aplaudem estas divisões que tiram força ao clube mas estamos perante casos verdadeiramente escandalosos que nunca mais se podem repetir.

    Não foi uma gestão danosa foi sim uma gestão completamete ruinosa.Dar cabo de 100 milhões de euros em cerca de dois anos não tem nem explicação nem compreensão.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O pior de toda esta história não é o facto de ter havido dirigentes do Sporting que se aproveitaram dos seus cargos para roubar o clube, nem a reação de defesa do indefensável por parte desses mesmos dirigentes.

      O pior de tudo é mesmo este tipo de sportinguistas que acham que investigar possíveis crimes em negócios feitos no passado, no clube ou em qualquer outra empresa, é "lavar da roupa suja". É exactamente por pessoas como estas que Portugal está no estado em que está.

      Eliminar
    2. É o hábito de a culpa morrer sempre solteira em Portugal... Enfim...

      Eliminar
    3. "O pior de tudo é mesmo este tipo de sportinguistas que acham que investigar possíveis crimes em negócios feitos no passado, no clube ou em qualquer outra empresa, é "lavar da roupa suja". É exactamente por pessoas como estas que Portugal está no estado em que está."

      Estas investigações devem ser feitas em total sigilo. Ao se descobrirem indícios de actos criminosos é reunir as provas a recorrer à justiça. Andar a mandar bitaiates para a praça pública como faz o chirola é exactamente "lavar roupa suja na praça pública" e "é má para a imagem do clube" com diz mais acima o King Lion.

      Já o facto de achar que "O pior de toda esta história não é o facto de ter havido dirigentes do Sporting que se aproveitaram dos seus cargos para roubar o clube, nem a reação de defesa do indefensável por parte desses mesmos dirigentes." é de uma imbecilidade extrema que nem merece comentários adicionais.

      Por tudo isto se concluí facilmente que o chirola não faz a minima ideia porque "Portugal está no estado em que está", mas se realmente está interessado em o saber sugiro que reflita um pouco sobre aquilo que escreve.

      SL

      Eliminar
    4. «Estas investigações devem ser feitas em total sigilo. Ao se descobrirem indícios de actos criminosos é reunir as provas a recorrer à justiça.»

      Pois, foi precisamente o que foi feito. Investigou-se, reuniram-se provas e agora anunciou-se que se vai pedir autorização aos accionistas da SAD para recorrer à justiça.
      Se pensa que todas as provas existentes, são os factos enunciados na convocatória da assembleia geral está muito mal enganado...
      Os primeiros resultados da auditoria só saem lá para o fim do mês...

      Eliminar
    5. sar,

      O meu comentário foi feito para "responder" ao comentário do chirola em que apelida o King Lion de um certo "tipo de sportinguista" que será ainda pior que GL e afins e em que indico como será , em minha opinião, o processo a adoptar neste tipo de casos. Apenas e só

      Sobre o que eu penso ou deixo de pensar sobre as provas existentes ou a existir, aguardo serenamente pelos "resultados oficiais" tanto das auditorias em curso como dos tribunais onde as tais provas serão com certeza apresentadas e um juiz sobre elas se pronunciará, pelo que, se há alguém que não anda, bem ou mal, enganado neste assunto, garanto-lhe que não sou eu.

      Eliminar
    6. É sempre interessante ler as respostas de anónimos que gostam de insultar quem não tem a mesma opinião deles. É uma coisa tipo A Norte de Alvalade ;)

      Mantenho o que disse mesmo que lhe faça impressão. Pior ainda do que a corja de ladrões do Godinho, Duque, Freitas e Nobre Guedes é este tipo de sportinguista, como o King Lion ou como o anónimo Nortista que acham que a procura da justiça equivale à lavagem de roupa suja na praça pública.

      Eliminar
  4. É impossível responder. Eu tenho a minha teoria e posso partilhá-la: Duque & Freitas foram competentes entre 1999/2002. Construíram de facto uma GRANDE equipa (talvez a melhor dos últimos 30 anos) e inácio/boloni tiveram a sorte de a herdar. O inácio não tem e nunca teve grande pontaria para jogadores, mas foi competente a treiná-los. A prova da sua competência foi a
    contratação de mourinho, que os sócios recusaram. o tempo veio a dar-lhes razão. Gastaram dinheiro e investiram bem, mas apresentaram resultados.
    Em 10 anos tudo mudou. Quando voltaram ao clube, este tinha mudado. O próprio futebol havia mudado. Não é por acaso que a gestifute patrocinou estes negócios ruinosos. Tinha interesse em entrar em Alvalade. E Duque % Freitas caíram na esparrela. Com a direção de Godinho, foram coniventes e incompetentes. Estes 3 casos apresentados são apenas um exemplo.
    E sim, também acredito que no meio de tantas comissões estranhas, algumas notas tenham entrado nos seus bolsos. Se vão conseguir provar alguma coisa? Acho que não.

    Miguel

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Miguel, concordo que Duque e Freitas foram muito competentes na sua primeira passagem pelo clube. Tanto, que fiquei muito satisfeito por saber que eles poderiam voltar, aquando das eleições de 2011.

      Da mesma forma que os títulos que conquistaram não é apagado pela sua péssima prestação na direção de GL, também Duque não pode comparar as dificuldades que a atual direção tem que enfrentar. São duas situações que não são comparáveis.

      Um abraço.

      Eliminar
    2. Claro que não são comparáveis. Eles tiveram sempre cheques à disposição.
      A peça-chave deste processo é o Dr. Gomes Pereira. Aquilo que ele disser poderá responsabiliza-los ou não. A questão das comissões e direitos de imagem será mais difícil, não vejo como, pois infelizmente são actuais no futebol. Teria de haver indícios criminais.
      SL
      Miguel

      Eliminar
    3. Concordo, também me parece que dependerá muito do sentido do testemunho do departamento médico da altura. Suponho que as comissões e direitos de imagem não sejam relevantes num tribunal - a não ser que algum dirigente fosse beneficiário direto ou indireto disso, claro. Um abraço.

      Eliminar
  5. Qual a contribuição destas 3 contratações disputadas para a conquista do titulo de 2000?

    ResponderEliminar
  6. Este Luis duque não vale a ponta de um corno e se dúvidas existissem, com esta resposta,o mais demagógica possível, ficam dissipadas.

    ResponderEliminar
  7. No meio de tanto louvor à primeira passagem do Duque e do Freitas por Alvalade, gostava de dizer o seguinte:

    1) Depois de uma janela de Dezembro bem sucedida em 1999/00 (André Cruz, Prates e Mpenza, mas também já o lesionado Spehar), no defeso após o título esta dupla maravilha abriu o portão a um camião de entulho como raras vezes se viu.

    Nesse Verão de 2000, entre algumas contratações de internacionais portugueses a peso de ouro, com João Pinto à cabeça, foram Duque e Freitas os responsáveis pela contratação de astros como Hugo, Bruno Caires, Horvath, Mahon, Kirovski ou Mário Cáceres.

    2) Duque despediu-se de Alvalade nos primeiros dias de 2001, pouco depois de ter feito de Rodrigo Tello o jogador mais caro da história do SCP até então.

    3) Mas Freitas ficou, ficou e ficou.

    Sairia pouco depois do final da época 2004/05, para regressar poucos meses depois, quando Paulo Bento foi promovido a treinador principal.

    E voltou a sair em inícios de 2008, para regressar pela mão do gnomo Godinho Lopes, juntamente com a sua Lista dos horrores.

    4) Nas suas duas primeiras passagens pelo Sporting, trabalhando já sem Duque, entre 2001 e 2005 e depois entre 2005 e 2008, Freitas contratou anedotas como Nalitzis, Marcos Paulo, Kutuzov, Silva, Mota, Labarthe, Koke, Farnerud, Bueno, Had, Grimi, Gladstone, Celsinho, Purovic ou Tiui, e mais outros de que me esqueça.

    5) Chegaram bons jogadores, é verdade, nomeadamente jogadores já eram conhecidos e custavam caro. Com uns milhões de contos para gastar, não era preciso um mago do CM para contratar João Pinto, Sá Pinto ou Jardel. Qualquer zarolho poderia fazer um relatório a dizer que eram bons.

    6) Excepções neste curriculum lamentável terão sido Niculae e Liedson, jogadores de valor ainda não muito conhecidos, mas que mesmo assim ainda custaram 5 e 3 milhões de euros respectivamente.

    7) Uma outra excepção foi Enakarhire, contratado ao Standard de Liege em 2004 e vendido ao Dinamo de Moscovo após uma época de bom nível, que a história nos diz ter sido, de entre as dezenas de jogadores contratados por Freitas, o único em que o Sporting conseguiu realizar mais-valias.

    Todos os outros jogadores detectados pelo olho clínico de Freitas saíram a custo zero no final dos respectivos contratos, foram transferidos por menos do que custaram ou rescindiram os seus contratos por acordo, com o Sporting a pagar a factura.

    Em conclusão: se o apanharem por estes três casos, será como o Al Capone que foi dentro por fugir ao fisco.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Só uma correcção ao ponto 6: o Niculae veio a pedido do Boloni, não foi o mago Freitas que o descobriu. A única excepção no horrendo cv do Freitas é mesmo o Liedson.

      Eliminar
    2. Sardo, é uma lista aterradora, de facto... admito que não tinha memória de que Freitas tinha falhado assim tanto. Um abraço.

      Eliminar
    3. Queres ver que afinal o Sporting também contatava flops? E que não era só pelos árbitros que perdia? Realmente.. Deco, Maniche, Diego, Pepe... entre muitos outros da equipa que ganhou mais vezes eram muito fracos e só ganhavam aos kmets e outros por causa dos árbitros.
      Daqui a 10 anos vão falar dos cisses, slavchevs, shikabolos etc...

      Eliminar
    4. Já agora das 30 e tal contratações do BC quantas é que são "REALMENTE" boas?

      Eliminar
  8. Não foi o Duque que há uns tempos disse que enquanto esteve na direcção do Godinho lhe passava tudo ao lado e não o ouviam para nada? Se isto é verdade sabe lá ele se as acusações são todas falsas ou não :)
    Até disse que um dia acordou e o Elias estava lá!

    http://i.snag.gy/eBs6p.jpg

    Destaco também a última citação da imagem :)

    ResponderEliminar