sexta-feira, 14 de novembro de 2014

Indignemo-nos!

(obrigado, Sar)

Indignemo-nos. É inqualificável que alguém ponha em causa a dignidade dos jogadores. Sejam treinadores...


... dirigentes...


... ou até mesmo jogadores.


E também é inqualificável que um presidente critique publicamente os seus jogadores. Onde é que já se viu tal coisa?





25 comentários :

  1. É a primeira vez que aqui comento. Duas perguntas:

    1- O facto de um erro ter sido cometido anteriormente torna a sua repetição desculpável?

    2- Este trabalho é remunerado ou é pro bono?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. 1 - Na minha opinião também foi um erro, mas o ponto é que não se compreende a indignação geral que surgiu

      2 - É o maior insulto que alguém já me dirigiu desde que iniciei o blogue. Deplorável ser de alguém que usa o símbolo do Sporting como avatar.

      Eliminar
    2. Realmente, não se compreende a indignação das pessoas perante erros.

      Eliminar
    3. O que se compreende, bem demais e sem margem para dúvidas, são as indignações selectivas.

      Andam loucos de raiva...

      Eliminar
    4. Deve ser isso. Dá muita raiva aos adversários ver o Sporting num brilhante 8º lugar.

      Eliminar
  2. Eu não concordo que por alguém já ter dito isso no passado, faça com que seja correto dizer-se isso agora. Acho incorreto antes e acho incorreto agora.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mike, estamos de acordo. Remeto a explicação do post para o que o André Mendonça escreveu no comentário abaixo. :)

      Eliminar
  3. Pelos vistos não perceberam. Eu vou explicar.

    Não está em causa se foi bom, mau ou assim-assim.

    Está em causa que este barulho todo se deve ao facto de ter sido feito por quem o fez. Porque incomoda, chateia muito os que andam no futebol para ganhar a qualquer custo.

    Esclarecidos?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É precisamente essa a minha opinião, André. Aliás, já escrevi por mais que uma vez que achei precipitada a reação de BdC - o que aconteceu em Guimarães veio em completo contraciclo do que os jogadores vinham mostrando.

      O que não se compreende é as reações de indignação em massa, e que só aconteceram porque se tratava de BdC. Se fosse outro a fazer as mesmas declarações, não havia metade do barulho.

      Eliminar
    2. Eu não estou esclarecido. Se o problema é esse, a melhor maneira de o esclarecer não é colocar exemplos de presidentes que criticam publicamente os jogadores. Isso é só mostrar que há quem já tenha cometido o mesmo erro. Neste caso, é preciso colocar exemplos das mesmas pessoas que agora criticam o Bruno Carvalho a aplaudirem esses presidentes quando eles criticaram publicamente jogadores. Não me lembro de alguma vez ter acontecido. Que os presidentes devem ter uma postura mais recatada é uma questão de simples bom senso.

      Eliminar
    3. Errado. Apenas é preciso verificar se todos estes "indignados" se comportaram de maneira idêntica perante "erros" iguais.

      A resposta é claramente um não!
      Em todos os casos, excepto num, houve silêncio ou tratou-se o "erro" como uma coisa perfeitamente banal.

      Eliminar
    4. Errado. Os presidentes aqui citados a criticar jogadores são todos estrangeiros. É perfeitamente natural que haja menos "indignados" na imprensa portuguesa sobre isso. Aliás, não é por acaso que duas dessas notícias são retiradas de meios de comunicação estrangeiros. Só falta mesmo os sportinguistas exigirem que a imprensa portuguesa dedique tanto espaço à análise do comportamento de presidentes de clubes estrangeiros como à análise do comportamento de presidentes de clubes portugueses.

      Eliminar
    5. Errado novamente, vejo três casos envolvendo um dirigente, um treinador e um jogador, Portugueses, a usarem precisamente a mesma expressão que o Presidente do Sporting Clube de Portugal usou. Dois dos casos até envolvem directamente o SCP (o treinador principal e o responsável máximo do departamento de futebol)!

      Resultado, zero reacção dos pobres indignados selectivos.

      Neste caso, estimo verificar, que além dos pasquins, defensores dos indignados e oprimidos, até os adeptos de benfiorto e portifica se encontram entre a turba indignada.
      Impagável!

      Eliminar
    6. Curiosamente, está outra vez errado. Até podem compilar 700 casos de treinadores, jogadores e dirigentes (que não presidentes). O que está aqui em causa é o facto de ter sido o presidente. Ele não é um jogador, um treinador, um líder de claque (embora pareça) nem um dirigente menor. É o presidente. É isso que está em causa. Um presidente deve ou não criticar em público os jogadores, acusando-os de falta de dignidade? O mais elementar bom senso diz que não.
      Onde estão os benfiquistas e portistas indignados com as críticas do BdC? Não vi. Só se indignação não significa o que vem no dicionário.

      Eliminar
    7. O Soberbo, não viu indignação? Eu pessoalmente não me incomodo com o que os benfiquistas e portistas anónimos pensam e dizem sobre o assunto, mas para os benfiquistas e portistas encapotados na comunicação social que se vendem como "isentos". Valeu de tudo: o Sporting ganha apesar de BdC, BdC vai acabar com o Sporting, BdC desvalorizou ativos, BdC isto, BdC aquilo.

      Primeiro era a questão da crítica em público: está visto que outros treinadores, jogadores e presidentes fazem o mesmo. Depois era a questão da dignidade: está visto que todos fazem o mesmo. Os outros presidentes não utilizaram a expressão da dignidade diretamente, mas será que dizer que "os jogadores nem precisaram de ir ao duche" não é igualmente contundente?

      Eliminar
  4. Mestre,

    Sabes que a grandíssima maioria das vezes estou de acordo com o que aqui escreves! E como disse ontem, por mim tinhas um programa na Sporting TV. A sério!

    Neste caso, não estou. A primeira derrota no campeonato não justificava aquelas palavras no fb do nosso presidente. Podia ter havido uma conversa interna, vir para o fb com aquela conversa não fez sentido. Como não fez sentido perder-se 40 min a falar deste tema na entrevista da hora do presidente.

    BC tem de ser mais presidente e menos adepto. Tem de dizer que a recuperação financeira e desportiva está a fazer-se mas que demora 1, 2, 3, 4 anos, um mandato se for preciso. Falar-se no título todas as semanas como se falou, ou o Inácio dizer que partíamos na pole position...não fez sentido.

    Não pode encher a equipa B (alguns inicialmente até eram para a A) de entulho quando temos jogadores melhores formados na Academia (Sambinhas, Enohs, Dramés, Slachevs, Matias Perez, Geraldes, Sakhos...não são melhores que Nuno Reis, Betinhos, Semedos, Wallyson, Iuris ou Esgaios).

    Não há dinheiro para despedir o Abel? Para grandes estrelas? Certo! Ok, mas então que não se gaste o pouco que temos nestes jogadores que não acrescentam nada e vêm ocupar os lugares de miúdos com mais potencial.

    Ps- Alguns dos meus jogadores favoritos do clube vieram para a equipa A com esta direção: William, Montero ou Paulo Oliveira. Tanaka acredito que foi uma boa compra e o Gauld já devia estar na A. Rabia acredito que pode ser muito útil! Mas que não se compre tanto porque é deitar dinheiro à rua!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. PM, a direção não está isenta de erros - bem pelo contrário, já cometeu vários e há-de cometer mais. Felizmente os pontos positivos superam largamente os pontos negativos.

      BdC devia tentar ser menos adepto e mais presidente, de acordo. Mas as qualidades das pessoas vêm acompanhadas de defeitos. Para mim as maiores qualidades são a sua determinação e paixão pelo clube, mas também acho que se poderia poupar a tantas declarações públicas. Mas as pessoas vão aprendendo, e tenho esperança que consiga controlar os defeitos sem perder as qualidades que tem.

      Um abraço.

      Eliminar
    2. De acordo mestre. A recuperação financeira do clube tem sido verdadeiramente fantástica e a desportiva muito boa. Vamos dar passos seguros e ter um pouco mais de ponderação. Eu não exigo nenhum titulo a BC porque sei bem o estado em que apanhou o clube.

      Na formação, valorizo 0, os títulos conquistados. Esses podem ir todos para o Benfica. Alguém sabe se o Ronaldo ganhou algum titulo na formação? Interessa-me sim que continuem a subir miúdos para a equipa principal.

      Abraço

      Eliminar
    3. PM, Ronaldo não ganhou nenhum título na formação porque o Sporting preferiu prepará-lo para integrar o plantel dos seniores na época seguinte. Palavras do próprio Aurélio Pereira (AQUI). Isto mostra que títulos nas camadas jovens nunca foram a prioridade.

      Se calhar é uma boa altura para recuperar estas palavras de Aurélio Pereira num post próprio.

      Um abraço.

      Eliminar
  5. A máquina está em movimento para pressionar BdC a demitir-se. Isso é um óptimo sinal pois é a prova de que há muita gente incomodada. O pior é haver tantos sportinguistas a alimentarem essa máquina. É altura de nos mantermos unidos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tiago, votei BC nas últimas 2 eleições por isso esse discurso não é para mim. Sou sócio e tenho gamebox. Faça chuva ou faça sol estou no estádio a apoiar a equipa. Acho que temos um grande presidente e um grande treinador...mas que têm cometido alguns erros. O que considero importante é que aprendam com esses erros e os corrijam. Apenas e só isso.

      Eliminar
    2. PM, o discurso não era para ti.

      Eliminar
  6. Venho juntar aqui outra crítica feita a pelo diretor desportivo do Schalke 04.


    «Na primeira parte fizemos tudo o que era possível de forma errada. Não nos defendemos bem e acabou por ser uma prestação embaraçosa», considerou Heldt, acrescentando: «Nós até podemos perder com o Chelsea - agora a maneira como perdemos foi verdadeiramente inaceitável»

    http://www.maisfutebol.iol.pt/internacional-liga-campeoes-schalke-04-sporting-chelsea-horst-heldt/547603fc0cf22af2775d09f8.html

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito pertinente, Pedro. Não tinha conhecimento que tinha dito isso. Obrigado e um abraço!

      Eliminar