sexta-feira, 5 de dezembro de 2014

Dois pequenos pormenores que fazem toda a diferença

Gosto muito do programa Linha Avançada. Sou ouvinte regular (não assíduo) há anos porque acho que o registo bem disposto de José Nunes é algo de refrescante em relação a tudo o resto que se faz na comunicação social - e a brincar também se dizem coisas sérias.

Hoje, no entanto, mandou um tiro completamente ao lado quando argumentou a favor da exclusão de Deyverson e Miguel Rosa do Benfica - Belenenses de amanhã:


José Nunes acha que os jogadores emprestados não devem jogar contra os clubes de origem, por causa das suspeições que podem ser levantadas se esses atletas cometerem erros que prejudicam o seu clube atual em favor do clube com quem têm contrato.

Não estou de acordo. Habituei-me a ver os jogadores emprestados pelo Sporting a darem tudo dentro de campo quando nos defrontam: Wilson Eduardo, Cédric, Adrien e João Mário são exemplos relativamente recentes de jogadores que jogaram (e bem) contra o Sporting, causando-nos inclusivamente grandes amargos de boca. Tenho muitas dúvidas que haja algum profissional que se preze que considere a possibilidade de prejudicar conscientemente a equipa e os companheiros com que treina e convive diariamente. A existirem jogadores desses, serão certamente exceções.

O penálti exemplarmente convertido por Tozé contra o Porto é disso um excelente exemplo. Mas é verdade que se tivesse falhado seria motivo de discussão durante dias. E fica muito mal a José Nunes justificar a ação do Benfica com o facto de o Porto ter feito o mesmo com Kléber há umas semanas.

Mas voltando ao caso concreto de Miguel Rosa e Deyverson, há dois pequenos pormenores que desarmam pela raíz a argumentação de José Nunes:
  • A Liga criou uma lei que proíbe explicitamente que os clubes que emprestam impeçam a utilização dos seus jogadores contra si, ou seja, se o Belenenses não utilizar os jogadores (que são titulares indiscutíveis) está a haver uma violação da lei
  • Miguel Rosa e Deyverson não estão emprestados pelo Benfica, são jogadores do Belenenses - o Benfica detém somente uma percentagem dos direitos económicos e direitos de preferência em caso de transferência

O facto de o Belenenses não utilizar os jogadores é uma vergonha para a transparência no futebol, e é mais uma prova que a direção do Benfica aprecia o modo de ação a que o Porto habituou o futebol português - não olhar a meios na obtenção de vantagens competitivas ilícitas sobre os adversários.

Resumindo e concluindo: devia ser proibido o empréstimo de jogadores a clubes da mesma divisão. Acabava com estas discussões e os grandes seriam obrigados a formar plantéis com maior critério.


P.S.: Esteve muito bem o Record ao chamar o assunto para a capa.



26 comentários :

  1. Eu sou a favor de os jogadores jogarem e acho uma vergonha, não o fazerem...mas a história têm exemplos de suspeitas de jogadores ligados aos clubes, o próprio Eusébio chegou a confessar que quando jogava no União de Tomar, de dizer ao treinador que não queria jogar contra o Benfica, e a jogar que não queria marcar livres ou penaltis, nesta história não existem inocentes, temos exemplos em todos os clubes, dos dois lados, que jogaram, que não jogaram, e jogadores que foram criticados por prestações menos conseguidas, a Liga e federaçao, deviam regular a questão. E têm aqui outro exemplo, muito polémico...já ouviu falar no Manaca? http://www.record.xl.pt/Futebol/interior.aspx?content_id=19918

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não foi o União de Tomar, foi contra o Beira-Mar.

      Já ouviu falar de Jorge Ribeiro? Makukula? Brassard? Pedro Roma? Amoreirinha?

      Eliminar
    2. Pedro, não conhecia esse episódio. Nesse caso nem sequer era um jogador pertencente ao Sporting, pelo que está lá escrito.

      Um abraço.

      Eliminar
    3. Sim, mas o Miguel Rosa também é jogador do Belenenses. E por isso, ainda é mais polémico. Aqui a questão é da ligação que têm ou tiveram aos clubes.

      Eliminar
    4. Se fosse assim poucos jogadores poderiam defrontar todos os grandes... :)

      Também há outra coisa: creio que a ligação emocional dos jogadores de hoje aos clubes tem pouco a ver com aquilo que existia há 30 anos. Hoje o sentimento de um jogador para com o clube é mais frio e de base profissional. Mas é claro que podem haver exceções.

      Eliminar
    5. O mais giro disto disto é que é preciso recuar a 1980 para encontrar no Sporting um episódio mais ou menos parecido (e que nem sequer o é, toda a gente que fala no Manaca nem nunca viu as imagens do golo).
      Já no benfica e no porto, são vários casos destes todos os anos.

      Eliminar
    6. Eu só falei neste caso, pois deu um campeonato e foi polémico, e tive o cuidado de falar também num caso do Eusébio e não acusei nem fiz, autos de fé como aqui são feitos quando se trata de jogadores de outras equipas, que não a nossa , peço desculpa por também não ter imagens, se a lógica for não haver imagens, não se pode falar, conheço algumas pessoas que viram o jogo, e falam do assunto, portanto já não é toda a gente. O Sporting segundo diz, não têm casos polémicos, pois deve se ter esquecido da reacção do Sá Pinto, quando o Adrien jogava na Académica, se são assim tão puros, não deveriam criticar um jogador por ser profissional,lembro-me que o treinador chegou a pôr em causa o seu regresso do jogador ao clube, um exemplo parecido com o do Tozé.

      Eliminar
    7. Estás a falar do Adrien que no ano seguinte voltou ao Sporting e foi sempre titular com o Sá Pinto?

      Eliminar
    8. Miudo traquina toca a apanhar boleia para ir ver o grande Sporting.Fui ver esse jogo a Guimarães.Uma tarde de Domingo cheia de sol.Milhares e milhares de sportinguistas tanto dentro do estádio como fora.

      Dessa tarde nunca mais me esqueço na vida ,nem eu nem amigos meus,uns do Benfica outros do Porto.Um do Benfica lembra-se da multidão de sportinguistas,outro do Porto lembra-se das situações em que o Manaca não colocou os jogadores do Sporting em fora de jogo e do golo na própria baliza....

      Eu lembro-me do futebol espectáculo ao Domingo em Guimarães,da multidão de adeptos e da avalanche de futebol atacante do Sporting.Eu lembro-me das oportunidades flagrantes de golo perdidas pelo Manuel Fernandes.Aliás estive com ele em Braga e relembrei-lhe essa situação.Ele estava com a equipa B do Sporting no tempo do Godinho.

      Memórias da minha infância.Grande dia.

      Eliminar
  2. É isso e as 3 (!) expulsões aos jogadores do Boavista na semana passada. Coincidências. Não deves ter reparado nisso, a não ser que jogassem connosco, claro. Aí já tinha direito a post. Andas distraído. Deve ser do frio.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Benfiquista Tripeirso, não vi o resumo, mas segundo o Record foram os 3 bem expulsos.

      Faço posts desse tipo quando acho que há "coincidências" a mais. Por exemplo, como este em que João Capela (um dos suspeitos do costume) expulsou injustificadamente um defesa do Belenenses que depois não pôde jogar contra o Benfica: LINK

      Um abraço.

      Eliminar
    2. Como diz o Manuel Machado "Um cretino é sempre um cretino" !...

      Eliminar
    3. Mestre, exacto, 3 expulsos em 15 minutos ou lá o que foi. Coincidência a mais, para mim. Quanto ao que o record diz, não me interessa nada.

      Eliminar
    4. O 3º era inevitável. O 1º parece-me aceitável. O 2º só o árbitro saberá o que o jogador lhe disse. LINK

      Eliminar
    5. Já agora vou dar a minha opinião em relação ao tema do post.

      Acho que devem jogar, claro.

      Eliminar
    6. Sim, foi para favorecer o Sporting! Porque o Boavista é a equipa mais correcta do campeonato e nunca tinha tido nenhum jogador expulso...

      Eliminar
  3. O slb devia ser coerente neste tipo de situações.

    Quer dizer, estes (e outros) não podem participar em jogos com a casa-mãe, mas o Paixão, o Duarte, o Luís Ferreira, o Vasco Santos, o Mota e Bruno Esteves, etc, já podem?

    Não são todos filhos do slbLab?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cantinho, de facto devia haver mais coerência... :) E no entanto esta época quase que já todos picaram o ponto... Um abraço.

      Eliminar
    2. Claro que já picaram. Aquilo é uma fábrica de talentos.

      Eliminar
  4. Por mim deviam jogar sempre. So nao percebo a logica de se dizer que nao deixaram o Kleber jogar quando todos vimos o Toze a jogar.
    Ainda no tempo do VP vimos tb o Bracalli a defender tudo no Dragao

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vimos o Tozé jogar, marcar e no fim ser agredido e acusado de ser mau profissional pelos dirigentes do porto.

      Eliminar
  5. "A Liga criou uma lei que proíbe explicitamente que os clubes que emprestam impeçam a utilização dos seus jogadores contra si, ou seja, se o Belenenses não utilizar os jogadores (que são titulares indiscutíveis) está a haver uma violação da lei"

    Exacto, de acordo... mas então como é que se aplica essa lei dos empréstimos se...

    "Miguel Rosa e Deyverson não estão emprestados pelo Benfica, são jogadores do Belenenses - o Benfica detém somente uma percentagem dos direitos económicos e direitos de preferência em caso de transferência"


    Subscrevo: "Resumindo e concluindo: devia ser proibido o empréstimo de jogadores a clubes da mesma divisão. Acabava com estas discussões e os grandes seriam obrigados a formar plantéis com maior critério."

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. JM, são dois argumentos independentes que contradizem aquilo que José Nunes (e agora Jorge Jesus) disseram. Como é evidente o 1º não se aplica ao caso concreto em questão. Um abraço.

      Eliminar
  6. http://www.record.xl.pt/Futebol/Nacional/1a_liga/Benfica/interior.aspx?content_id=918559
    "Não sei qual é legislação em Portugal, nem qual é o acordo [entre os clubes]. Sei apenas o que sucede noutros países, onde os jogadores emprestados não podem ser utilizados nestas circustâncias, pois é assim que está contratualmente decidido. Em Portugal não sei como é. Não conheço em termos da legislação."

    Surreal a vários níveis.
    É que nem pode haver (legalmente) acordo entre os clubes nem os jogadores estão emprestados.

    ResponderEliminar
  7. Os jogadores são do Benfica? É que nem emprestados são... Por isso o belenenses faz o que quiser.

    ResponderEliminar