segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

Liga Europa: recuperar a máxima de pensar jogo a jogo

in record.pt

A minha opinião sobre aquilo a que podemos aspirar na Liga Europa não mudou com o desapontante empate de ontem: é impensável que possamos ser considerados favoritos nesta competição.

Existe uma diferença de orçamentos demasiado grande entre o Sporting para muitas das equipas ainda em prova para podermos achar que o Sporting tem a obrigação de eliminar qualquer equipa que lhe apareça ao caminho. Como é evidente, 

O facto de o Benfica ter chegado à final nos últimos dois anos não significa que a prova se tenha tornado um passeio para qualquer equipa com ambições. O Benfica chegou à final nos últimos dois anos porque tinha um plantel com grande profundidade, capaz de suportar o desgaste acumulado de jogar consecutivamente de quatro em quatro dias.. 

É verdade que olhando para o leque de adversários, não vejo nenhum a quem não possamos vencer numa noite inspirada. Não há tubarões, não há missões impossíveis. A participação na Champions mostrou-nos que temos material para competir com qualquer uma das equipas que estão este ano na Liga Europa (continuando a ser urgente contratar em janeiro um central que dê outras garantias), mas fiquemo-nos por aí - será necessário uma conjugação muito feliz de fatores (nível de forma de elementos-chave, ausência de lesões, sorteios favoráveis, etc.) para conseguirmos chegar longe na competição.

Como tal, parece-me oportuno recuperar a máxima de pensar jogo a jogo, e logo veremos onde chegamos. Sem obrigações de espécie alguma.

Quanto ao sorteio, lá está: seria simpático que pudéssemos retardar lá mais para a frente o confronto com os adversários mais difíceis (que na minha opinião são, por ordem de dificuldade decrescente, Roma, Wolfsburgo, Sevilha e Liverpool). Uma visita à Dinamarca ou Suiça seria particularmente agradável.

16 comentários :

  1. Não acredito nesta equipa,nem do treinador.Uma equipa que vai defrontar o Moreirense como de um jogo de fim de época se tratasse não pode aspirar a grandes coisas na Liga Europa.

    É de lamentar a falta de preparação e concentração competitiva que a equipa do Sporting demonstra quando vai jogar com equipas de nível inferior.Nesse aspecto o Marco Silva é o principal responsável.

    Para além do mais anda a mexer mal na equipa.Não se compreende a titularidade do Miguel Lopes.Arrisco-me a dizer que para um clube como o Sporting estar na 13ª jornada em 5º lugar a 10 pontos do primeiro,num campeonato nívelado por baixo,qualquer adepto de bancada faria o mesmo que o Marco Silva está a fazer.

    Na minha opinião também o próprio presidente se precipitou ao falar que o Sporting iria lugar para ser campeão porque o Sporting não compete com as mesmas armas dos adversários.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. King Lion, o foco nas competições europeias até agora tem sido irrepreensível. Fosse assim no campeonato e não teríamos empatado com Belenenses, Paços e Moreirense, nem teríamos perdido com o Guimarães.

      Também não compreendo por que motivo Cédric não tem jogado. Espero que não seja um (mau) sinal sobre o processo de renovação.

      Um abraço.

      Eliminar
  2. Não se admite o que se passa no Sporting.Os jogadores não podem só estar interessados a dar o máximo em jogos das competições europeias e aí o Marco Silva tem grandes responsabilidades no que está a acontecer.

    É triste uma equipa ser apoiada por 30 mil pessoas num estádio e não constituir motivo de interesse para estes profissionais de treta.É colocar notas de 500 euros atrás das redes para ao menos eles saberem onde se encontram as balizas.

    Abraço

    ResponderEliminar
  3. Respostas
    1. Sem dúvida, Hugo. Teremos as nossas hipóteses, de qualquer forma. Um abraço.

      Eliminar
  4. em relação ao que podia calhar acho que calhou das equipas mais dificeis8 senão a mais difícil a par da roma) que nos podia calhar

    ResponderEliminar
  5. OFF-TOPIC

    Fica aqui um texto ao qual eu gostaria, muito sinceramente, que o Mestre respondesse. De preferência, no próprio VdM.

    http://visaodemercado.blogspot.pt/2014/12/uma-duvida-que-me-assiste.html

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também li. Deixo-lhe o meu comentário certamente cortado pelo "lápis azul" lá do sítio:

      "Se tivermos em conta os ataques cerrados da CS, os tentáculos do monstro bipolar, o cisma dos homens de azul (APAF) e a bílis de umas quantas putas opinantes da nossa praça, é de facto difícil entender como permanece o SPORTING CLUBE de PORTUGAL um grande..."

      Aquela conversa para boi dormir tem pouco de inocente. O antisportinguismo tem sido muito exacerbado e em alguns momentos, raros é certo, serviu para nos dar mais força.

      Eliminar
    2. Não vale a pena andarem a discutir os tamanhos das pilinhas com essa gente!

      O SCP será sempre grande, pela sua história, pelo seu ecletismo mas acima de tudo pela paixão dos seus adeptos!

      SL,

      Eliminar
    3. Esse site é gerido por croquetes. Aposto até que a autora desse texto é "sportinguense", sim daqueles que dizem que são do Sporting mas que só dizem mal nos maus momentos e não aparecem nos bons momentos desde que Bruno de Carvalho se tornou presidente.
      Neste momento é esterco, aconselho mesmo os Sportinguistas a não darem pageviews a esse esterco que está ao nival do esterco da manhã e rascord.

      Eliminar
    4. Não costumo ler o Visão de Mercado. Já segui, mas passados dois ou três meses deixei de ler porque não tenho paciência para gente prepotente e parcial.

      Fui ler esse link, e em relação à autora do texto posso dizer o seguinte: ainda é estudante, publicou um "romance" há cerca de um ano e meio, e no seu currículo coloca como nota de destaque que de vez em quando tem textos publicados no Visão de Mercado. Aliás, o livro dela deve ser tão bom que a página de Facebook em 18 meses conseguiu a estrondosa marca de 59 likes.

      É uma pateta que escreve estas coisas para dar nas vistas. Não merece que se dê importância.

      Um abraço.

      Eliminar
    5. Por acaso a Inês costuma ser das que melhor escreve lá, independentemente de se concordar ou não com a opinião dela.

      É óbvio que tanto portistas como benfiquistas preferem que o SCP deixe de ser grande (ou de ser tratado como tal).

      Mas os adeptos é que fazem o clube grande e aí estamos bem vivos.

      Eliminar
    6. Mike, num site pretensamente neutral, sério e com fins comerciais, posts deste tipo servem apenas para chamar a atenção e para aumentar a visibilidade - a polémica vende. Mas é o Visão de Mercado de que estamos a falar, portanto a surpresa não é grande.

      Em relação à autora, nunca tinha lido nada sobre ela. O que posso dizer sobre este post em concreto é que a argumentação é incoerente e tem omissões graves. Não fiquei impressionado... :)

      Um abraço.

      Eliminar
    7. Gosto especialmente da parte em que para conseguir um resultado de "poucos troféus " junta na mesma frase "ecletismo" mas com a exceção de estar só a falar de "modalidades coletivas", com exceção de ser "nos últimos anos" com ainda a exceção da modalidade "Futsal".
      É demasiado burro o texto dessa miúda.
      Abraços

      Eliminar
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar