segunda-feira, 5 de janeiro de 2015

Bruno de Carvalho e os erros

Bruno de Carvalho, do ponto de vista da tradicional longevidade de um dirigente desportivo, é uma criança que está a aprender a ler e escrever num mundo recheado de adultos que já andam nisto há tempo suficiente para terem aprendido tudo o que há para saber.

Vieira é presidente do Benfica há onze anos, mas o seu passado desportivo enquanto diretor do Benfica e presidente do Alverca estende a sua experiência para um total de mais de quinze anos, tempo esse onde também teve oportunidade para estagiar com catedráticos como Pinto da Costa ou José Veiga. Durante todo esse percurso, não só nos deixou um legado de promessas que fazem parte do anedotário futebolístico nacional como cometeu uma infinidade de erros evidentes para todos (reconhecendo apenas um: o despedimento de Fernando Santos ao fim de uma jornada). Com o decorrer do tempo percebeu as suas limitações comunicacionais e que quanto menos fala menos escrutinado é, e agora tomou o gosto à arte da invisibilidade quando as coisas não lhe correm bem - esperando que os assuntos polémicos morram de velhice.

Pinto da Costa anda nisto há mais três décadas. Antes de ser presidente já tinha alguma experiência de dirigismo no clube, mas certamente que terão sido muitos os erros cometidos no princípio. A questão é que o escrutínio público no princípio da década de 80 é incomparavelmente inferior aos tempos de cobertura mediática furiosa que vivemos hoje. Pinto da Costa está agora claramente em declínio - o que é natural face à sua idade - mas continua a ser incapaz de reconhecer um erro em público.

Ambos têm muitas características em comum: o tentar passar uma imagem de infalibilidade é apenas uma delas.

Independentemente do que se tenha passado entre Bruno de Carvalho e Marco Silva, independentemente das responsabilidades que Bruno de Carvalho possa ter nas intervenções de José Eduardo, independentemente das razões que possam assistir a presidente e treinador, uma coisa é indiscutível: durante demasiados dias a vida do Sporting esteve totalmente descontrolada, certamente muito para além daquilo que Bruno de Carvalho alguma vez terá imaginado. É óbvio que Bruno de Carvalho cometeu erros e o clube sofreu um período de enorme instabilidade à custa desses erros.

Segundo o Maisfutebol, foi Bruno de Carvalho que na manhã de sábado promoveu a reaproximação com Marco Silva. Conversaram, encontraram forma de se entenderem a ponto de os dois ficarem suficientemente confortáveis para continuar a desempenhar as suas funções em prol do clube. Para mim é suficiente: não preciso que presidente e treinador sejam amigos, basta que saibam trabalhar juntos. Antes do jogo com o Estoril, Bruno de Carvalho fez uma declaração à Sporting TV onde reconheceu culpas próprias e a importância de manter o clube num clima de paz.

Não sendo possível apagar tudo aquilo que aconteceu, não podemos menosprezar a importância desta atitude do presidente, à presidente. Bruno de Carvalho soube colocar os interesses do clube acima do seu orgulho, mesmo que tenha sido a contragosto. Os detratores dirão que só o fez por temer a queda da sua popularidade, mas podemos ver a sua atitude por outro prisma: Bruno de Carvalho soube ouvir e avaliar a situação devidamente e teve capacidade para agir de forma a matar esta novela de forma bastante eficaz. 

Não há nada pior para uma organização que um líder que seja incapaz de reconhecer os erros que comete e que seja incapaz de aprender com eles. Bruno de Carvalho é humano, já cometeu erros e continuará a cometer erros no futuro. Havendo conclusões negativas a retirar de tudo o que se passou, não devemos menosprezar o facto de Bruno de Carvalho ter demonstrado que percebeu o que falhou e de ter tomado as ações necessárias para corrigir a situação. E como é um homem inteligente, acredito que tenha aprendido muito com tudo aquilo que se passou ao longo das últimas semanas. E se assim for, não tenho grandes dúvidas de que temos hoje um presidente melhor do que tínhamos há três dias atrás.

7 comentários :

  1. Bom dia, Mestre!

    Completamente de acordo com o post. Finalmente, todos a remar para o mesmo lado!
    E se considerarmos que o Presidente engoliu o orgulho para corrigir um possível erro, sabendo do seu feitio e egocentrismo, mais é de valorizar.

    Espero que agora seja sempre a somar!

    Abraço e SL

    ResponderEliminar
  2. União é o que se pede. E finalmente parece que é o que temos.

    ResponderEliminar
  3. Tenho pena de uma coisa após isto tudo, é que provavelmente o presidente não vai ter tolerância para mandar mais uns comunicados("piçadas") quando as coisas correrem mal(empates com equipas mer*osas e falta de atitude). Depois dos "milhoes" de likes no facebook(lol), ele vai ter que se aguentar quando as coisas correrem mal. É que os comunicados deram um "jeitaço" do caraças, a equipa teve sempre bons resultados nos jogos seguintes.
    Ah e não adianta virem com "as coisas têm que ser faladas é lá dentro" porque isso não resulta. Se até uma simples convocatória de um jogo da taça da liga sai cá para fora, imagino uma ferroada que ele dê no balneário.

    PS: A CS não desarma, temos 20 programas na tv com 80% do seu tempo dedicado a "bater no BdC", mesmo depois das palavras do BdC, MS e JE no sábado.
    Alguns desses comentadores, supostos sportinguistas, ainda são mais nojentos do que alguns de outros clubes.

    Pelo menos ainda temos muitos com a pestana aberta:
    https://www.youtube.com/watch?v=gk-Eumge4JU

    ResponderEliminar
  4. Sinceramente não estava à espera deste desfecho, mas saluto a humildade de BdC reconhecer o erro e fazer um mea culpa público.

    O positivo que se poderá tirar desta excusada situação é a não repetição dos mesmos moldes por parte de BdC e uma melhor escolha de conselheiros (e a percepção do desastre que é apoiar o quer que seja em JE).

    Abraço.

    ResponderEliminar
  5. Mestre, estamos de acordo que (à partida) o BdC terá tomado a decisão acertada e que se impunha.

    Mas todo este caso foi tão estranho que pergunto: qual foi o "erro" de Marco Silva que despoletou tudo isto?

    Terá sido corrigido? Não me parece. Só vejo mesmo a pior hipótese para o Sporting, ou seja

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. * continuação

      o BdC ter engolido um sapo, dos enormes, e que a qualquer momento poderá explodir.

      Esperemos que tenha sido apenas um (monumental) erro de avaliação do BdC.

      Eliminar
  6. Três imagens para possível matéria :-)

    https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10203533392719070&set=a.1165312256611.2023829.1342038626&type=1&theater

    https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10203533379838748&set=a.1165312256611.2023829.1342038626&type=1&theater

    https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10203533210514515&set=a.1165312256611.2023829.1342038626&type=1&theater

    ResponderEliminar