quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

Já que chegámos até aqui...

... porque não assegurar a qualificação ganhando o jogo de logo? Acabaria indiscutivelmente por ser um desfecho interessante atendendo às circunstâncias que rodearam a nossa participação na edição deste ano da Taça da Liga.

Mais uma boa oportunidade para ver alguns jogadores menos utilizados ou da B. Desilusão pela lesão que impede que Gauld seja opção para hoje, pelo que fica a curiosidade de ver novamente Wallyson, Podence, Sacko ou Dramé. Creio que não faz muito sentido utilizar-se Esgaio numa altura em que o jogador já deve estar mais preocupado em impôr-se na Académica.

Parece-me útil que se dêem minutos a Jonathan e André Martins (principalmente ao argentino, que deverá ser titular em Arouca). Se Slavchev jogasse em vez de Wallyson ou André Martins também não seria mal pensado (pelo menos deixou alguns sinais positivos contra o Boavista). Importante ver o que rende Rabia, que perante um cenário de empréstimo de Sarr passará a ser o 3º central da equipa principal enquanto Ewerton não está em condições de jogar.


Também não desgostaria de ver alguns minutos de Francisco Geraldes, Gelson Martins e até de Diego Rubio.

12 comentários :

  1. Respostas
    1. Ao contrário do Esgaio, não há nada confirmado em relação ao Sarr... podem ser apenas rumores.

      Eliminar
    2. Mesmo sendo só rumores era interessante saber a reação de Ewerton num jogo, já que o plano é vir a ser uma opção para a equipa principal.

      Eliminar
    3. o ewerton pelo que consta precisa de um mês para recuperar a forma

      Eliminar
    4. Exato, vem de uma paragem prolongada, de certeza que não está em condições de aguentar muito tempo de jogo. E usar uma substituição num central é um desperdício...

      Eliminar
  2. Porque não o Ryan Gauld? Parece-me que a equipa desta noite vai ser ele e mais 10.

    Quando foi anunciado o empréstimo do Esgaio foi claramente dito que ele entra em vigor no dia 29 o que me parece querer dizer que ele pode muito bem ainda jogar hoje.

    Diz que o Ewerton ainda não está em condições para jogar por isso não deve ser hipótese.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Li que está lesionado. Se não estiver, como é evidente tem que jogar. Também me parece que o Esgaio irá jogar hoje, mas não vejo grande sentido nisso...

      Eliminar
  3. Até vejo sentido no Esgaio jogar, porque podia daqui a uns tempos dizer algo assim: ajudei o meu Sporting a ganhar a taça da cerveja, mas só joguei a fase de grupos...

    Agora a sério, gostava que jogasse porque é mais uma hipótese que tem de ter mais uma vitória pelo Sporting. O Dramé merecia mais minutos...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. afl!, o Dramé merecia de facto mais minutos. Aquele golo em Guimarães merecia uma recompensa. Um abraço.

      Eliminar
  4. Sarr, Sacko e Rosell são claramente "jogadores" que não valem nada. ZERO. Não sei como é que foram contratados. Algo a corrigir num futuro próximo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo parcialmente, afl!. O Sarr fisicamente é muito forte, mas nem sequer sabe usar a força que tem. Pode vir a dar jogador, mas precisa rapidamente de ganhar consistência no seu jogo. Neste momento não pode ser encarado como uma alternativa real. O Rabia felizmente esteve melhor.

      Rosell está a ser uma desilusão, parece ter uma ação demasiado limitada. Sacko esteve mal hoje, mas pareceu muito ansioso para se mostrar com pouco tempo para o fazer.

      Um abraço.

      Eliminar
  5. Eu não vejo nada de jogador no Sarr, tem muito fisico, pouca cabeça. E quando assim é, é complicado. Num central pede-se concentração total e por muito que ele se dedique e se esforçe (não digo que não), as falhas que evidenciou até agora são falhas graves e que duvido que se desapareçam).

    Sacko, parece-me sempre ansioso, não é só na A, na B também. Se tivesse a calma e tranquilidade do Wallyson talvez conseguisse ser jogador. Esta calma adquire-se jogando para ter consistencia mas nem na B ele consegue isso. Por muito talento que tivesse, se não conseguir conjugar isso com o jogo em si, é uma nulidade, como o foi.

    Rosell, fui dando o beneficio de dúvida até hoje; passes ridiculos, sem velocidade.
    Só é bom numa coisa, que fazemos mais com os miudos do que com a equipa principal, é no primeiro toque (muito por ter a escola do Barcelona). Quando estamos a jogar rápido e ao "primeiro" troque, ele aí raramente falha, pena é que o Sporting não tem (se calhar infelizmente) isso no ADN.

    O Dramé hoje teria sido importante porque é um jogador que sabe rematar e bem!


    Um abraço

    ResponderEliminar