sexta-feira, 15 de maio de 2015

Planos para domingo à noite

Os planos para o final de domingo estão feitos. Às 18h lá estarei em Alvalade para o último jogo em casa da época (parece que os bilhetes para as superiores estão esgotados desde quarta-feira, pelo que deverá haver uma bela assistência). No final, é ir rapidamente para casa para não me sujeitar a ter que me cruzar com demasiados benfiquistas na rua a festejar a vitória no campeonato. Uma vez em casa, escreverei um texto sobre o jogo com o Braga e de seguida desligar-me-ei do mundo até à manhã seguinte - infelizmente o trabalho não se compadece com amuos clubistas.

Sendo para mim uma experiência desagradável estar a ver benfiquistas a festejar um campeonato, é no entanto ainda pior ver palermas como o presidente da AG do Vitória de Guimarães a mandarem bitaites sobre os locais onde os benfiquistas deverão ou não festejar.

Era só o que faltava que os benfiquistas - nomeadamente os que vivem em Guimarães - não possam celebrar uma conquista importante do seu clube em total liberdade. Ou os sportinguistas, quando chegar a nossa altura. Ou quem quer que seja. Da última vez que verifiquei, já tínhamos ultrapassado a era do feudalismo - em que o senhor das terras tinha efetivamente poder para dispor delas como bem entendesse. Não sei se as intenções de José Isidro Lobo eram boas ou se as suas palavras continham algum tipo de ameaça (quero acreditar que tenha sido a primeira), mas se existir algum risco (infelizmente é um facto que dois sportinguistas foram apunhalados na nossa visita a Guimarães para o campeonato), será à PSP que compete direcionar as pessoas para o local mais apropriado.

E já que falamos em PSP, era bom que este ano a divisão do Porto fizesse melhor o seu trabalho e andasse à caça das milícias de jagunços que andarão pelas ruas à espera de encontrar algum adepto benfiquista isolado. No ano passado foi isto que aconteceu:


Sim, eu até compreendo que esses jagunços não gostem de ver benfiquistas a celebrar a conquista de um campeonato, mas isso é um problema deles - e não de quem tem todo o direito de festejar na sua cidade. Fiquem em casa, desliguem a televisão e vão para a cama mais cedo, que isso há-de passar. Se preferirem ir à procura de confusão, então que acabem a noite atrás das grades, que é esse o seu lugar.

25 comentários :

  1. Pensei o mesmo quando ouvi o imbecil do dirigente do Vitória!

    Só lhe faltou dizer mesmo que quem festejasse na cidade levava na tromba.

    No entanto como tudo na vida à que aproveitar estas oportunidades como tal sugeria a alguns dos lampiões assíduos aqui do blog que não falhassem e marcassem presença na cidade berço da nação :) ... bons festejos :).

    ResponderEliminar
  2. Que todos possam celebrar em segurança como acontece na jurisdição da PSP de Lisboa.
    "
    Passou-se no recente encontro de sub19 entre o Sporting e o Porto, disputado em Lisboa.

    Os juniores portistas venceram o jogo por 2-1. Mas os seus pais e familiares não terão ganho para o susto quando foram agredidos por ultras sportinguistas.

    Transcrevemos aqui o texto do facebook de Fernando Saul:

    “Dois pais de jogadores do FCPorto de sub 19 contactaram-me e contaram-me a vergonha que se passou em alvalade num jogo de juniores.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Carlos, pessoas que estiveram no estádio nesse Sporting - Porto em sub-19 contaram-me que esses tais pais e familiares dirigiram palavras e gestos provocadores aos adeptos do Sporting. Levaram resposta em conformidade, as coisas escalaram, e chegou-se a vias de facto de parte a parte. Não justifica qualquer ato de violência, obviamente, mas não foram propriamente santinhos na forma como se comportaram.

      E já agora, esse Fernando Saul (presumo que seja o speaker do Dragão) não é aquele que insulta e ameaça os próprios sócios do Porto que se atrevem a criticar a equipa?

      Figura credível, sem dúvida.

      Eliminar
    2. Mestre, ele não é speaker, é Supporters Liaison Officer. Ou seja, é um pateta: https://www.facebook.com/fernando.saul.1

      Eliminar
    3. Mestre, mestre...

      Tinhas acabado de escrever um post bem consensual e acabaste por te descair com esta tentativa de branqueamento das agressoes nos SUB19....

      Como se costuma dizer por vezes, no melhor pano cai a nódoa.

      Eliminar
    4. Não estou a branquear nada, Costa. Limitei-me a dar uma versão diferente que me foi dada por quem lá esteve. Mas incidentes desses são sempre de lamentar, como é óbvio.

      Eliminar
  3. Não gosto dos lampiões mas ainda estamos num país livre.

    Querem festejar festejem que havemos nós de fazer? Apagar as luzes ligar os aspersores?

    Só tenho pena que o Guimarães se tenha tornado em mais um clube com dono, antes subserviente aos lamps agora aos tripeiros.

    SL

    ResponderEliminar
  4. Também eu me arredo do mundo exterior em noites de festejos dos clubes rivais, principalmente quando são em tons de verde pois em tons de azul ainda são poucos significativos aqui pela capital. É uma excelente oportunidade para uma noite dedicada ao cinema.

    ResponderEliminar
  5. Basta ver as páginas do facebook das claques vitorianas para perceber que se o Sport APAF Belenenses e Benfica ganhar, coisa que desejo ardentemente que não suceda, e os adeptos forem para o Largo do Toural festejar, a coisa vai-se complicar na cidade berço. Vai haver uma reedição da batalha de S. Mamede. Estou a ver que o Norte vai estar em estado de sítio este fim-de-semana... E não pense que a PSP não faz o que pode. Aliás, grande parte dos polícias, até por motivos de segurança, estão deslocados das cidades de origem. Por isso, se quer insinuar que é por serem Portistas que pode existir algum tipo de desleixo, isso não é verdade.

    Relativamente à Invicta, é incontornável que o mesmo vá suceder, já se sabe. Eu não vou bater em ninguém mas não quero barulho à porta de minha casa senão mando-os calar como fiz a alguns no ano passado. Se eles têm o direito de festejar, eu também tenho o direito de dormir sossegado. Não é feudalismo, é democracia. E democracia é aceitar a vontade da maioria. Se a maioria aqui não quer barulho nem festejos, a minoria tem que respeitar. Eu se vivesse em Lisboa também não me ia armar em doido a andar pelas ruas da cidade a festejar, embora bem saiba que alguns o façam, como fazem aqui também. Ficaria no recato de minha casa feliz. Sabem porquê? Porque, para mim, festejos fora da cidade que é casa do clube parecem-me sempre mais provocação do que propriamente uma festa. É mais uma pseudo-afirmação em "território alheio" do que uma celebração verdadeira e com essência. Mas isso é a minha opinião.

    Só mais uma nota. Nunca percebi o fetiche do Sport APAF Belenenses e Benfica festejar em locais que têm monumentos com um leão a esmagar uma águia. Lampionices...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "Festejos fora da cidade que é casa do clube parecem-me sempre mais provocação do que propriamente uma festa. É mais uma pseudo-afirmação em "território alheio" do que uma celebração verdadeira e com essência."

      Não é de espantar uma afirmação destas vinda de um adepto de um clube regional. Não tem como perceber o que é apoiar um clube com expressão nacional, dos quais na verdade só existem 2.

      Eliminar
    2. O problema acho que é mesmo esse. É vocês pensarem que são os donos disto tudo. Não percebes que em Guimarães só há Vitória? Achas que eles não vão ver isso como uma provocação?Eles quando ganharam a taça foram para a cidade deles festejar e com todo o orgulho. Saíram de Lisboa o mais depressa que puderam. O mesmo se passa no Porto. Ninguém põe em causa que são o clube com mais adeptos, mas não o são nestas duas cidades. É assim tão difícil de perceber? O mais irónico é que parece-me que o dirigente do Vitória queria precisamente alertar para este facto mas as declarações dele tiveram exactamente o efeito contrário.

      Eliminar
    3. Este comentário foi removido pelo autor.

      Eliminar
    4. E eu tenho culpa do Vitória não ter adeptos em Lisboa? Se quiserem festejar no Marquês, têm todo o direito. Não sejas saloio.

      Eliminar
    5. e pronto... ficámos a saber que a cidade do porto e de Guimarães não fazem parte de portugal... são território alheio... talvez Basco!
      Querer festejar no meu pais é ser dono disto tudo? Ou tentar impedir é que é querer ser dono disto tudo? Se em Guimarães só há vitoria não haveria necessidade de avisar os benfiquistas, afinal lá não há nenhum! Regional até a morte! Podem roubar os títulos que roubarem mas não passam disso. Democracia não é respeitar a vontade da maioria, é respeitar a lei! São coisas diferentes.

      Eliminar
    6. Eu não ponho em causa o direito à festa de ninguém. Isto é uma questão de bom senso. O problema não está no adepto benfiquista de Guimarães. Esse sabe bem o que a casa gasta e festeja numa casa ou num café com outros benfiquistas, uma vez que nem existem casas de outros clubes na cidade. O problema está no facto dos benfiquistas se quererem impor no local de comunhão dos adeptos vitorianos e eles, bem ou mal, vão interpretar isso como uma provocação. Porque raio não vão atrás do autocarro a buzinar e a fazer a festa pela auto-estrada até Lisboa, caso ganhem? Isto não são suposições minhas, são palavras dos vitorianos. Estou a constatar factos. E eu de saloio não tenho nada, não uso é antolhos. Se a coisa descamba não há polícia nenhuma que segure aquilo. É esse tipo de festa que os lampiões querem?

      Ó Martins, deixa de ser burro. Democracia é sim respeitar a vontade da maioria, o que não invalida que se respeite a lei. Roubar títulos? Tu é que, se ganhares, depois do que se passou este ano, nem deviam ter coragem para festejar. Gajos que matam adeptos e voltam a ameaçar e a tentar, pelo menos, fazê-lo vêm falar de respeito à lei? Gajos que invadem jogos de putos à pedrada? Que têm um presidente condenado por roubo, um treinador que agride polícias e vêm falar de respeito à lei?!?Vai badamerda.

      Eliminar
    7. Quem não sabe que viver em democracia e num estado de direito não tem a haver com maiorias mas com leis...
      Fui eu que matei? Fui eu que entrei a pedrada? Por o pdc ser corrupto quer dizer que todos os portistas são corruptos? Não consegues melhores argumentos que tentar colar os benfiquistas aos atos negativos de outros? Tens 15 anos e ainda não tiveste filosofia na escola?
      Título roubado? A vossa estrutura tem tanta vergonha de dar a cara para fazer críticas que tiveram de inventar uma newsletter... Porque não tem cara de pau para dizer as asneiras que vão na newsletter...

      Eliminar
    8. Se as leis se aplicassem vocês jogavam à porta fechada metade do campeonato ou mais pelo episódio dos very-lights, perpetrados por uma claque ilegal. E perdiam pontos, para não descer que desciam de divisão, pelas negociatas com o Belém. E o teu presidente estava na choça pelo calote que deu ao BPN. E vocês não tinham tido perdão fiscal nem isenções da autarquia para edificação comercial.

      Mas lá está, o estado de direito é só quando convém e para se aplicar aos outros. Aos lampiões nunca. São inimputáveis. Sim, título roubado. Como ouvi alguém dizer, caso o ganhem não era no Toural nem no Marquês que deviam festejar, era no Sr, Roubado. E eu só colei os benfiquistas aos actos dos... benfiquistas!

      O Dragões Diário anda a causar cócegas a muita gente. Subscreveste-a ó Martins. Seu maluco. Fazes bem, pode ser que aprendas alguma coisa.

      Eliminar
  6. Eu não tenho problemas nenhuns… no local onde moro não se vai ouvir nenhum lampião a ladrar e a televisão vai ficar no canal dos filmes a noite toda. Para os meus lados só se ouve a natureza. Depois na 2º feira pergunto aos meus amigos Benfiquistas(não aos lampiões), qual foi o resultado do jogo do Carnide. Por isso e como não vou ouvir nadinha, vou ter um domingo santo como sempre!!!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fazes bem Carlos.. Se não souberes o que aconteceu pode ser que não tenha acontecido... Sempre te considerei um idiota (no sentido de ter muitas ideias)... E agora conseguiste elevar o debate a física quântica e ao gato de schrodinger... já dizia o Galileu "mas que se move, move".

      Eliminar
    2. Ganda Nuno BOBY TARECO martins estou certo que não levas a mal se te chamar IMBECIL(no sentido mesmo de IMBECIL). Quanto ao resto, estou completamente de acordo com o meu amigo IMBECIL(no sentido mesmo de IMBECIL).
      Realmente o SEU pensamento atrelar-se a um evento aleatório quântico idêntico a um gato fedorento que passa a vida neste blog, pensando que os seus comentários são de uma esperteza divina, mas que na sua santa ignorância e falta de argumentação só mostra o quanto infeliz é a sua vida(no sentido mesmo de IMBECIL).
      Não posso deixar de ficar preocupado com o meu amigo IMBECIL, pois o seu estado alma quântico(no sentido mesmo de IMBECIL) segundo a interpretação de um comum no mundo das partículas, como por exemplo um idiota(no sentido de ter muitas ideias) indiferente e completamente alheio ao senso comum. Claro que um IMBECIL se move!

      Eliminar
    3. Era só para te avisar que o 4o texto entre parêntesis está no sítio errado... Isto se quiseres que o texto tenha coerência... O que tu só tens como idiota (no sentido das ideias). Um abraço de um campeão.

      Eliminar
    4. EU NÃO DISSE QUE UM IMBECIL SE MOVE.....anda ao dono BOBY....

      Eliminar
    5. EU NÃO DISSE QUE UM IMBECIL SE MOVE.....anda ao dono BOBY....

      Eliminar
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  8. Como se sabe o problema não é sobre as pessoas terem ou não o direito de festejar onde querem,o problema é que as emoções toldam a razão e em Guimarães todos sabem que eles não são meigos.

    De resto eu festejei no Toural a taça que o Vitória venceu ao Carnide.Foi umas das festas mais saborosas a que assisti.Foi a cereja no topo do bolo depois do ajoelhar com o Porto.

    Em princípio no Domingo estarei em Guimarães e se for dar uma volta e estiver tudo sossegado passarei no Toural se houver festa evitarei misturas e possivelmente problemas.

    De resto também há o mito que em Guimarães só há um clube o que não será bem assim pois muita gente apesar do seu bairrismo tem um segundo clube.

    A verdadeira rivalidade é com Braga,isto é,com Marrocos pois os vimarenenses são acusados de ser os espanhóis !...
    http://ovimaranes.blogspot.pt/2006/04/rivalidade-braga-guimares.html

    ResponderEliminar