terça-feira, 12 de maio de 2015

Xenofobia, má educação, virgens ofendidas e traços comuns

Depois das declarações de Lopetegui e da resposta de João Gabriel, o Porto contra-ataca através do Dragões Diário:


A nova coqueluche da comunicação portista critica as virgens ofendidas que reagiram de forma negativa às declarações de Lopetegui e remata com acusações de xenofobia em função da utilização do termo "basco".

Longe de mim estar a querer defender João Gabriel, mas esta conversa de xenofobia é um totalmente desadequada considerando as situações efetivamente graves que continuam a afetar tantas pessoas por esse país e mundo fora. Era só o que faltava que um treinador que ganha milhões, tem um dos cargos mais cobiçados neste país, a quem certamente ninguém faltou ao respeito na sua vida privada desde que chegou a Portugal, que tem dito o que lhe apetece de forma totalmente livre no âmbito da sua profissão, se sentisse vítima de xenofobia por alguém o denominar de "basco" e, para além disso, que necessitasse que um escritor de panfletos eletrónicos oficioso o venha defender agitando as bandeiras da violação dos direitos humanos. 

Nem percebo a ideia de se trazer à baila este tipo de argumentação, que devia estar reservada para situações bem mais sérias. Se o objetivo era reforçar a razão das palavras de Lopetegui, parece-me uma forma bem idiota de o fazer.

É engraçado no entanto que o senhor que escreve o Dragões Diário - a quem aparentemente foi dada rédea solta para fazer o trabalho sujo que os dirigentes do clube deixaram de ter coragem ou vontade de efetuar - fale em traços comuns. É que em 2006 já assistimos a uma situação semelhante, mas com os papéis invertidos:


(obrigado, VeDrIx!)

Voltando às expressões empregues pelo Dragões Diário: Xenofobia? É evidente que não. Quanto muito é apenas falta de educação de quem se dirige a estrangeiros dessa forma. Virgens ofendidas? Só a parte do ofendidas se aplica, porque virgens já não existem para aquelas bandas. Traços comuns? Definitivamente. Benfica e Porto estão tão parecidos na forma de agir e de estar que começa a ser realmente difícil distingui-los.

26 comentários :

  1. Mas afinal o meu clube só tem estrangeiros ou é xenófobo? Não se pode ser algo e o seu contrário simultaneamente. Chamar português a alguém é ser xenófobo? Então porque é que chamar basco seria? Para um basco ser reconhecido como tal e não como espanhol até é elogioso. Além de que o basco foi utilizado como o sujeito da frase e não como adjectivo.. Logo não foi a qualificar positiva ou negativamente!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Em ambos os casos quem atribui significado negativo a expressão é o Porto. Atente na diferença que é dizer "o basco" enquanto sujeito e dizer "com violência por um grego" como identificado o povo grego com a violência.

      Eliminar
    2. Nuno, o termo "Basco" foi usado como sujeito, mas a meu ver de uma forma propositadamente deselegante. Mas lá está, não me parece nada de especial atendendo ao tom que tem vindo a ser usado pelo próprio Lopetegui. Isto independentemente das razões que possam assistir a um ou outro lado. Um abraço.

      Eliminar
  2. Imagino o BdC a levar meses de castigo por entrar em coisas deste tipo... mas claro estes podem tudo...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ui Pedro, eram logo dois meses de suspensão... :) Um abraço.

      Eliminar
  3. As acusações de "manto protetor" visam indirectamente ou arbitros ou a liga (não pode ser de outra forma) , espanta-me a passividade das entidades com o comportamento e circo de acusações que se tem assistido entre os 2 clubes , desde o tal classico... como disse no post anterior ESTES PODEM TUDO .. outros são castigados em menos de 48 horas.

    ResponderEliminar
  4. Isto é no que dá o Lopetegui educadamente meter se com broncos ! Então ele não vê que o J J só sabe fazer dialogos com filho da p... e ca...... pra cima !!! e as "famiglias (1) que se estavam a dar tão bem ...
    (1) "famiglia" :Una Famiglia (detta anche cosca, nel gergo comune) indica, in ambito criminale e specialmente mafioso, un'aggregazione di elementi criminali che hanno tra loro vincoli o rapporti di affinità, i quali si riconoscono in un capo e si danno una struttura gerarchica per riuscire a controllare tutti gli affari leciti e illeciti della zona dove operano....(agora traduzam se quiserem eheh)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lotopegui educadamente? Viu se quem foi provocar quem... Quem está sempre a falar de quem... Mas como bom sportinguista tens que defender o treinador do dono.

      Eliminar
  5. Ainda dizem que o Fruticlub do Oporto não vai ganhar nada este ano...

    Para mim são todos os campeões do azeite e da bimbalheira. Este ano estava mais difícil devido a, entre outras coisas, a campanha #Colinho dos lamps, mas esta contratação de última hora do Dragões Diário provou ser decisiva para mais um título de Clube Mais Azeiteiro da Europa.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Dragões Diário é sem dúvida o CR7 dos azeiteiros, Nuno... :) Um abraço.

      Eliminar
  6. A mim o que me espanta é a falta de posições oficiais, principalmente do lado do FCP, isto é bem revelador da "paz" assumida. É que este ano tem sido um fartote, mas os tripeiros estão fracos e feridos, não têm tomates, depois do que roubaram nos ultimos anos, para dizer o que quer que seja. Lindo de se ver. Já os lampiões são os novos ricos do Campeonato, que se lixe, é preciso é ganhar. O cúmulo do ridiculo é um comentário de um tipo qualquer benfiquista num post anterior a ir buscar factos de 1923.

    Mestre, se me permites, no Cabelo de Aimar, parabéns pelo diálogo, faltou-te questionar a grandeza, afinal continuamos nos mais titulados do Mundo, a vida não é só futebol. ;)

    Vai mais uma voltinha pelos troféus com o Salvador ? Só assim naquela, não vá ele esquecer-se.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Francis, é realmente espantoso que ninguém da direção do Porto abra a boca em tempo útil. Das duas, uma: ou estão a borrifar-se, ou estão comprometidos com alguma coisa.

      Em relação ao diálogo do Cabelo, não fui lá para atacar o autor, mas simplesmente para pôr em perspetiva aquilo que foi escrito sobre BdC. Preferi não desviar o foco da conversa, senão arriscava-se a tornar-se interminável... :)

      Um abraço.

      Eliminar
    2. Oi? Esse diálogo passou-me ao lado. Em que post aconteceu? :)

      Eliminar
    3. Valdemar, foi aqui: http://cabelodoaimar.blogspot.pt/2015/05/sporting-somague-comunicados.html :)

      Eliminar
  7. Se o benfica não deseja que o basco se vá embora... jesus vai sair e não pode ir para o inimigo.
    Se o porto não pode despedir este treinador porque faz parte do pacote do jorge mendes...

    Porque razão está o basco a esticar a corda? Todo este bate boca é muito estranho. Algo aqui não está certo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É estranho de facto, aminhatvpifou... já li por aí algumas teorias interessantes, vou tentar escrever sobre o assunto em breve. Um abraço.

      Eliminar
  8. É o Danilo do do Marítimo que já está apalavrado com o SL Andor, num modus operandi já banal para aqueles lados. É o Marítimo que, com a final da taça da carica à porta, bem como a aproximação do último jogo do campeonato vai treinar ao Seixal. Já para não falar da treta da data. Afinal, o que interessam os adeptos do Marítimo? É o Bernard e Cafú do Vitória Sport Clube que são amarelados por dá cá aquela palha para não jogarem com o Sport APAF Belenenses e Benfica. Não vos peço para adivinhar por quem porque admito que é difícil, com tanta papoila a saltitar por aí de apito na boca, mas digo-vos que foi o Rui Costa, esse vermelhusco benemérito. Mas o que é que preocupa toda a comunicação social prostituída deste país? Qual é o grande motivo de indignação dos adeptos de futebol em Portugal? O que assombra os seus corações? É o treinador do Futebol Clube do Porto. Por dizer a VERDADE! Por dizer que fomos prejudicados e que o Sport APAF Belenenses e Benfica é protegido pela corja da comunicação social. A VERDADE. Logo eles se levantaram, indignados. Criticam o treinador, o homem, até o cão e o gato. Centram-se na forma, nunca no conteúdo. Fazem capas de jornal com as declarações menos interessantes e branqueiam o "MANTO PROTECTOR" e o "FOMOS PREJUDICADOS. Boicotam as chamadas dos Portistas que ligam para esses programas desportivos para se solidarizarem com o seu treinador e convidam o Paulo Fonseca para um desses programas para tentar desenterrar umas farpas para nos atacar. Quando se aperceberam que este não guarda rancor ao FC Porto e até parece que é amigo e respeita Lopetegui, logo o bombardeiam com perguntas tendenciosas do moderador, dos paineleiros, do tipo que escolhe as perguntas do facebook, atropelando e tentando conduzir as respostas do Fonseca, mas este é sério e não caiu na esparrela, para desilusão do Carlinhos de Paredes, do ressabiado do Manuel José e da sua corja. Eles sentem embaraço, vergonha, mas continuam a cumprir a sua missão incessantemente, escudados pela agência de comunicação lampiónica, da qual temos alguns peões que aqui costumam comentar.

    O Lopetegui falou em manto protector, mas isso é um eufemismo. Não é um manto, caro Julen, é um lençol gigante. Devias ter dito com todas as letras que FOMOS ROUBADOS e que eles ESTÃO A SER LEVADOS AO COLO. Tentam passar a ideia que no balneário do FC Porto existem problemas, que o Quaresma andou ao soco com o Jackson, que ninguém gosta do treinador, etc. Tudo para branquearem o que se está a passar e para tentarem desestabilizar mas, caro Julen, nós estamos contigo ao contrário do que querem fazer crer. E não ligues mais ao tipo que te enervou. Se eu te dissesse que ele pode bater em agentes da PSP e ficar impune até cuspias o rebuçado, grande Julen. Mas não o cuspas, come esse e outro, olha, come o pacote todo para que nunca te falte a voz e continues a dizer a VERDADE!

    Preocupam-se com o teu nome, com o teu estilo, com a tua língua, com a tua nacionalidade mas não se preocupam com estes últimos casos do Marítimo, com o que se passou com o Belenenses (e não foram só o Rosa/Deyverson), com os very-lights para cima de adeptos, com os benefícios constantes, com as expulsões frequentes e com os jogadores amarelados que não podem enfrentá-los. Com isso ninguém se preocupa. Ninguém se preocupa com as declarações do presidente do Sporting onde denunciou a tentativa de "divisão de campeonatos" que o Orelhas lhe propôs. O que interessa é que tu, Lopetegui, és um demónio o Chiclas um santo, um exemplo, um catedrático, mestre da táctica, mas que só por uma vez passou uma fase de grupo da Champions (coisa também referida e mais uma vez ignorada na conferência de imprensa). Afinal, estamos em ano de eleições, o regime está pela hora da morte e é preciso o circensis, uma vez que o panem para aqueles lados não interessa muito, é mais o vinho.

    É isto... https://www.youtube.com/watch?v=c9pKhCYZEoQ

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Spot on. Estas virgens ofendidas da comunicação social metem-me um nojo infinito

      Eliminar
    2. Não discordo da maioria do que aqui está dito, mas onde é que está uma posição de força da "estrutura" do FCP quanto a tudo isso? Algo que vá além de uns textos azeitolas no Dragões Diário? O que o Lopetegui diz é verdade, mas é ele a dizê-lo sozinho, parece...

      Eliminar
    3. Precisamente, o que está a impedir a estrutura do Porto de reagir publicamente a tempo e horas se acham que a razão está assim tanto do seu lado?

      Eliminar
    4. Pois, não sei. O que sei é que a maioria dos Portistas querem que a reacção reaja e que proteja o treinador, algo que sempre foi apanágio da nossa casa, principalmente na pessoa do nosso Presidente. Espero bem que a nossa honra e dignidade não esteja a ser posta em cheque por estratégias comerciais e negociatas, porque aí a coisa rebenta mesmo.

      Eliminar
    5. Onde se lê reacção é direcção.

      Eliminar