quarta-feira, 22 de julho de 2015

Simplesmente lamúrias de despeitados?


Ao longos das 6 épocas em que Jorge Jesus foi o treinador do Benfica, não foram muitos os casos de jornalistas e comentadores que se atreveram a criticar de forma continuada aquele que para a maioria era o Mestre da Tática. Existiram alguns, é certo, mas muito longe da legião de profissionais da comunicação social que agora vasculha arquivos e os cantos mais recônditos da memória para encontrar as falhas que foram sendo cometidas pelo novo treinador do Sporting.

Parece evidente que se encontra em curso uma espécie de processo de redefinição da história dos últimos 6 anos do futebol português, na qual se identificam os seguintes objetivos primordiais:

  • Responsabilizar o treinador pelos inúmeros flops que passaram pelo Benfica durante a sua liderança técnica - a peça escrita por António Varela no Record é disso um excelente exemplo.
  • Minimizar a importância do técnico na valorização dos jogadores vendidos por quantias elevadíssimas, atribuindo-as sobretudo ao talento inato dos atletas e menos à evolução que registaram com Jesus como seu treinador.
  • Atribuir a falta de aposta da formação do Benfica nos últimos anos unicamente a algum tipo de aversão de Jorge Jesus em relação aos jovens do Seixal, apesar dos desejos em sentido inverso do presidente.
  • Passar a ideia que o bicampeonato foi sobretudo obra da estrutura benfiquista, quase como se Jesus não fosse mais que um figurante que calhou estar no clube no momento certo - e não há melhor exemplo que as peças propagandistas de Nuno Luz e da SIC sobre Luís Filipe Vieira.

O engraçado é que não demorou para que a própria atualidade começasse a contradizer esta nova narrativa. Por exemplo, se foi Jesus que correu com Ivan Cavaleiro do Benfica, por que motivo os responsáveis encarnados não o resgataram logo no momento em que o Corunha não acionou uma das tais cláusulas que para lá andavam? Ou então, se era Jesus que forçava Vieira a contratar em quantidades industriais a ponto de o Benfica parecer mais um entreposto do que um clube de futebol, que dizer do facto de (para já) existirem 4 jogadores (Dálcio, Pelé, Murillo e Diego Lopes) que entraram e saíram do clube sem sequer fazerem uma partida amigável para amostra?

Isto, claro, para não falar nas operações estratégicas para o clube como aquela que esteve na origem da contratação de Fariña, que vai agora cumprir o terceiro ano consecutivo de empréstimo sem sequer ter tido hipóteses de treinar com Rui Vitória. Também era Jesus que as impunha?

E onde entra o tão elogiado departamento de prospeção do clube? Será que esse departamento é responsável apenas pelos casos de sucesso como Ramires, Di Maria, David Luiz, Witsel, Gaitan ou Enzo, e não tem nada a ver com as toneladas de entulho que foram chegando ao clube todos os anos?

A mim parece-me que a verdade estará algures pelo meio. Jesus não é a máquina infalível que muitos tentaram fazer crer (e começando pelo próprio treinador, diga-se de passagem), mas não é seguramente o incompetente que os fiéis comentadores e jornalistas andam agora a tentar convencer-nos que é. A minha esperança (e convicção) é que Jesus é um treinador muito acima da média - seguramente o melhor que o Sporting poderia aspirar a contratar - com uma lista de defeitos bastante inferior à lista de qualidades, da qual a realização de milagres não faz parte.

Durante 5 anos foi tremendamente conveniente a Vieira colocar os holofotes do protagonismo em Jorge Jesus. Foi sempre aparecendo nos momentos bons para capitalizar a sua quota-parte de mérito, mas aproveitou a visibilidade do treinador para se esconder nos maus momentos e ir manobrando nos bastidores de forma a consolidar o seu poder: primeiro no Benfica, blindando os estatutos numa altura em que os sócios estavam (justificadamente) embriagados pelo grande futebol que a equipa praticava e em vésperas da conquista do segundo título em 16 anos; depois, no futebol português propriamente dito, conquistando uma rede de influências aproximada àquela de que o Porto desfrutou durante décadas.

Parece-me que no final de 2013/14, depois de o Benfica limpar todos os títulos nacionais e de se ter consolidado como poder principal nos bastidores do futebol, Vieira sentiu-se suficientemente confiante para assumir o estrelato como figura principal e incontestada do Benfica. O efeito imediato foi a tal razão que Jesus deu como principal motivo pela não renovação: já não se sentia tão desejado. Porque Vieira sentia-se pronto para testar a robustez da máquina que montou, provando que consegue ganhar independentemente do treinador. O último passo que lhe falta para ser o Pinto da Costa dos próximos 20 anos. A história do pupilo que um dia supera o seu mentor.

E é essa a narrativa que deveremos esperar durante os próximos meses. Retirar a Jesus o protagonismo que lhe foi dado com efeitos retroativos, em favor de Vieira e da estrutura. Muito por causa da inesperada desfeita que o treinador fez a Vieira e aos benfiquistas ao optar por seguir a carreira num rival, também para reconfortar os sócios e adeptos de que a fórmula da vitória afinal se mantém intacta, mas sobretudo porque é essa a ambição do presidente. Tivesse Jesus seguido para o médio oriente e estaríamos a assistir ao mesmo, mas de uma forma mais discreta e menos descarada.

Os portistas têm o seu NGP. O ego de Vieira não exige menos que isso em relação aos benfiquistas.

34 comentários :

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  2. Mestre, bom texto.

    E como comparação podemos ver no mesmo (reforço MESMO) jornal a opinião sobre JJ apenas 3 meses antes:
    https://twitter.com/SaltFingering/status/622896088496869377

    Jornalistas?

    ResponderEliminar
  3. As narrativas vão dançando ao som do "dono" ... esta classe jornalística é do mais rasteiro que já vi ... até me admira alguns conseguirem andar de pé!

    Alguns gostam de ladrar sobre a influência de Álvaro Sobrinho ... está a vista qual a sua influência no grupo de comunicação que ele é um dos acionistas maioritários.

    SL,

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim porque o Record nem tem sido nada favoravel a Bruno de Carvalho e ao Sporting

      Eliminar
    2. o Sporting nunca chegará ao ponto de ser o que é o benfica n'A Bola e o porto n'O jogo.

      Eliminar
    3. Hugo a imagem acima é do Rascord.
      Dá me lá um exemplo inequívoco daquilo que afirmas!? (tenta não recuar muito no tempo).

      Eliminar
    4. Hugo a a capa de hoje é um bom exemplo.

      O "Jesus CONTROLA tudo" é claramente a mensagem do dia para reforçar a ideia de que o BdC com ele não controla nada.

      Ontem foi o Jesus a mab da r o BdC para o autocarro and so on.

      Um jornal com editorial favorável não entrava nestes filmes. Até porque não há necessidade.

      Um jornal com editorial neutro (porque não queremos favores de ninguem) diria "JJ organiza tudo" por exemplo. A mensagem era a mesma e não havia o subliminar que se quis passar.

      Fácil de perceber não?

      Eliminar
    5. Sergio lembra-te la quem espalhou na capa todas as insinuacoes do Sporting em relacao a Marco Silva

      Eliminar
    6. Insinuações?

      Mas quando é acerca do BdC ou do JJ (agora) não são insinuações. São verdades.

      Quando é acerca do MS são "insinuações"?

      Eliminar
  4. Mestre, mais uma excelente análise. O Jesus que dantes valorizava inúmeros jogadores agora afinal fartava se de gastar dinheiro em flops. Ele...a estrutura não!

    Mestre seria também engraçado analisares os gastos com contratações (já que se fala tanto disso) dos 3 grandes esta época e já agora nos últimos 3 anos.

    É que parece que agora que o Benfica começou a apertar (era óbvio que o ia fazer) é que importante poupar (o texto de ontem do Serpa dizia qualquer coisa como Mourinho à Benfica). Meter Porto e Sporting no mesmo saco é duma desonestidade sem limites.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Principalmente quando (é até agora) o benfica já gastou mais.

      Eliminar
    2. Tb tenho essa ideia Carlos!

      Eliminar
    3. Mas como é notório, o benfica anda a gastar para ganhar pontos e não para reforçar o plantel. Ora, Pelé, Dalcio....e ainda estou para ver onde vão parar outros que foram adquiridos...

      Eliminar
  5. o grande líder vai dar mais uma daquelas entrevistas na quinta feira, (sempre em controlo de danos) em que pede para terem confiança enquanto se ri.

    Não insistam nas perguntas que fazem cócegas porque ele não consegue parar de se rir.

    ResponderEliminar
  6. O que me espanta é uma estrutura que se diz tão forte e que dizem ser o motor de todo o futebol não ter opinado nessas aquisições ainda para mais quando pesaram 24.5M no orçamento do clube.
    É a chamada analise casuística: no caso das vitórias desportivas e financeiras foi a estrutura com o seu toque de midas, já no caso de flops e derrotas foi o JJ.

    ResponderEliminar
  7. Mestre,

    algumas notas...

    Para mim, a competência e valor de jesus são indiscutiveis.

    Agora, quando amamos alguém, amamos esse alguém pelo seu todo, defeitos incluidos certo?

    jesus é um pouco assim... teimoso que nem uma mula... Entre os benfiquistas são miticas as suas noitadas a ver pfc e a descobrir craques da estirpe de Eder Luis, Filipe Meneses, etc...

    Ao contrário do que dizes, na minha opinião, o Benfica não está/vai desinvestir!

    Simplesmente RV, quer ver TODOS ( e não são poucos :) :) :) ...)os jogadores, para a partir daí, então definir quais as posições que na sua opinião devem ser reforçadas.

    jesus sentiu-se pouco desejado e desejava pouco o Benfica...

    Na minha opinião, o que aconteceu não foi uma tentativa do aluno superar o mestre, mas sim a certeza que com a táctica que jesus não abdica de utilizar a passagem aos 8`s da champions são apenas uma miragem! 1 em 6!

    Com isto não estou a dizer que o Benfica quer ganhar a Champions! Estou a dizer que se chegar lá são receitas acumuladas de 30M! Nenhum clube Português pode virar cara a tal receita!
    Quanto ao plantel e a famosa formação, o que parece estar a ser feito é identificar quais os elementos que podem ser 2ªs linhas válidas para o PLANTEL. Por exemplo, aos minutos que Benito ou Sulejmani fizeram no ano passado(nem vou entrar na questão da qualidade...), não podiam ser jogadores da formação com talento e potencial para essas posições? Mas lá está, para o teimoso jesus não serviam...

    Vieira gosta de ter superioridade moral sobre os seus interlocutores, e embora soubesse que haviam conversas entre jesus e bc desde dezembro nunca pensou que jesus fosse para o rival!

    Não depois do que Vieira fez por jesus no ano em que o Benfica perdeu tudo! Não nos esqueçamos que jesus esteve a 5 minutos de ser o novo Luís Campos! O que seria de jesus se o Benfica não tivesse virado aquele jogo contra o Gil Vicente que estava a perder em casa aos 89m e já tinha perdido na Madeira contra o Maritimo na jornada inaugural da Liga? Eu digo-te, hoje estava a treinar o Sporting mas era o da Covilhã!

    Vieira queria "despachar" jesus, mas não o queria num rival interno, pois sabe que com a tactica maluca do jesus que não serve para a champions, serve para ganhar 85% dos jogos internos e valorizar jogadores!

    Vieira pediu ajuda ao mendes para o colocar, e o Teimoso da Reboleira, no alto da Liberdade de quem ganha 3 ou 4 ou 5M / ano, mandou-os fuder!

    Abraço




    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Joao o RV já despachou uns quantos sem os ver. Para além dos contratados para emprestar onde está o cavaleiro? O helder costa? ...

      Eliminar
    2. Carlos,

      Parece-me que ambos já tinham o destino traçado quando foram emprestados no ano passado...

      Abraço

      Eliminar
    3. Mas tu acreditas mesmo no que escreves?
      Vens para aqui defender toda a "estrutura" do benfica e entre linhas repetes tudo o que a linha editorial do benfica tem vindo a escrever, e queres ser levado a serio?
      Estão a desinvestir....já gastaram mais que por exemplo o Sporting
      Estão a desinvestir, e só reforços cirurgicos.... já contrataram 10 dos quais 4 já foram de vela, e não foram empréstimos para evoluirem e voltarem para o clube.
      Afinal explica lá o que fez o Vieira quando o J (e não o benfica, claro) perdeu tudo...sozinho!
      Já que sabes que havia conversas desde Dezembro, podes mostrar aqui só uma prova disso? Só uma, não peço mais.
      Mas o Vieira não queria o J num clube rival interno e é o maior e o Bruno de Carvalho quando quis assegurar essa cláusula na rescisão do Marco, ficou a ser conhecido por vocês como uma pessoa sem escrúpulos?
      O J não passava os 8ºs porque vocês tinham equipas medianas (que efectivamente eram mais regulares que os opositores no campeonato e chegavam para ganhar títulos).
      Eu sou daqueles que gosta de ver futebol, e não tenho palas à frente dos olhos. Sei dizer que o benfica tem praticado do melhor futebol que existiu nos ultimos anos, mas RV está a seguir o caminho errado que o Marco também seguiu, que foi em vez de implementar as suas ideias, estão a tentar agarrar no que foi feito no passado e dar seguimento. Ora, para se jogar em 4-4-2 é preciso saber muito bem da dinâmica da coisa, e o RV vai ter muitos dissabores se continuar assim. Basta lembrar que o RV no Guimarães nunca foi grande treinador. Não é por meter a jogar tudo o que é jovem que lhe dá o estatuto de bom treinador. Basta ver os resultados da sua equipa no ano passado que tanto ganhava por 3-0 como levava 4 dum clube da treta

      Eliminar
    4. Bruno acho claro que o Benfica anda a desinvestir e bem queria que fosse o contrario porque isto apenas indica que as contas tão apertadas.

      O Benfica agora por causa do empréstimo obrigacionista já lá tinha esses 10, no relatório com custo de 8 milhões sendo que só o Carcela foram 4 sobram outros 4 para os restantes 9. Não é um valor chocante acho que nesses 4 a maioria são jovens que podem trazer algo mais. Mas sim o Benfica tem de ser mais criterioso e não contratar tanto entulho.

      Quanto ao gastar mais ou menos que o Sporting não sei mas o facto de estar próximo só vem reforçar essa ideia do desinvestimento. Espero estar enganado e ver chegar ainda um outro bom reforço.

      Jesus é um grande treinador que mete a equipa a jogar bom futebol verdade. Mas tb é verdade que é casmurro e que o Benfica sempre teve dificuldades com equipas grandes durante o reinado de JJ. O 442 de Jesus quando bem pressionado na saída da bola rebenta e ele teve culpa de nunca se adaptar a jogar com outro tipo de adversários.

      Sobre o Rui Vitoria é mais difícil falar, acho normal que ele tente aproveitar 6 anos de automatismos (óbvio que vários jogadores foram mudando mas a ideia fica), não sei se ele tem unhas para guiar um carro desta cilindrada mas espero que sim.
      Vai ser um campeonato interessante, infelizmente acho que o Porto parte com uma vantagem em relação a todos os outros.

      Eliminar
    5. Bruno,

      "Estão a desinvestir....já gastaram mais que por exemplo o Sporting
      Estão a desinvestir, e só reforços cirurgicos.... já contrataram 10 dos quais 4 já foram de vela, e não foram empréstimos para evoluirem e voltarem para o clube".

      Desculpa lá, do 11 titular Bi-Campeão, saiu o maxi e o Sálvio está lesionado até Dezembro... onde está a urgência nas contratações? O SCP sim, tem urgência nessas contratações pois tem o play-off da Champions, por isso tem-se movimentado no mercado!
      No futuro veremos se regressam ou não, ou se os € cobrados pelos empréstimos dão lucro ou prejuizo...

      "Afinal explica lá o que fez o Vieira quando o J (e não o benfica, claro) perdeu tudo...sozinho"! - Primeiro, eu nõ escrevi que o jj perdeu sozinho, mas essa resposta é fácil, renovou-lhe o contrato milionário por 2 anos! E bem, como se veio a provar...

      "Já que sabes que havia conversas desde Dezembro, podes mostrar aqui só uma prova disso? Só uma, não peço mais" - Carissimo, é só seguir o link... http://ptjornal.com/video-jorge-jesus-e-bruno-de-carvalho-jantaram-juntos-apos-pacos-benfica-41116

      "Mas o Vieira não queria o J num clube rival interno e é o maior e o Bruno de Carvalho quando quis assegurar essa cláusula na rescisão do Marco, ficou a ser conhecido por vocês como uma pessoa sem escrúpulos"? -
      Pois, mas essa não é a minha opinião... para mim bc fez o que devia ter feito! A diferença é que o vieira não queria o jj num rival pois sabe que ele é bom, o bc cai no ridiculo de querer despedir um treinador com justa causa por ele ser incompetente e ao mesmo tempo, quer pôr clausulas anti-rival!!!!!

      O resto vamos ver, mas fico agradado por ler que, na tua opinião "equipas medianas", por onde passaram, Matic, Witsel, Coentrão, Enzo, Di Maria, Saviola, Aimar, Garay, David Luiz, Cardozo, Javi Garcia, Nolito, Gaitan, Luisão " praticam do melhor futebol dos últimos anos"...

      Nem tanto ao mar nem tanto à terra,,,

      Abraço



      Eliminar
    6. Concordo que o J foi casmurro em alguns momentos, principalmente quando achava que bastava meter os 11 do costume em campo e já estava ganho, mas também acho que isso acontece nas equipas que ganham frequentemente e com relativa facilidade, fazendo com que descurem um pouco a análise ao jogo.
      No ano passado já mostrou algumas melhorias sabendo ir defender em alguns jogos, mas voltou a ser uma situação extrema em que nem atacavam.
      Não se se o Porto parte em vantagem, visto que vão mudar de keeper, defesa direito, trinco, médio centro, ala e Ponta de lança. 6 mudanças na equipa titular podem sempre fazer mossas e o Lopetegui já mostrou que gosta de disparar para todo o lado em vez de se preocupar em meter os seus a jogar à bola.

      Eliminar
    7. Ser Bi-campeão não passa de um nome a dar à coisa. Isso não é algo que faça ganhar jogos. Mudaram de treinador (para melhor ou pior isso não interessa agora para aqui, cada um tem a sua opinião e no final da época será diferente de certeza). Perderam o DD titular, não têm o melhor ala, e o vosso defesa esquerdo não é jogador para o benfica, e penso que concordarás comigo. Não vejo jogadores no banco para substituirem estas lacunas.
      Tu achas que o benfica não precisa de contratar, é a tua opinião. Eu não disse que precisavam, apenas mencionei uma verdade (já contrataram 10).
      Eu afirmei que eram equipas medianas e não jogadores medianos. E volto a reforçar que vocês jogavam bom futebol.
      Achas que uma noticia publicada a 05/06 sobre um acontecimento de Dezembro (dizes tu) merece qualquer comentário e credibilidade?
      Sabes que essas clausulas existem em todos os treinadores? Ou foi invenção nossa?

      Eliminar
  8. Mestre, eles tem uma grande maquina montada, seja ela dos Media, seja ela de lavandaria.Não é fácil lutar contra os interesses instalados, vide quantos anos o Luís Filipe Orelhas demorou para virá o sistema para o lado do Benfica.

    ResponderEliminar
  9. E para provarem que foi a estrutura a ganhar, irão fazer de tudo para que o Jorge Jesus não consiga vencer!
    Só com o apoio de (quase) todos conseguiremos ter sucesso.

    ResponderEliminar
  10. Bem uma coisa já sabemos... a 1ª jornada não a ganhamos de certeza!

    ResponderEliminar
  11. O JJ vai sentir na pele o que é não ter a imprensa toda por ele!!! E depois de 5 anos, vai-lhe custar bastante! Acho que o Sporting nesta primeira fase vai ter que fazer um trabalho especifico na defesa do seu treinador!
    É que os pontas de lança do benfica são muitos e andam com uma azia muito grande por perderem dois dos actores (maxi e jesus) mais defendidos por eles nos últimos anos!

    PS: O Nacional jogou com o Belenenses um jogo à porta fechada no centro de estágio do benfica????? E não existe nenhum jornalista que ache isto estranho?????

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu não acho estranho. Se metade da equipa do Belem é ou foi dos lampiões, porque não hão-de poder jogar em "casa"??? :P

      Eliminar
  12. O que é um ngp?
    Já agora uma pergunta... No ano passado sei tanta conversa o apoio do porto e do Benfica ao mesmo candidato à presidência da liga numa votação que foi unânime (que me lembre) e este ano que volta o projecto roquete do costume com votação no mesmo sentido em dois temas (sendo um deles também o presidente da liga) com bem mais divisão já não se fala em nada? Bem sei que a normalidade não é falada mas...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não seja otário...

      O Sporting jamais poderia apoiar um candidato que está em litígio com o próprio clube. Foi essa a razão, e não outra, para não concordar com o nome Luís Duque.

      Só um imbecil, com palas bem grandes, não percebe que se tratou de uma afronta directa ao SCP, montada pelos seus rivais, até então, supostos inimigos. Aliás, o seu amado presidente acabou de confirmar que Luís Duque foi convidado pelos presidentes de slb e fcp.

      Hoje, o SCP e o slb continuam coerentes, o SCP jamais apoiará Luís Duque e o slb continua a apoiá-lo, portanto o único que mudou de opinião foi o fcp. Portanto, porque é que vem com essa do "projecto roquete do costume"?

      Aliás, o SCP é o último que deve ser questionado com esta história, pois mantém-se totalmente coerente com tudo o que tem defendido. Quem devem ser questionados são precisamente fcp e slb:

      - Porque é que há meio ano os dois clubes apostaram em Luís Duque e agora o fcp rói a corda?
      - Que entendimento existia entre os dois clubes (então de relações cortadas) que lhes permitiu gerar um consenso para a Liga e até voltar a sentar na mesma mesa (em mais do que uma ocasião) os seus dois líderes?
      - O que terá mudado entretanto para que agora se detecte esta divergência acerca do futuro da Liga?

      Isto são perguntas que o meu caro devia fazer ao seu amado líder ou aos seus ex-companheiros da liga, a bem da transparência do futebol.

      "Quem tem telhados de vidro não atira pedras ao do vizinho"

      Eliminar
    2. Otario é o corno do seu pai. Apenas e só.

      Eliminar
    3. Mdc ou começa a moderar a educação dos comentários ou o nível vai baixar... Um abraço.

      Eliminar
  13. nuninho FDP martins,sabes o que é um ngp ? é um FDP Nalgas Gay Parolo=ÉS TU

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda com a azia do bicampeonato... calma! Um abraço!

      Eliminar