sexta-feira, 14 de agosto de 2015

Renovações e colocações

João Mário

Uma renovação que se impunha, pois falamos de um jogador com um dos salários mais baixos do plantel, apesar do seu estatuto de titular no Sporting, de ser internacional A e vice-campeão europeu sub-21, e de ser um dos jogadores com maior margem de progressão no plantel. É um ato da mais elementar justiça recompensar um jovem da casa que cumpriu um percurso de ascensão que muito poucos conseguem igualar, e que certamente encherá de orgulho a notável Dona Lídia.


João Mário renovou até 2020 com cláusula de rescisão de 60 milhões, tendo dado uma pequena entrevista à Sporting TV sobre o novo vínculo com clube. Aqui fica para quem não teve oportunidade de ver.



Slimani

Estava reservada para o princípio da noite de ontem outra das notícias que os sportinguistas aguardavam com maior expetativa: a renovação de Islam Slimani. Um desfecho feliz que garante que o ponta-de-lança argelino ficará no Sporting de cabeça limpa durante a época que está agora a começar. Mais: é um sinal inequívoco que Slimani confia que se pode desenvolver ainda mais como jogador, certamente com o objetivo de alcançar um contrato ainda melhor do que aquele que conseguiria caso assinasse nesta janela de transferências com um dos clubes ingleses ou franceses que estavam interessados na sua contratação. E isso é outro indício - a par com a rapidez de assimilação dos métodos de Jorge Jesus e da confiança que a equipa exibe em campo - em como existe uma crença real nos jogadores de que esta época poderá trazer importantes conquistas para o clube.

Contrato estendido até 2020, mantendo-se a cláusula de rescisão em 30 milhões. Tratando-se de um jogador de 27 anos com mercado, não fazia sentido que o Sporting fizesse finca-pé numa cláusula de rescisão superior. 30 milhões são uma salvaguarda suficiente dos interesses do clube.


Wallyson

Do ponto de vista do jogador faz sentido que seja colocado num clube (Nice) que lhe permita jogar regularmente numa competição de um nível que até é superior ao que encontraria em Portugal. Existe uma cláusula de rescisão de 15 milhões - que ultrapassa de longe a mais cara aquisição da história do clube francês -, o que significa que precisará de realizar uma super-época para que o Nice decida acionar esse direito. Não é impossível que acabemos por ficar sem o jogador, mas é um valor suficientemente alto para ser improvável.

No que diz respeito às ambições do Sporting para esta época, não creio que estejamos a correr grandes riscos com esta dispensa. É certo que neste momento temos William lesionado, e Bruno Paulista e Aquilani chegaram agora e não há certezas sobre a sua adaptação à equipa. Mas ainda sobram Adrien, João Mário e André Martins. E se tudo correr muito mal em termos de lesões, suspensões e inadaptações, ainda há um menino na equipa B que poderá dar uma perninha de muita qualidade à equipa principal: Francisco Geraldes.

Tenho pena que Wallyson não fique no plantel, mas terá seguramente uma nova oportunidade para se impôr na próxima época. E com muito mais experiência de futebol de topo nas pernas terá muito melhores argumentos para se poder afirmar em definitivo no plantel principal do Sporting.


João Palhinha

Este é para mim o caso que mais desconfiança causa. Não por causa do empréstimo em si, entenda-se. O Moreirense é uma equipa bem comandada que conseguiu praticar na época passada um futebol surpreendentemente positivo considerando os parcos recursos de que dispõe, e nesse sentido João Palhinha ganhará muito em jogar com regularidade numa equipa destas características. E se é bom para João Palhinha, será seguramente bom para o Sporting.

Aquilo que acho mais estranho é o facto de termos contratado Bruno Paulista, um jogador que à primeira vista tem características físicas, técnicas e experiência semelhantes às de Palhinha. Os jogadores de grande potencial são sempre bem-vindos, mas falamos de uma das contratações mais caras do Sporting da presidência de Bruno de Carvalho. O futuro dirá se a qualidade de Bruno Paulista justificará o dinheiro gasto e o afastamento de João Palhinha do plantel.


Rúben Semedo

Tendo sido utilizado na pré-época como uma adaptação de último recurso para tapar as lesões simultâneas de William e Palhinha, era complicado que Rúben Semedo viesse a ter uma utilização significativa. Faz sentido o empréstimo para ter futebol regular de I Liga. Vai para o Setúbal, clube com quem já tivemos a boa experiência de João Mário. Esperemos que Rúben Semedo consiga aproveitar esta oportunidade para desenvolver o muito potencial que todos reconhecemos.


Betinho

Um jogador que está muito longe daquilo que se esperava dele enquanto jogava nas camadas de formação. Infelizmente, os últimos 2 anos foram um desperdício de tempo na sua evolução como jogador. Aos 22 anos está numa fase em que tem que definitivamente que pegar de estaca num clube com ambições mínimas. O Belenenses é por isso uma boa solução para Betinho em virtude do reencontro com Sá Pinto, que foi seu treinador nos júniores. A cedência definitiva com a manutenção de 60% dos direitos económicos parece ser o negócio possível que protege simultaneamente os interesses de Betinho e do Sporting. Espero que tenha sido também assegurada uma cláusula de recompra.

27 comentários :

  1. epah sinceramente, não compreendo como se pode renovar com um jogador da formação visto que a mesma com a entrada do Jesus é para acabar.

    vásseláseperceber

    ResponderEliminar
  2. Mestre, retirado do ForumSCP:

    https://www.youtube.com/watch?v=9zgCiS--EYk

    "O Sporting agora tem Deus e o Jesus, e a gente tem o Capela"

    Pelo menos é honesto, coisa rara de encontrar para aqueles lados.

    ResponderEliminar
  3. boa análise. (mais uma vez).

    no caso do Palhinha e do Paulista, digamos que são jogadores bem diferentes.

    utilizando exemplos de jogadores usados por JJ naquela posição, Palhinha será um Javi Garcia e o Paulista será um Matic.

    sobre o Wallyson, espero que haja "para lá umas clausulas" que não permitam, por exemplo, ao Nice, comprar para vender logo a seguir. como o caso Iturbe.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não estou a ver o Nice a pagar a cláusula de opção de 15 milhões,estou sim a ver o Sporting a normalizar as relações com esse clube e a receber 800 mil euros do caso Djaló !....

      Mais um caso resolvido das guidelines do Godinho !...

      Eliminar
    2. Oxalá King Lion que o dinheiro do Djalo finalmente dê entrada nos cofres de Alvalade.

      Do meu ponto de vista, estes empréstimos a clubes da primeira liga,( algo não normal no Sporting no mercado de verão, mas sim no mercado de Inverno, casos de João Mario, Iuri e Esgaio), deve-se ao fato de este ano ter sido aprovado a não utilização de jogadores emprestados contra o seu clube de origem. Assim fortalecemos os clubes que irão jogar contra os nossos rivais.

      Fora isso exelente gestão pelos lados de Alvalade

      Eliminar
    3. King Lion, o Hellas Verona também não tinha dinheiro para o Iturbe. foi a Roma que entrou com o dinheiro, acabando por ficar com o jogador. a clausula era de 12M, salvo erro. a única diferença era que o porto se queria ver livre do jogador. e penso que esse não é o caso de Wallyson!

      Eliminar
    4. Alimentação Online
      Temos de utilizar as mesmas armas dos adversários mas não podemos andar a desperdiçar recursos para emprestar jogadores ou para ganhar influências como é o caso do Porto e do Vixeu e Benfica.O Vixeu e Benfica da cesta de jogadores que comprou emprestou-os quase todos.

      Tiago
      É verdade que essa situação pode acontecer,eu espero que o Wallyson jogue com regularidade na primeira divisão francesa para quando regressar ser mais jogador de futebol.

      Eliminar
    5. Também espero que se tenham lembrado dessas "cláusulas", Tiago... :)

      Eliminar
  4. Bom dia, MdC. Venho aqui todos os dias mas só agora me deu para arranjar conta no wordpress. Aproveito para "te parabenizar" pelo excelente blogue.

    Concordo com a análise.

    Quanto à situação do Palhinha, a dedução que faço é que o William pode sair agora, a meio da temporada ou no fim - não deve ficar mais tempo. Terá sido nesse sentido que se deu a aquisição do Bruno Paulista, para colmatar a eventual saída do WC, ficando o Sporting com 2 trincos semelhantes a este, Como o Palhinha está mais do que identificado com o Sporting e para não ficar parado ou jogar na B (2ª liga), emprestou-se ao Moreirense. Bruno Paulista vai ter mais espaço para se adaptar ao futebol do Sporting, português, europeu.

    Quando William sair - parece inevitável - teremos os Palhinha e Bruno Paulista a postos para serem primeira opção.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado opantaleao! Uma coisa é verdade: é melhor termos duas alternativas para uma futura substituição do William do que uma. As probabilidades de nos ressentirmos menos serão bem superiores. Um abraço.

      Eliminar
  5. Bom dia,

    Estou de acordo de forma geral com os argumentos esgrimidos. Apenas acrescentar a minha opinião sobre a contratação de Paulista:

    Acho que é da opinião geral de que o William vai sair a curto prazo, na minha opinião deverá sair no próximo verão, após o Euro. Assim pelo menos para mim, faz todo o sentido que tenhamos outro jogador para essa posição.

    O Bruno Paulista vem fazer sombra ao William, e aprender durante um ano, para na próxima época assumir a titularidade. Com a saída do William, o Palhinha já estará mais preparado e assumirá a sombra do Paulista.

    Vejo este processo com naturalidade, e sabemos que naquela posição, havendo potencial, o JJ tem a capacidade de produzir bons jogadores (vide Javi Garcia e Matic).

    Parecendo que não o Paulista deverá, pelo menos teoricamente, possuir uma maior competitividade que o Palhinha, já para não falar que o Palhinha tem tido alguns problemas frequentes com lesões que esperamos que acabe.

    Continuação do bom trabalho Mestre!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim Nuno, a experiência competitiva do Paulista é de facto superior à do Palhinha. Fez ainda muitos minutos na época passada, quando o Bahia estava no Brasileirão. Esperemos que seja o suficiente para fazer a diferença!

      Obrigado e um abraço.

      Eliminar
  6. Concordo na integra com as colocações! Nisto incluo a do Wallyson mesmo tendo a tal opção de compra por parte do Nice. (duvido que tenham possibilidades de a activar)
    William deve fazer a ultima época no SCP e nada como começar já a preparar o futuro para a sua sucessão! Este ano Bruno Paulista fica a aprender na sombra de William ( á semelhança do que JJ fez com Matic) e para o ano com a mais que provável saída de William, Bruno Paulista está pronto para assumir o lugar! O mesmo se aplica a Wallyson! (A jogar assim também deve ser a ultima época de João Mário no SCP). Wallyson a regressar, também estará no ponto para substituir João Mário! É assim que se deve trabalhar! Ver para além do futuro a curto prazo! Vejo isto como um ciclo virtuoso que nos vai permitir ter sempre alternativas de época para época, preparando os nossos jovens atempadamente para as exigências de um clube como o SCP! Esta direção esta a trabalhar muito e bem!
    Daqui por 1 ano, independentemente dos resultados desta época, BdC terá o meu voto! Finalmente temos um rumo e não nos devemos desviar dele até porque roma e pavia não se fizeram num dia! E ao longo das ultimas 3 décadas tem sido esse o nosso mal...desde maus projetos, projetos deixados a meio...raramente houve continuidade! E assim não há clube que resista...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fernando, de facto os progressos em relação à preparação e gestão do plantel são visíveis, em comparação com a época passada. Não nos podemos esquecer que também BdC está a passar por um processo de aprendizagem...

      Eliminar
  7. Que ano! Casa arrumada sem barulho de monta. Equipa montada e bem.
    Jogadores da formação de classe inquestionável, jogadores contratados com experiência e qualidade e sobretudo uma gestão mais cuidada dos empréstimos.

    Com a quantidade de elementos a sair da Academia esta é uma área em que temos de criar cada vez mais peso. Mais empréstimos, mais opções de compra, maior rentabilização do futebolista formado no clube. Nós sabemos que não podem ficar todos em Alvalade .... é impossível.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. p, esse peso é um caminho que tem que se ir fazendo progressivamente. Há dois anos, o Setúbal beneficiou muito com o empréstimo de João Mário. No ano passado o Arouca e a Académica ganharam muito com a chegada do Iuri e Esgaio. Este ano são mais os jogadores que prometem ser importantes. É uma "fama" que se tem que ir construindo e que atrairá cada vez mais outros clubes para quererem contar com os nossos jogadores.

      Eliminar
  8. Excelente a renovação de João Mário. Talento puro, joga de cabeça levantada, decide bem, coloca a bola onde quer. Admito que sou fã do João Mário!

    Boa noticia também a renovação de Slimani. O jogador está completamente comprometido com o clube e acredito que este ano, com o modelo de JJ, passará a barreira dos 20 golos.

    Empréstimos na 1º liga de João Palhinha e Semedo fazem-me todo o sentido. Os jogadores subirão mais um patamar competitivo. Se não estou em erro Semedo tem contrato até 2017, era bom que renovasse também. Acredito que dará um bom central!

    Wallyson. Confesso que não gostei nada da opção dada ao Nice. Acredito imenso no potencial deste jogador (é daqueles que não engana!) e até posso perceber o empréstimo (jogará mais e subirá também o patamar competitivo - no entanto até sou da opinião que podia ter ficado no plantel e não se tinha ido buscar Aquilani). A opção não.

    Acredito que o Nice não tenha dinheiro mas pode ser haver um 3º clube a meter-se ao barulho. Como o Tiago referiu o caso Iturbe/Verona/Roma. Imaginemos que William Carvalho há 2 épocas atrás, quando era um perfeito desconhecido para a grande maioria do publico, era novamente emprestado com uma clausula deste género. Não faz sentido corrermos riscos destes.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. PM, espero que na cláusula de compra do Nice já esteja metida uma outra cláusula de salvaguarda, que penalize o Nice caso o jogador seja vendido de imediato para outro clube...

      Eliminar
  9. Atenção que os casos de difícil resolução ainda continuam por resolver... labyad, Capel, rossel, viola e a renovação de carrilho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Claro, Ace-XXI. Os casos mais difíceis ficam sempre para o fim. Senão não eram os mais difíceis! :)

      Eliminar
  10. Esses casos também são fáceis de resolver é só ir à página 12 das guidelines do Godinho e está lá tudo escritinho como se devem fazer as coisas !...

    ResponderEliminar
  11. Com certeza, no caso de Wallyson, o SCP terá uma percentagem fututa venda.

    Basta ter 20 %.
    Imaginemos, excelente época do wallyson.
    Nice paga 15 m, o Mónaco compra o por 20.
    Se tivermos 20 por cento, recebemos 4m.

    Negócio bom para todos!
    19 m p o SCP, por um jogador com 20 minutos na A (taça cerveja não conta).
    O nice ganha 1m quase sem fazer nada, 1 m de comissão, obrigado incubadora !!

    Quem me dera muitos negócios assim!!

    Sejamos sérios.
    Jesus 3 anos, joga com 2 médios, sendo assim 1 tem de ser um 6 a sair a jogar (adrien desenrasca) .
    Vamos ter três craques : adrien, JM e o italiano para um lugar.
    Quanto jogaria wallyson?!?
    Daqui a 2 anos está o Geraldes a pegar de estava no plantel A.

    Ainda há gauld!!!
    E sinceramente, entre gauld e wallyson, prefiro que se aposte no escocês.

    Depois, depois há a vontade do jogador.
    Já se questionaram?
    Eu não o lugar dele quereria sair.
    E o SCP tirando um ou outro caso, trata bem os jogadores

    ResponderEliminar