sábado, 21 de novembro de 2015

#DiaDeSporting: Take 3

Depois da Supertaça e Liga, temos hoje o terceiro Sporting - Benfica da época. Desta vez, numa competição em que temos a responsabilidade de defender um título do qual somos o atual detentor, e que foi conquistado de forma absolutamente épica.

É certo que cada jogo tem a sua história, mas creio que a ideia que lancei na véspera do Benfica - Sporting para o campeonato se mantém atual:
Estou confiante. Diria que se se disputassem 10 jogos entre este Sporting e este Benfica, o Sporting ganharia 5 e dividiria os restantes 5 num número indeterminado de empates e vitórias para o Benfica. Mas como só haverá um jogo, 90 minutos em que tudo pode acontecer, será sempre um jogo de tripla.

Considerando que será o terceiro confronto da época no espaço de quatro meses, considerando que ganhámos os dois primeiros de forma indiscutível, e considerando a evolução que ambas as equipas registaram desde 25 de outubro, não há motivo nenhum para não encararmos o jogo de logo com uma dose saudável de confiança - mas sempre, sempre, com enorme respeito pela equipa do Benfica. Será um jogo muito difícil, em que a margem para errar será quase nula, e devemos contar com um adversário que fará os possíveis e os impossíveis para inverter a tendência que se tem verificado esta época, já que têm a total consciência de que mais uma derrota frente ao Sporting será um golpe psicológico profundo que dificilmente fechará até ao final da época.

No Sporting é certa a ausência de Naldo, e existem dúvidas em relação ao estado físico de Slimani, Ruiz, Ewerton e Jefferson. Pelas palavras de Jorge Jesus na conferência de imprensa de ontem, Jefferson parece dá indicações positivas de estar recuperado. Pressupondo que os restantes casos de dúvida estarão também fisicamente aptos para o jogo de amanhã, apostaria no mesmo onze que esteve na Luz, com a exceção óbvia de Ewerton, e com Montero no lugar de Teo - o nº 10 estará seguramente mais fresco que o compatriota.


Fica também o desejo que os sportinguistas percebam que este é um jogo em que a sua presença no estádio é fundamental. Será para mim uma desilusão se Alvalade não encher. Este grupo de trabalho já fez o suficiente para merecer a confiança de todos os sócios e adeptos, e essa confiança deve ser evidenciada apoiando a equipa in loco, sempre que a carteira e a distância física o permitam. E, claro, que nas bancadas tudo decorra dentro da normalidade, sem incidentes, e com o habitual e constante apoio entre o 1º e o último minuto.

Resumindo, é isto:

5 comentários :

  1. Grande jogo em perspectiva,

    Que ganhe o melhor e como evidente o
    Melhor seja o

    SPORTING

    ResponderEliminar
  2. Um Sporting-Benfica é sempre um jogo de tripla ainda para mais num jogo de taça onde tudo pode acontecer.Com estes jogos da selecção a meio tenho dúvidas que alguns jogadores estejam 100% preparados para este embate e neste caso apresento o Bryan Ruiz e o Teo Gutiérrez., o caso Jefferson é diferente.

    Ewerton também é outro ponto de interrogação uma vez que Naldo estava a dar uma boa consistência defensiva à equipa.

    Dos lampiões temos o bluff do costume com o caso Jonas.Escreveu esta semana o Record na 1ª página que o Jonas não treinou mas vai jogar.Não percebo um jogador que não treina vai jogar ?.Para mim é novidade,a super-estrutura deve andar a falhar em qualquer coisa.

    Hoje eles vão entrar com o orgulho ferido e tudo vão fazer para sair com uma vitória de Alvalade.Normalmente o pontos fortes deles são os lances de bola parada( Luisão e Jardel),tanto em cantos como em livres,e é preciso dar especial atenção ao Jonas,Gaitan e Gonçalo Guedes.Estes são os três desequilibradores do Benfica.Anulando estes 3 jogadores tudo pode ser mais fácil para o Sporting.

    Mais um jogo para mim de alta tensão.Aguenta coração.

    Dos lampiões já se sabe é o bluff do costume

    ResponderEliminar
  3. Eh pá, alguém explique aos mais novos, que ainda estão 31 equipas em compita, em prova.

    Hoje por ex., o SCP até pode ganhar, que depois ainda vai ter de jogar contra outras equipas.
    E também é preciso ter sorte no sorteio. Depois de lhe sair um Vilafranquense, sai-lhes agora
    na rifa o Carnide.

    Assim é fácil.. imaginem que tinham de ir jogar por ex., a Angra dos Reis nos Açores com
    mais de 7.000 Antis na bancada !!


    ResponderEliminar
  4. Um jogo de tripla como refere o Lion King e pelas razões que aponta.
    Temos um excelente onze, mas com Jefferson limitado, Teo e Ruiz certamente cansados e sem Naldo, as dificuldades aumentam.
    Esperemos que a sorte do jogo esteja do nosso lado e força SPORTING!

    ResponderEliminar
  5. Depois desta 3º vitória em que jogaram na equipa do Sporting 7 jogadores da formação e na equipa do benfica jogou 1 (que ainda por cima foi obrigado a fazer uma triste figura na flash interview), vale a pena reler o o excelente artigo de opinião do sempre imparcial José Manuel Ribeiro, publicado ontem no seu pasquim.Esse idiota fala de uma goleada silenciosa do benfica ao Sporting, porque têm mais jogadores nas selecções jovens. Daria para rir, não tivesse este senhor as responsabilidades que tem no jornalismo desportivo em Portugal. A qualidade da formação avalia-se pelo número de jogadores da "cantera" que se afirmam no futebol sénior. Não é difícil contar quantos jogadores da formação do Sporting se afirmaram no plantel principal do Sporting nos últimos 3 anos e comparar com os do benfica e porto. Mestre de Cerimónias, você que tem alguma projecção no que escreve, podia escrever alguma coisa sobre este artigo que serve apenas para a campanha dos anti-BdC e anti-SCP.

    ResponderEliminar