sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

Finalmente pode-se falar *do jogo* nas conferências de imprensa do Sporting

Há poucos dias, a SIC mostrou em pleno Jornal da Noite uma peça em que destacava a intervenção do assessor de imprensa do Sporting, Diogo André, na escolha do jornalista que faria a pergunta seguinte, em função do tema que iria ser abordado.

A conclusão dessa reportagem foi que o assessor do Sporting pretendia que a pergunta se focasse sobre a arbitragem, e não sobre o jogo. Diogo André reagiria mais tarde, dizendo que o seu objetivo era precisamente o oposto. De qualquer forma, a peça da SIC já tinha sido emitida, e o veredicto foi que, em 4 perguntas, apenas 2 foram sobre o jogo e as outras 2 sobre a arbitragem. Não foi permitido aos jornalistas focarem-se mais sobre o jogo, como desejariam.

Pois bem, precisamente uma semana depois dessa conferência de imprensa, Jorge Jesus esteve em Alvalade a fazer o lançamento da partida de Paços de Ferreira. E, como seria de calcular, os jornalistas deixaram os assuntos polémicos de lado e concentraram-se no jogo propriamente dito. Como, por exemplo, nesta pergunta extremamente pertinente sobre a abordagem técnico-tática que Jesus pretende fazer em função do seu adversário de amanhã:


Assim é que é bonito. Não há nada que ponha um jornalista mais feliz do que poder falar de futebol com as pessoas que percebem do assunto.

30 comentários :

  1. Você acredita na desculpa do acessor de imprensa?

    Como é óbvio nem todas as perguntas versam sempre apenas sobre o jogo. Agora estar a questionar p conteúdo da pergunta que vai sair de modo a escolher um tema e por acaso sair a pergunta sobre o tema que se queria "evitar"? Ou é mentira ou incompetência.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não interessa se acredito ou não acredito, até porque só a ouvi pela boca do Paulo Garcia no Dia Seguinte, e não a entendi na perfeição. A SIC, naquela peça, pôs o foco na diferenciação entre as que eram perguntas *do jogo* e as que não eram, coisa que vi pela primeira vez em muitos anos. Uma hipocrísia.

      Eliminar
    2. Mestre, se é para falar em hipocrisias então se calhar ninguém tinha moral para falar de futebol.

      A sic falou do caso pois teve muito destaque nas várias redes sociais e sejamos honestos, foi uma vergonha, ainda para mais para uma direção que se acha diferente e cheia de razão.

      Pois bem, se tivessem mesmo razão não haveria necessidade para se sujeitarem a uma atitude tão deplorável com aquela.

      Eliminar
    3. E hipocrisia é mais o facto de estar a confundir, propositadamente ou não, o que aconteceu.

      Aquilo que incomodou as pessoas nessa conferencia não foi o facto dos jornalistas quererem falar do jogo e esse tal de Diogo ter impedido, o que incomodou foi o atentado à liberdade que aconteceu nessa mesma sala!

      Isso sim foi vergonhoso.

      Cumprimentos

      Eliminar
    4. Atentado á liberdade? Deve ser o tipo de atentado á liberdade jornalistíca que a central de propaganda goebbelsiana do arcanjo gabriel aplica todos os dias e semanas na intencao de manipular a opiniao publico em seu favor. Facam o favor de nao se armarem em virgens ofendidas ou donos da razao porque disso tem muito pouco.

      Eliminar
    5. VOTA MARISAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA.

      Eliminar
    6. Fazerem perguntas com base em mentiras para condicionar a resposta do treinador do Sporting e fazerem um espectáculo durante vários dias já é ético. Desde que não haja 'atentados à liberdade' contra os pobres e honestos jornalistas. Que hipócritas...

      Eliminar
    7. Atentado à liberdade, JF? Toda a gente sabe que é a coisa mais comum em conferências de imprensa. Muitos fazem-no é antes da CI começar.

      Eliminar
    8. JF, não sei qual a sua idade, mas... bem, se aquilo é um atentado à liberdade, então já não sei o que é a liberdade - de imprensa, au sens strict.

      A opinião que tenho é que os actuais encartados de jornalista usam a liberdade em sentido ... libertino, ou pior, o que fazem é libertinagem, no pior sentido. Por isso, não me fale em liberdade de imprensa

      Eliminar
    9. Refiro-me à liberdade de imprensa como é óbvio. O que aconteceu naquela conferência foi uma clara tentativa de manipulação da opinião pública, isto porque queriam ter razão à força! O que só mostra que de razão tinham muito pouco, ou nada.

      Eliminar
    10. JF, o vosso escolhe as perguntas antes da CI começar. Assim ninguém vê! São muitos anos a virar frangos...

      Eliminar
  2. O Sr. acredita no que lhe convém: é normal e humano. Agora, querer obrigar os outros a aceitar a sua versão, é presunção a mais e apenas põe a nu a sua dimensão de boifiquista.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O sr. Também acredita no que lhe convém. Mas como o FACTO é que após toda aquela seleção de questões foi cair em sorte o direito de fazer a última questão a um jornalista com uma questão sobre o tema a evitar. Eu só questiono se foi incompetência do moço. Tanto trabalho para nada...

      Eliminar
    2. Por acreditares só naquilo que queres em vez da realidade ÉS lampião... è um problema que emana da falta de caracter de todos os lampiões.

      PS: note que eu não disse benfiquista, disse LAMPIÃO

      Eliminar
    3. Outra das características dos LAMPIÕES é desconversar, assim receberei uma resposta tua que não tem nada a ver com o que escrevi...

      Qual será? Somos bixcampiões, já não ganhas nada à 13 anos, ó BdC é coreano, o slimani devia ter sido expulso, etc... (a lista poderia ser muito extensa)

      Eliminar
    4. Sem desconversar......... VOTA MARISAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA

      Eliminar
  3. Coitados dos jornalistas portugueses..

    Vivem sob o cutelo do desemprego, sob a ameaça de viverem em Lisboa, de dormirem em lisboa, de terem os empregos em Lisboa, os filhos em escolas de Lisboa, as esposas em empregos de Lisboa.. ai deles se disserem mal, ou sequer questionarem os clubes de Lisboa!!!

    Então é só salamaleques, mel, culambismo.. todos de cócoras a darem graxa aos clubes de Lisboa e a dizerem mal do clube lá do Norte, do clube que fica a 300 Kms de Lisboa !!!

    Muitos julgam até que Portugal começa em Alverca e acaba em Alcácer do Sal !!!

    Pobres, tristes, coitados..

    Não são livres de poderem dizer o que pensam, nem pensar o que dizem!!

    Então, limitam-se a dizer que o Gaitan vai para o Man United e para mais 37 clubes, e que o outro, o puto maravilha vai valer 65 milhões.. e andam nisto !!

    Ele é o Damião, o Pato, o novo Neymar Moçambicano..

    Coitados dos jornalistas de Lisboa.


    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Perestrelo, aqui, na zona do Porto, tens um jornal desportivo; mais um diário generalista; mais outro generalista, a "apagar-se"...
      O que dizes dos jornalistas de Lisboa, em sentido lato, digo eu dos do Porto - com conhecimento de causa.
      Que também serão "Pobres, tristes, coitados..
      Não são livres de poderem dizer o que pensam, nem pensar o que dizem!!"
      Ponto final.
      Por isso, não queiras ser "maria vai com as outras", pensando que Portugal acaba na margem direita do Vouga ou , vamos lá, ali prós lados da Mealhada/Vilar Formoso.
      Para quem quer falar em liberdade, estamos conversados.

      Eliminar
  4. Acho engraçado que o foco é se o assessor condiciona ou não...

    Não fosse ele um assessor!

    Acho engraçado é que no momento em que o SCP tem essa função criada e a agir passa a ser um problema !!

    Como se o porco não passou 30 anos a condicionar jornalistas, árbitros, jogadores...
    Como se o carnide não o faz já há un anos largos.. claro muito mais pela calada...
    Como se as intervenções do gobbels não fossem do mais puro condicionamento.

    A questão não é se assessoria ou não os jornalistas.
    A questão é que só é um problema quando o ex-grande que fazia falta ao futebol português volta a ser grande e faz destas coisas também .
    O problema está que quando é o SCP a fazer coisas parecidas, ainda assim menos graves, como as nádegas sempre fizeram, lá vem o drama (gritemos todos) DRAMA.


    EX pobre marco silva... Ai ai ai, o drama, e sindicato e opinião de todo o merdoso pronto a dizer mal.
    Veja-se agora com o patego...
    E quem vier argumentar com critérios, o patego estava em segundo. O Silva acabou em terceiro.

    O rei dos lamps, nunca despediu nenhum treinador ?!.
    Segurou o Jesus porque era o Jesus.

    A questão é a diferença de tratamento para o mesmo problema \ situação. . E essa diferença é gritante.

    Já agora, até agora, todos os treinadores com BdC acabaram a Época.

    ResponderEliminar
  5. Caros eleitores:
    Domingo teremos um acto eleitoral de extrema importância.
    Vote em consciência, no candidato que faz rir os Portugueses.
    VOTA MARISAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Como vocês são 14 milhões acho que ela já ganhou :)

      Não há erro nenhum.

      Eliminar
    2. "Vão vir" charters de lampiones de todo o mundo votar na marisa :)

      Nada como os 14M para nos rirmos um pouco!

      Eliminar
    3. "Vão vir" charters de lampiones de todo o mundo votar na marisa :)

      Nada como os 14M para nos rirmos um pouco!

      Eliminar
  6. Deixa-me adivinhar, proximo jogo, marca-se um penalti a favor do Sporting o cabelo à fodasse impede os jornalistas de fazer perguntas sobre o arbitro e tu na semana seguinte metes um video de um jornalista a fazer uma pergunta sobre o proximo jogo com o titulo "Finalmente pode-se falar do arbitro"

    Vai ser isso não vai? Palas e mania da perseguição, passou-te ao lado a razão do barulho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O teu comentário é o de quem sofre do síndrome da perseguição...

      Eliminar
  7. Olha oartistadodia mencionado na SportingTV! Não sei se já é recorrente, mas é muito merecido! Parabéns

    ResponderEliminar