quinta-feira, 30 de junho de 2016

Questões para o jogo com a Polónia

Segundo o que diz a imprensa de hoje, as exibições de Cédric, Fonte e Adrien frente à Croácia terão convencido Fernando Santos, e deverão manter-se como titulares contra a Polónia. Cédric esteve muito bem defensivamente, anulando Perisic - provavelmente o jogador croata que esteve em maior destaque na fase de grupos -, Adrien fez um bom trabalho a limitar a ação de Modric, e Fonte parece estar melhor apto para enfrentar um avançado forte como Lewandowski. No caso do central, há também que considerar que Ricardo Carvalho poderá ter mais dificuldades em jogar um eventual prolongamento.

Considerando que não será pelo facto de o adversário se chamar Polónia que Fernando Santos decidirá correr qualquer tipo de riscos no momento de escolher o onze inicial, o mais provável é que o selecionador mantenha o 4-4-2. Nani e Ronaldo parecem indiscutíveis, pelo que as dúvidas principais acabam por estar no quarteto do meio-campo.

William deve levar vantagem sobre Danilo. Presumindo então que Adrien também se mantém, restam dois lugares por preencher, a serem disputados por João Mário, André Gomes, Renato Sanches e João Moutinho. Se fosse pelo rendimento demonstrado em campo, João Mário e Renato Sanches seriam as escolhas mais óbvias. Mas será que Fernando Santos abdicará da capacidade de agitar o jogo que Renato tem quando entra na segunda parte? E será que Renato conseguirá ter o mesmo impacto no jogo alinhando de início, sem o desgaste acumulado dos adversários de que tem beneficiado enquanto suplente utilizado?

Questões para serem respondidas daqui a três horas.

47 comentários :

  1. Julgo que a entrar de inicio renato alem de ir ser o jogador que ira cometer mais faltas durante o encontro nao vai conseguir impor o seu jogo,os polacos sao fortes fisicamente e é ai a unica mais valia que encontro em renato, um monstro físicamente.

    ResponderEliminar
  2. Volto a referir sai andre gomes e entra rafa ai sim....tínhamos selecção

    ResponderEliminar
  3. Volto a referir sai andre gomes e entra rafa ai sim....tínhamos selecção

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo. Deixar estar WV, Adrien e JM e apostar no Rafa. Bom de técnica e rápido.
      Na segunda parte, então entrava #JesusQuisto para o impacto que tem (e força) e, dependendo de como está o jogo, o Éder para atrapalhar os centrais.

      SL

      Eliminar
  4. Boa sorte para logo,eu apoio sempre as equipas Portuguesas contra os estrangeiros,esperemos que o Alcochete FC ganhe aos polacos do Juskowiac.

    ResponderEliminar
  5. Renato Sanches é o tipo de jogador que tem que vir do banco, sim, mas é quando a equipa já está a ganhar. Tendo em conta a forma taticamente indisciplinada como ele gosta de fazer as suas arrancadas, esse tipo de postura é ideal quando a equipa adversária é obrigada a ir à procura do prejuízo, ficando mais permeável a perdas de posição.
    O jogo com a Croácia foi um retrato disso mesmo. Antes de entrar o Renato, Portugal acabou a primeira parte a conseguir trocar a bola perto da área adversária e com ascendente. Assim que Renato entrou, essa capacidade de jogar de forma organizada numa zona mais adiantada como que terminou quase automaticamente e Portugal nunca mais conseguiu uma jogada de envolvimento até ao fim dos 90 minutos. Até chegar o momento em que a Croácia, basicamente, encostou Portugal às cordas.
    E foi aí que a utilidade de Renato Sanches finalmente se mostrou, mesmo se, lá está, a sua indisciplina tática quase deitasse tudo a perder, quando demora uma eternidade em se libertar da bola, com Ricardo Quaresma já em posição de, basicamente, só ter de encostar. Felizmente, as coisas acabaram por correr bem.

    ResponderEliminar
  6. O Renato não está preparado, não pode, nem vai obviamente ser titular (como não foi nas 8 internacionalizações anteriores) num jogo de tanta exigência técnico-táctica como o de uns quartos-de-final de um Europeu com a Polónia...

    Para o meio não tem o rigor defensivo nem o critério de passe suficiente, e para a ala esquerda não tem a cultura táctica nem a capacidade técnica necessária para causar desequilíbrios (a única solução para equilibrar a ala esquerda seria a inclusão de Eliseu à frente de Raphael, porque Fernando Santos não teve a inteligência de convocar médios ou avançados esquerdinos).

    Não sei se repararam mas o Renato teve uma entrada absolutamente "assassina" sobre o Rakitic, um pisão em cima da canela, uma agressão nítida, objectiva e tão desnecessária quão propositada, que só não lhe valeu uma imediata expulsão por muita sorte e falta de visão do árbitro sobre o lance...

    Não sei se notaram mas a entrada do Renato (e saída do Adrien) coincidiu com o melhor período da Croácia, e com a fase de maior assédio à baliza de Patrício, o qual teve de fazer a defesa da noite a partir da qual se desenrolou o golo de Portugal.

    O golo de Portugal nasce da recuperação de Quaresma na defesa, e prossegue com a grande correria de Renato Sanches, um poço de força e de irreverência (muitas vezes excessiva e para lá das regras), óptimo para entrar numa fase de desespero e de vale-tudo, ou seja, se ele não entrar amanhã significa que tudo correu bem e de acordo com o plano inicial...
    Jaques

    ResponderEliminar
  7. O Adrien dás por adquirido, o Renato que te fez ganhar o jogo, já tens muitas dúvidas...ainda se fossem dois jogadores diferentes, até compreendia, mas assim é só mesmo por má fé. Até gostava de ver os dados estatísticos sobre passes falhados de ambos os jogadores.
    É por causa destas coisas, que vocês não merecem respeito.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hahahahaha "fez ganhar o jogo" hahahaha
      E depois fala em não merecer respeito. Só dizes merda, impressionante. :D

      Eliminar
    2. So espero que se rafael estiver lesionado, jogue vieirinha e cedric, pois eliseu a levar com os calmeiroes polacos vai ser terrivel

      Eliminar
    3. Dou por adquirido em função do que li e ouvi na comunicação social.

      Eliminar
    4. E dizer que o Renato é que fez ganhar o jogo, bem, isso é uma versão com a qual não concordo.

      Eliminar
    5. So espero que se rafael estiver lesionado, jogue vieirinha e cedric, pois eliseu a levar com os calmeiroes polacos vai ser terrivel

      Eliminar
    6. Jogada entre Quaresma->Nani->Renato->Nani->Cristiano Ronaldo->Quaresma.

      "Foi o Renato que te fez ganhar o jogo!"

      Eliminar
    7. "Jogada entre Quaresma->Nani->Renato->Nani->Cristiano Ronaldo->Quaresma.

      "Foi o Renato que te fez ganhar o jogo!"

      Claro que a bola aparece na área da croácia por obra do espírito santo...

      Eliminar
    8. Vejo-me obrigado a ampliar os feitos do Renato porque vocês são muito rápidos a elogiar os vossos e a criticar os outros. 14 comentários, mais de metade são teorias de ressabiado contra "o melhor jogador do Euro" segundo um tal de Ancelotti.

      Adrien deve ser titular. Ponto. Sem dúvidas. Mas se nos baseamos no último jogo, o que fez Adrien a mais e melhor que Renato? Será que destruir jogo, é um ponto a favor numa equipa que tem mais que qualidade para assumir jogos contra equipas deste género? Depois a teoria do cansaço, passes falhados e faltas. Posso estar muito enganado, mas Adrien é dos jogadores mais faltosos dos 3 grandes, e provavelmente voltou a prova-lo no último jogo contra a Croácia; Passes falhados também foram muitos, o que é normal já que estamos perante um jogador de intensidade máxima on and off ball que por vezes se esquece de jogar com o cérebro-tal como Renato.
      Por último, cansaço. Renato, o que impressiona nele é que minuto 1 ou minuto 90, e a sua condição física pouco se altera. É um animal competitivo nesse capítulo e com 18 anos, tem resistência por 3.
      Daí que a questão Adrien in, Renato out, merece a devida reflexão. Dois jogadores idênticos, que por falta de carácter e honestidade de certas pessoas, recebem tratamento diferente. Sabe-se lá porquê...

      Eliminar
    9. São jogadores bastante diferentes. O Renato fisicamente é muito superior, o Adrien taticamente é muito superior. Neste momento penso que há espaço para os dois no onze, mas discordo que o Renato jogue da mesma forma do 1º ao 90º minuto, quanto mais não seja pelo facto de os adversários estarem igualmente frescos.

      Eliminar
    10. O Renato ganhou o jogo à Cróacia !...este ainda consegue ser pior que a anedota do Ancelotti sobre o Cometa !...ehehehehehe

      Eliminar
    11. Mas comparar a influência de adrien com renato no jogo deuma.equipa é de alguem que nao percebe nada do jogo.
      Ohhh jorge o renato tem um grande potencial pode vir a ser um grande jogafor mas ten que evoluir mto em mtas fases do jogo.
      Agora compara.lo com adrien vai.te tratar rapaz

      Eliminar
    12. "...o Renato que te fez ganhar o jogo."
      a partir do momento que este lampião começa o discurso com essa frase diz tudo.. maior faccioso não há. comparações completamente díspares. MAIS, são jogadores diferentes.

      o renato entrou a meio da segunda parte. adrien jogou de início e aguentou muito mais tempo e pressão do jogo do que o quisto. como é que consegues comparar o ...incomparável??

      E mais, se gostas de comparações, devias entrar apreciar o rendimento do quaresma e o do quisto, visto que entraram na mesma altura do jogo, e o quaresma sim agitou o jogo, mais, se bem me lembro foi ele que marcou o golo ou não???

      ..e respeito não mereces tu lampião sujo. volta para o buraco do T1 de onde saíste, lá é que és ouvido.

      Eliminar
    13. Box-to-boxe players. De transporte, de chegada, de intensidade. De 6, 8, 10. Um pouco de tudo. São claramente parecidos. Claro que Adrien taticamente, tem outro conhecimento de jogo. Mas isso é normal quando falamos de jogadores com um gap de 10 anos. Mas bastante diferentes, não são. Até nos weak points são muito idênticos. Mas respeito a tua opinião.

      Eliminar
    14. É uma pena que os tais que condenam os atos dos outros, não se olhem ao espelho. Estragam uma boa conversa sobre futebol. Ninguém se mete com eles,e acham-se os donos disto tudo. Oh pa, respeitem quem não vos fez mal. Mandem essa frustração para cima do governo, da mulher, do namorado, ou do cão. Agora, respeitem a quem vos está a respeitar.

      Eliminar
    15. frustração? tu é que vens para um blogue sportinguista falar de coisas que não interessam. não gostas do que lês? baza.

      Eliminar
    16. Estás tenso. Tem calma. Bebe um copo, pago eu.

      Eliminar
    17. No sentido em que são médios de transporte, sim, claro, aí são jogadores semelhantes.

      Eliminar
    18. jorgen80

      Acho Adrien e Renato totalmente diferentes e ambos podem coexistir. Adrien é melhor táctica e defensivamente e confere mais equilíbrio, no entanto.

      Se quiseres falar das faltas... No último jogo, Renato teve mais faltas que Adrien (ambos muito equiparados). A diferença? Renato só entrou na 2ª parte...

      Eliminar
    19. Mestre, mas a questão não é essa. Como é que este lampião compara o jogo do Adrien com o do quisto da musgueira quando o quisto só entra a meio da segunda parte? E ainda vir dizer que foi o quisto que fez ganhar o jogo? demência mesmo a falar mais alto.

      e não estou tensa, não sou é devota e simpatizante do quisto da musgueira, perdoa-me.

      Eliminar
    20. Mas, J1906, fez-te assim tão mal, o rapaz? Consta que é bom moço. Não podem é ser todos do Sporting! :))

      Lacrymea, para mim são box-to-box. Num meio-campo perfeitamente equilibrado seria necessário um jogador mais cerebral e que temporizasse mais o jogo. Daí que, Moutinho e Mário junto a Adrien ou Renato, trariam, no meu entender, outras nuances ao jogo da seleção.
      Ao coexistires Adrien e Renato num 4-3-3, os passes e as perdas de bola seriam gritantes porque são jogadores que arriscam muito.

      Eliminar
  8. "Se fosse pelo rendimento demonstrado em campo, João Mário e Renato Sanches seriam as escolhas mais óbvias."

    joão moutinho, para mal dos meus pecados, tem sido o médio com maior rendimento, tanto em termos de posse, como em termos de desiquilíbrios.

    joão mário tem oscilado, mas no geral pouco tem feito.

    andré gomes, fora a assistência no primeiro jogo, tem feito um europeu horrível

    já renato, não entendo as opiniões positivas. fez 2 jogos horríveis (hungria e islândia), e contra a croácia, embora tenha mostrado porque poderá ser útil, principalmente em termos de condução de bola, no final acabou também por lembrar, quase sempre, que ainda é uma promessa.
    defensivamente foi nulo este campeonato da europa, em termos ofensivos, até ao momento, só tem 2 contribuições (uma no fim do jogo contra a hungria e uma contra a croácia), e em termos de posse comete demasiados riscos. Pessoalmente, entendo que será um jogador muito útil caso tenhamos que procurar um golo (ou caso seja preciso tirar o andré gomes de campo).
    Mas um jogador que não defende e que perde mais bolas que os outros, é um risco muito grande para uma equipa como portugal, que não garante que consiga (ou tenha que) assumir o jogo.
    Porque tê-lo em campo, segundo o que se tem visto, é isso mesmo, um risco.
    (mas o gajo em 2 ou 3 anos no bayern, tem tudo para se tornar numa besta, foda-se!)

    ResponderEliminar
  9. Ora bem já deu para perceber o que vai acontecer em caso de derrota com a Polónia,isto é, quem perdeu foi o Sporting,em caso de vitória quem ganhou foi o clube Porta 18,isto é,o Cometa Sanches.

    Oxalá o Fernando Santos meta o Cometa de inicio...era a coisa que hoje mais queria do seleccionador.Era Portugal perder com o Cometa de inicio...ehehehehehehe

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gostava de ver o quisto a entrar de início.. ver se os acéfalos diziam a mesma coisa.

      Eliminar
  10. A titularidade do "Adrien Paulinho Santos que anula a paulada o Modric Silva" está garantida. A titularidade do homem do jogo Portugal Croácia não.
    Não tem cultura táctica para jogar num meio campo de 4 médios contra a Polónia.
    Mas tem para jogar no meio campo de 2 médios, ele e o Samaris, e garantir o tri em Alvalade perante 50 mil sportinguistas que acabaram mais uma vez o jogo em lágrimas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ...continua em busca do biscoito perdido cão. não desistas!

      Eliminar
    2. Falar do Adrien sobre paulada e esquecer as entradas do Quisto Sanches é para rir???

      Eliminar
    3. Estamos a falar do mesmo Renato que precisamente no jogo com a Croácia cometeu uma AGRESSÃO VIOLENTA que só por sorte não teve piores consequências?

      'tá certo..

      Eliminar
    4. E para quem diga que não aconteceu, está aqui: https://giphy.com/gifs/mvp-l46CmZvpfUT2I0X3q?status=200

      Eliminar
    5. Com este video, agora calaste os bem caladinhos eheh

      Eliminar
  11. Patricio
    Cedric-Pepe-Fonte-Gerreiro
    J.Mário-William-Adrien
    Nani-Ronaldo-Rafa

    Este devia ser o onze.

    E sem dúvidas nenhumas, entrar o Sanches quando o jogo abrir,
    é sem dúvidas uma mais valia com mais espaço no campo.

    ResponderEliminar
  12. Primeiro onze com dois jogadores do tri campeão. A primeira vitória do euro está mais perto.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ja tens noticias da tua mae????
      Deixa o blog e vai aconselha.la

      Eliminar
    2. Ja tens noticias da tua mae????
      Deixa o blog e vai aconselha.la

      Eliminar
  13. O que eu temia aconteceu
    Se a ala esquerda for renato e eliseu ja fomos.
    Eliseu é claramente uma nodoa, engenhicas vais suspirar por antunes e por favor queima o adrien e coloca.o na esquerda porque se metes sanches vamos ser goleados

    ResponderEliminar
  14. Não esta mal de todo, só vamos jogar com 10,5 jogadores.

    Já foi pior.

    ResponderEliminar
  15. Espero que deixe Adrien no centro e Renato mais descaído para a esquerda.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tmb eu esperava isso
      Mas quem jogara na esquerda sera joao mario e o gordo que deve ser expulso

      Eliminar