segunda-feira, 29 de agosto de 2016

Festejei isto como se de um golo se tratasse

Fundamental este corte de João Pereira, já no fim dos descontos. O ponto alto de mais uma boa exibição e de um excelente arranque de época.



EDIT: muito bem lembrado pelo Pawn, o João Pereira deve ter tido um gosto particular nesta vitória, por ter sido contra Nuno Espírito Santo, o treinador que lhe arruinou a vida em Valência para arranjar espaço para outro defesa direito que estava para chegar.

25 comentários :

  1. Também eu Mestre!
    Também todo o estádio como se ouve tão bem no som.
    O João ontem, sem brilhar, demonstrou um coração de leão e foi fundamental em determinados momentos defensivos.
    Ele, o Coates e o Semedo fizeram alguns cortes simplesmente brilhantes.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sem dúvida, defensivamente a equipa tem estado muito sólida. Em 3 jornadas, apenas houve 1 golo sofrido e 1 grande defesa do Patrício. Houve mais calafrios, claro, mas o balanço inicial é muito positivo.

      Eliminar
  2. Como não sou dos que me desculpo só com a arbitragem fraca, tendenciosa e incompetente do árbitro adepto do clube da casa.. assumo que a culpa do FCP ter perdido o jogo, também se deve muito às más opções (substituições) do NES. Jogar com este Oliver e com este Adrian Lopez é como jogar só com 9. Já em Roma a opçãopor Sérgio Oliveira revelou-se péssima.

    NES é muito fraco a ler o jogo em andamento...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Era difícil para o Óliver assinar, entrar de imediato, e ser já o jogador influente que pode ser. Há que dar tempo ao tempo, acho que o Porto ficará mais forte com ele.

      Eliminar
    2. Mas quem o NES ia pôr? O plantel do Porto é muito desequilibrado. Tem muito gente para jogar pelo centro e quase ninguém pelas faixas.

      Eliminar
    3. De facto é desequilibrado. Incrível o banco que tinham ontem: Sá, Rúben Neves, João Carlos Teixeira, Óliver, Varela, Adrián e Depoitre. 0 defesas e apenas 1 médio. Mais dois jogadores que, à partida, pouco contam: Varela e Adrián.

      Eliminar
    4. Bhraimi 40 milhões no Everton... diz-te algo?! Varela, 235 jogos com a camisola do FCP já não presta?! Sem falar no Aboubakar que poderia ter jogado ontem tal como jogou o Slimani. Já sei, como comprais Marçais e Candeias em troca de garantir os 3 pontos, não precisais de vos preocupar..

      Eliminar
    5. Ate te dou um exemplo do SCP... 351 jogos pelo Sporting, e nao valia grande coisa, sempre que tocava na bola eu tremia, de seu nome Anderson Polga...

      ...portanto isso de o numero de jogos jogados com a camisola de X, Y, Z, tem muito que se lhe diga, como por exemplo a falta de alternativas, cabeça dura de alguns treinadores etc, etc,...

      Eliminar
  3. Ou seja, não foi mérito de JJ. Foi mais demérito de NES.


    ResponderEliminar
  4. Oh como te compreendo! Foi um corte Imperial...mais um!

    ResponderEliminar
  5. Que corte!

    ... e sai a jogar a 100 á hora!

    Nao é para todos...

    ResponderEliminar
  6. Também compreendo. Mais que títulos, são os pequenos detalhes da vida que fazem a diferença.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas foi um grande corte nao foi?

      Coisas que nao se veem noutras equipas e noutros jogos...

      PS: tambem gostei muito do corte que o Eliseu fez ao jogador do nacional (atençao eu escrevi ao jogador e nao á bola) o ano passado...

      http://videos.sapo.pt/j1prdH5ZI5iZnQFbWVMz

      E ate mesmo aquele lindo corte tambem de eliseu no
      guimaraes vs Vendifica...

      https://www.youtube.com/watch?v=PROxV3LCxoM

      E que dizer daquele corte de eliseu com a mao na cara de Joao Mario...

      https://www.youtube.com/watch?v=bQ9MGqiFXj8

      Deixo-te aqui o top 5 dos caceteiros

      https://www.youtube.com/watch?v=mniUYeMCPbY

      Eliminar
    2. Agradeço a pesquisar exaustiva, mas o tempo é pouco. Guarda para uma próxima. Obrigado.

      Eliminar
    3. Nao tens tempo... ou nao te cheira...

      Por muito que tentem apagar, as vossas mazelas estao espalhadas pela net fora, e mesmo que apaguem existe sempre alguém (como eu) que vai guardando para avivar a memoria de alguns...

      ...portanto a pesquisa foi rapida e eficaz, e se servir para expor a verdade (ou podridao) de alguns factos, é um prazer meu...

      Eliminar
  7. Mestre, não estamos de acordo neste ponto: nem o JP está em grande forma (se é que alguma vez esteve), nem me parece que sem o corte houvesse muito perigo, o William e o Coates estavam em cima da jogada. Perigoso seria se o Lopez tivesse chutado de primeira ou cruzado... mas por isso mesmo é que ele é fraco.

    ResponderEliminar
  8. Mais importante é que as arbitragens em poucos meses, já passaram de lixo a fantásticas. Nada a apontar, dizem eles seguros no alto da sua liderança.

    ResponderEliminar
  9. Este lance é sintomático relativamente ao estatuto do guarda redes.

    Um miúdo(Gelson) sabia que tinha um campeão à baliza mas um campeão permeável, por isso arriscou o remate.

    Um jogador experiente que foi útil ao Atlético Madrid(coisa pouca) como o adrian Lopez sabia que tinha um campeão pela frente, mas um campeão que tem provado ser dos melhores do mundo e por isso não basta rematar, há que mete-la no buraco sabendo mesmo assim que 4 em 5 o patrício vai buscá-la seja em que buraco tentem pôr a bola.

    SL

    ResponderEliminar
  10. O João Pereira estava maluco ontem, a jogar de raiva, porque no banco adversário estava o treinador que o tinha afastado do Valência, há 1 ano e seis meses atrás! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Como se costuma dizer...

      O mundo é pequeno...

      ou...

      Karma is a bitch...

      Eliminar
    2. E afastou-o para colocar lá outro e nao porque esse outro jogasse melhor, mendilhices.

      Eliminar
  11. Já nem me lembrava dessa jogada. Incrível, e não sei em que contexto surgiu essa ocasião, mas parece-me inaceitável termos concedido todo essa espaço a escassos 20 segundos do fim do jogo. A rever!

    ResponderEliminar