sexta-feira, 23 de setembro de 2016

Com amigos destes, quem precisa de inimigos?

Merece uma leitura atenta o post de ontem do blogue Leoninamente, de autoria de Álamo, que, no seu estilo inconfundível, faz algumas considerações sobre o artigo de opinião que Carlos Barbosa da Cruz escreveu ontem no Record: LINK.

Não poderia estar mais de acordo com Álamo. Confesso - e não é de agora - que me mete uma enorme confusão o facto de determinados sportinguistas, com espaços de opinião nos media, revelarem uma total incapacidade (ou falta de vontade) de levar em linha de conta os interesses do clube quando escolhem os temas que irão abordar nos seus artigos.

Não me entendam mal: não é uma questão de querer impor algum tipo de censura aos sportinguistas que têm acesso a esses espaços. Cada um é livre de escrever aquilo que entende, seja sobre questões positivas da vida do clube, seja sobre assuntos mais polémicos. No entanto, esses sportinguistas já deveriam ter percebido que, de há anos para cá, não falta quem faça questão de explorar, até à exaustão, todas as polémicas e pseudo-polémicas que envolvem o Sporting, seja nos espaços de opinião dos notáveis rivais, seja nas próprias linhas editoriais daqueles (demasiados) jornais, rádios e televisões que têm, nos ataques ao Sporting, um dos seus objetivos primordiais.

Se ainda existe uma réstia de desejo em ajudar o clube nas suas inúmeras batalhas, seria razoável que, pelo menos, pensassem duas vezes antes de partir para a crítica. É um assunto incontornável? É importante alertar os seus leitores para um problema pertinente? Então critique-se. É um tema secundário no meio de muitas outras questões tão ou mais relevantes? Então siga-se em frente e coloque-se o foco nessas outras questões.

Neste caso em particular, Carlos Barbosa da Cruz ocupou metade do seu espaço de ontem a criticar Frederico Varandas, um elemento da estrutura que tem feito, desde que chegou ao clube, um trabalho notável, por algo que aconteceu há mais de três semanas. Pior: chegou ao ponto de recomendar a Frederico Varandas que meta o sportinguismo na gaveta (!!!), como se o sportinguismo fosse algo incompatível com a competência e um obstáculo ao profissionalismo. A meu ver, é ao contrário: a paixão ao clube só pode fazer disparar a determinação e a vontade de ajudar o clube nas piores das circunstâncias. Se a um sportinguismo incondicional juntarmos níveis elevados de competência, então estaremos perante a combinação ideal de qualidades que um funcionário do clube pode ter. 

Contra o Porto, Frederico Varandas fez, de facto, algo que não devia. Mas, considerando que se tratou de um episódio inédito no seu percurso, que a suspensão de um médico é uma questão completamente secundária, e que é algo que ocorreu há várias semanas, havia alguma necessidade de Carlos Barbosa da Cruz recuperar este assunto, nestes termos? Era assim tão difícil encontrar um tema mais atual, ou - agora para algo completamente out of the box - tentar ajudar a relançar a confiança dos sportinguistas na equipa após uma semana muito complicada? 

Com amigos destes, quem precisa de inimigos?

49 comentários :

  1. Primeiro pensei que fossem só pessoas menos capazes. depois descobri que eram incompetentes de primeira apanha. com o tempo comecei a questionar o seu sportinguismo e agora não tenho dúvidas que nos últimos anos fomos invadidos por falsos sportinguistas que tinham como objectivo a destruição do clube.
    A expressão é quinta coluna, infiltrar no inimigo para o destruir por dentro. foi isso que nos fizerem, ou melhor, que tentaram. Agora são como esbirros, que estão de fora a raspar na porta para entrarem outra vez.

    "Meter o sporting na gaveta".... e dizem-se eles sportinguistas...

    ResponderEliminar
  2. Logo na semana em que foram divulgados os "Bahamas Papers " :-)

    ResponderEliminar
  3. O Carlos Barbosa só se manifesta quando há algum episódio (normalmente pontual) que não corra bem ao Sporting. E esse é que é o problema: é um "síndrome de abutre". Nada contra que não alinhe com o nosso Presidente BdC mas se é Sportinguista e figura pública com acesso à imprensa, o Carlos Barbosa tem a obrigação de apoiar o Sporting nos bons momentos também, algo que NÃO faz.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Luís, atenção que o Carlos Barbosa da Cruz e o Carlos Barbosa são pessoas diferentes. Um abraço.

      Eliminar
  4. o dono do acp tem toda a legitimidade de abordar no rascord os assuntos que lhe seja oportuno. agora, o que me faz enorme confusão, é o dono do acp e mais alguns ilustres sportinguistas, só aparecerem na ribalta da pasquinagem, para criticarem, seja a direcção, seja equipa técnica, seja jogadores.
    ainda hoje se está para explicar, a razão, do dono ter entrado no sporting e da forma como saiu. é que de facto tudo que esse dono debita, é sempre quando algo errado acontece em alvalade, e sempre no bota-abaixo. o gordinho flopes é que o lixou, e o garoto do BdC, é que o tem de aturar!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Desta vez não é o presidente do ACP. Até podia muito bem ser, mas não é. :)

      Eliminar
    2. hahahaha então é mais um barbosa para por aqui no meio do alvo de setas :)
      como ontem tinha ouvido falar de um barbosa, liguei ao dono do acp. as minhas desculpas à família haha

      Eliminar
    3. prontes, já vi quem é o artista, e nem vale a pena ler os artigos dele, devem ser todos a louvar o nome sporting...
      http://www.record.xl.pt/opiniao/cronistas/carlos-barbosa-da-cruz.html

      Eliminar
  5. Lamento, mas é a merda de notáveis que temos. Por vezes dou por mim a pensar se no lugar do presidente não seria um ditador. O que é que um presidente sentirá a ler as palavras deste abutre? Os outros protegem-se, nós vamos para a varanda gritar que a nossa "família" não presta. Comigo estes abutres seriam corridos de alvalade a pontapé.

    ResponderEliminar
  6. O Carlos Barbosa da Cruz é apenas mais um ser desprezível que surgiu no Sporting pela mão dos amigos. Os interesses do Sporting são completamente irrelevantes para alguém que, como esse ser, se move por puro interesse em tudo que faz/diz.

    ResponderEliminar
  7. Nada que um biberao nao resolve, visto o problema ser falta de "mama"!

    Quer croquettes, compre-os, ou entao use os vouchers que deve ter em seu poder e va ao museu da cerveja!

    ResponderEliminar
  8. Caros consócios e simpatizantes.
    Falar mal do sporting dá protagonismo.
    Por muito tempo quem o dirigiu deu também o poder de fazer o que se queria sem grande escrutinio (pelo menos da minha parte que só lia jornais de vez em quando).
    Agora com a nova era e muito devido a blogs como este, não deixamos de defender o sporting mas com muito mais informação e isos mudou muito!
    O que eu vejo é que muita gente deve ter ficado a perder com esta nova direcção. Nem sempre se apercebem que o paradigma mudou no Sporting. Quem está no sporting é para servir o sporting. (O BdC disse isto vezes sem conta)
    Ou seja, para estes senhores doi muito terem deixarado de, directamente ou indirectamente de, beneficiar com o sporting...
    Temos de estar atentos. Talvez o melhor é apenas isso, estar atentos (registar) e não dar eco a essa gente.

    ResponderEliminar
  9. Acho que o objectivo era mais atacar o treinador que propriamente o médico. Deu umas voltas, mas foi lá bater, exactamente onde queria: Jorge Jesus.

    Estejam estes senhoras contra ou a favor do actual presidente, expressões como "sportinguismo na gaveta" é daquelas que jamais deveriam pronunciar. Só as pronunciam, porque de sportinguismo sabem zero!

    E este, foi um dos artistas que chegou a ser equacionado para suceder a FSF. Acabou por avançar JEB.

    ResponderEliminar
  10. Um Barbosa diferente, a mesma relevância de intervenção: nenhuma.
    Estamos a falar de um incidente que se passou há semanas, um incidente isolado de um profissional. Se se deveria ter contido? Claro que sim.
    Mas foi um incidente. Depois de duas derrotas seguidas, o nosso foco de atenção deveria estar centrado no jogo de logo à noite.
    Mas não.. vamos continuar com estas (e desculpe o termo Mestre) merdices que têm zero interesse.

    ....Foco no que realmente interessa: em busca dos 3 Pontos!!!

    Sporting Sempre

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Este é um bocadinho, só, diferente do outro dos reboques. Este é mais um dos que têm um contracto que lhe apresenta um espaço para preencher com um determinado número de caracteres. Limita-se a juntá-los numa ordem qualquer, sempre com o SportingCP como tema. Este é dos que continuam a ganhar algum com o Sporting. Mas duvido que tenha uma agenda contra o SCP. Já o dos reboques parece mesmo tê-la. Por exemplo, o roc, é outro brandinho tolo, que vai ganhando uns cobres à conta do Sporting e, manifestamente, não tem uma agenda contra o SCP. A aparente diferença entre este barbosa e o roc é q o primeiro parece ter cérebro funcional e o roc é só tolo. Resumindo sem novidades: ainda estamos um bocado mal servidos de opinadores.

      Eliminar
    2. Ora aí esta conana.
      A partir do momento em que tens este tipo de sportinguistas a terem como objecto de artigo de opinião um tema deste tipo quando temos hoje jogo.. acho que diz tudo.

      Eliminar
  11. É a diferença entre os nossos comentadores e os do Benfica. Os nossos são escolhidos por se oporem à direção. Os outros são escolhidos por serem alinhados...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. e aqueles que denunciam a corrupção, são comprados e passam a ser mais um cão de fileira.

      Eliminar
  12. Estes "sportinguistas" têm em conta o interesse do clube quando lá estão directa ou inderectamente a tomar conta dos seus próprios "interesses".
    Dependência de um clube ou do estado, vai dar quase ao mesmo. Num caso são os sócios que os sustentam, noutro o dinheiro dos contribuintes. As grandes instituições têm sempre este tipo de clientela ao pé. É o refúgio dos incapazes de criarem riqueza com o seu próprio trabalho. É a história do mundo, escrita e re-escrita. Qualquer abutre, dependente da "caridade" institucional, criticará á primeira oportunidade quem lhe tirou o poiso certo. É a mediocridade que fala mais algo e o secreto reconhecimento de que são incapazes de fazer o que quer que seja. Desde incompetentes que lançavam insides no seu blog para se concolidarem entre os restantes blogs e que ficaram sem a sua fonte de informação e agora destilam ódio á direcção no seu blog para invisuais de mercado, a quem facturava imenso que as excessivas parceirias que o Sporting tinha com os seus fornecedores, há de tudo.
    A esta bosta ambulante deste Barbosa da Cruz, desejo-lhe o mesmo que desejo a todos os incompetentes parasíticos. Que o seu próprio parasitismo o consuma.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vai ser difícil porque este, incompetente ou não, não tem parecido nada parvo...

      Eliminar
  13. Carlos Barbosa e´a nossa Juliana, Condessa da Ega. Tornando-se amante oficial de Junot, durante o periodo que ocupou Portugal, para além de trair o marido, traiu o país

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, mas agora só se deixa encornar quem quiser ...

      Eliminar
  14. Todos os Carlos Barbosas desta vida são iguais. Abutres que só falam logo que vem uma derrota inesperada ou algum caso menos positivo da vida sportinguista. Quando as coisas correm bem alguma vez dão parabéns à estrutura ou equipa técnica? Não. Quando corre mal vêm a correr criticar tudo e todos? Sim... Se ninguém lhes ligar nenhuma acabaram por perder o tempo de antena.

    ResponderEliminar
  15. Se o Mestre me permitir, vou até contar o que aconteceu posteriormente a expulsão do Varandas, pois estando no estádio acompanhei esses momentos e mostram que a contunda profissional esteve lá sempre e que a equipa do Sporting não foi prejudicada:
    Aconteceu a expulsão, o médico dirigiu-se ao 4º arbitro(que esteve bem na compreensão do papel importante do médico no contexto desportivo) e perguntou(ou arfimou) se podia ficar o resto do jogo em pé na entrada dos túneis pronto para acorrer a alguma situação urgente em que fosse necessário a sua presença. Isso prova que caso os intervenientes(não só os do Sporting) necessitassem do seu apoio médico, a contunda profissional do médico estaria lá de igual modo.

    Pedir a um Sportinguista para deixar de ser Sportinguista mesmo que esse pedido seja em contexto profissional é só parvo.
    Temos visto, infelizmente e até mais nas modalidades, muitos casos em que os médicos tem que intervir em emergências de jogadores que não da sua equipa, e não é por isso que quanto a situação passa deixam de ir para os bancos e defendem as suas cores.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O mais engraçado é que pediu-se isso à pessoa mais errada. Acredito que o Frederico deixaria muito mais facilmente de ser médico do Sportinguista. Já este barbosa...

      Eliminar
  16. O Varandas o tal que disse que o departamento medico do Sporting era reconhecido internacionalmente!!! loooool Sofrem todos de delirios.

    O tipo tá lá há 3 meses mas já reconhecido internacionalmente... só se tiver a falar do que o Sandro andou a falar. O Lucas Silva parece que voltou aos treinos, O Real MAdrid depois de não ter encontrado nada, e de ele ter tado parado por precaução, voltou a não encontrar nada.


    O Jorge ontem disse os adverários sentem a valorização do Sporting nos ultimos 12 meses levada ao "comando do nosso presidente!! O Jesus continua a achar que antes dele não havia Sporting, o MArco esse tipo que deu o unico titulo do Sporting em 8 anos esse não existiu, e se existiu era um malandro, assim disse o "nosso presidente"

    lol graças a deus a estrutura do Sporting não se cala.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Como chefe do departamento está há 4 anos, burro. Vai lá fazer os trabalhos de casa.

      Eliminar
    2. E fala esta melga em delírios ... pobre bicho ...

      Eliminar
    3. Ai já lá estava quando foram contratados jogadores que o Bruninho agora diz que não deviam ter sido contratados pq não estavam em condições?

      lol mais comico fica.

      Reconhecido internacionalmente diz ele!! Por quem? Anteontem era o matreco Vieira a dizer que o R&C do Sporting eram reconhecidos pela sua qualidade. Por quem?

      Sporting delirios de Portugal

      Eliminar
    4. Tadeu e apoiar um clube ? não lhe parece uma boa ideia

      è que ser anti-Sporting não é bem um clube

      Eliminar
    5. E fala esta melga em delírios ... pobre bicho este tadeu ...

      Eliminar
    6. Ó Tadinho, há quatro anos foi exactamente quando o anterior departamento médico foi demitido por exactamente ter admitido jogadores que não sairam do estaleiro.

      Eliminar
  17. Para ser Sportinguista não chega dizer que se é, nem chega pagar quotas. Um Sportinguista é quem, pelo respeito e pelo amor que tem ao clube, o coloca acima de qualquer interesse pessoal e o defende de forma intransigente. Esta gente é tão sportinguista como o Vieira é benfiquista.

    ResponderEliminar
  18. Está burro o gajo.Espero que volte ao normal.

    ResponderEliminar
  19. Não digo que estas pessoas não sejam mal intencionados ou abutres, mas atenção que também a comunicação social só vai ter com eles quando algo de errado se passa no SCP. Não vão fazer-lhes entrevistas quando as coisas correm bem.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se se tratasse de criancinhas, ainda talvez tivesses razão ...

      Eliminar
  20. É caso para perguntar, com amigos destes quem é que necessita de inimigos, mesmo quando eles falam a verdade?
    Se por acaso os dois Carlos Barbosas começarem a comentar no Artista, eu deixarei de carvoeirar por aqui.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Godinho esse é que te enchia as medidas nao era?

      Compreende-se...

      Eliminar
    2. carvoeirar? tu só disparatas pá...

      Eliminar
  21. Nem de propósito hoje foi a vez do ilustre Abrantes Mendes mandar umas larachas sobre a comunicação do Sporting, em dia de jogo.
    Este senhor é um idiota.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ia jurar que no Record o Juiz AM criticou a Intoxicação do SLV.. mas se calhar não li tudo !!!

      Eliminar
    2. E leste bem. Esse homem tem um metabolismo estranho mas parece ser sério.

      Eliminar
  22. Ao Mestre de Cerimónias o meu grato e solidário reconhecimento.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado eu pelo post que escreveu, Álamo. Um abraço.

      Eliminar