terça-feira, 29 de novembro de 2016

Mais claro do que isto é impossível - parte 1

Há cerca de um ano e meio, a seleção portuguesa esteve presente no Europeu sub-21. A participação foi muito meritória, tendo a seleção acabado por cair na final, frente à Suécia. O futebol praticado pela equipa de Rui Jorge foi de luxo, e, como consequência natural, vários jogadores portugueses foram incluídos no onze ideal do torneio. Um deles, inclusivamente, foi considerado o melhor jogador da competição (William Carvalho, para quem não se lembra).

Entretanto, esses jovens jogadores portugueses continuaram a evoluir, afirmando ou consolidando a sua importância nos clubes que representam. Ontem, a UEFA publicou uma análise à evolução dos jogadores que participaram nessa competição, formando um onze com os atletas que, ao longo desse ano e meio, mais deram nas vistas. Nesse onze, a UEFA elegeu quatro jogadores que representaram a seleção portuguesa, e um jogador estrangeiro que joga em Portugal. 

Agora a pergunta: se trabalhassem num jornal desportivo português, como dariam a notícia?

Pois bem, o jornal A Bola decidiu dá-la desta forma:


Destacaram Lindelof, pois claro. Os quatro portugueses não tiveram direito a serem mencionados pelo nome. Mais tarde, percebendo a magnitude do título escolhido, corrigiram.


É uma coisa sem importância, mas, precisamente por ser uma coisa sem importância, revela bem como estão formatadas aquelas mentes. Benfica über alles, mesmo que no alles esteja a seleção do seu próprio país.

Tenham vergonha.

33 comentários :

  1. E o site da UEFA.com português?

    "4 são da selecção, 1 joga no benfica"

    ResponderEliminar
  2. Ainda me lembro que nesse euro o esgaio sentou o cancelo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olha, eu lembro-me do Bernardo pedir para sair e cagar na hora de marcar um penalti decisivo.

      Eliminar
    2. loooooooooooooooooooooool sar!!

      Eliminar
    3. Hum pelo que ja li posso inferir que para os lampioes ser cobarde é um elogio.

      Eliminar
  3. Acho que a única coisa que os impede de fazerem um jornal vermelho e branco e mudarem o nome para Jornal do Benfica é o facto de terem concorrência por parte do Record e ambos quererem por todos os meios agradar e fazer favores ao patrão em cada edição.

    Não compro, obrigado!

    ResponderEliminar
  4. Vergonhoso Mestre!!

    A Bola assume se todos os dias como um peão encarnado! É de vomitar mesmo!

    ResponderEliminar
  5. Tenho pena pelo Jornal, era o melhor jornal desportivo. Hoje não presta e está completamente minado de jornalistas muito incompetentes, desde o seu diretor, passando pelo Delgado e Guerras até ao simples jornalista que faz este tipo de noticias. Estão a perder clientes. Eu deixei de comprar, com muita pena minha. Agora, para saber noticias do meu clube compro ás 5º feiras o Jornal Sporting e vejo a Sporting TV.

    ResponderEliminar
  6. no lugar do avião do chapecoense... porque é que estes jornaleiros não embarcam num avião com combustível eterno que ficasse a voar nas nuvens da propaganda sem poder aterrar cá abaixo?

    ResponderEliminar
  7. Ha' anos atras, com um parco orcamento de estudante, ter uns trocos a mais e com eles comprar um desportivo em papel era quase um orgulho. Vieram as edicoes online e tornei-me leitor assiduo do online, escasseando cada vez mais a aquisicao em papel, mas sempre assiduo online. Mais tarde descobri os bons blogues e comecei a dar cada vez menos importancia aos sites dos jornais. Hoje em dia evito-os activamente -- mesmo quando estou 'a procura de uma informacao que sei onde estaria no site de um dos desportivos, ja' treinei a mente para se lembrar de um lugar alternativo onde encontrar essa informacao e nao "dar" sequer um click a esses jornais. Ja' nao me recordo da ultima vez que abri um deles.
    Como eu, acredito que este seja o sentimento/pratica de muitos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isto.
      Já não há vergonha/ética/isenção/profissionalismo/etc.

      Eliminar
    2. Isso é simples de resolver, a questão dos Links nessas paginas se, por uma noticia (do Sporting simplesmente), tiver que visitar: Adblock Plus. Eles ficam chateados porque bloqueia todo tipo de publicidade. Eles não gostam mas... só assim.

      Eliminar
    3. M. Faço exactamente o mesmo. E era leitor e comprador do Record.
      Ha mais de 5 anos q me recuso a comprar lixo

      Eliminar
  8. o mais triste é quando precisamos de imagens para passar no canal ainda vamos de mao estendida pedir a esta escumalha da Bola.

    Eles fazem o papel deles nao havendo muitos anúncios de prostituição teem de se vergar ao nacional lampionismo que é quase a mesma coisa.

    Agora o Sporting é que tem de tomar uma posiçao, ou está com eles ou está contra eles!!! Andar a dizer mal do jornal a bola e depois ir pedir para cederem imagens e fazer publicidade gratuita na nossa TV, isso é que nao tem lógica nenhuma.

    ResponderEliminar
  9. Bom dia.
    MdC, não lhes peça para terem vergonha, porque não a têm!
    Posso afirmar, sem exagero, que aprendi a ler, antes de ir para a Escola No 1, no jornal "A Bola", há mais de 62 anos. Excelentes jornalistas passaram por aquele jornal ao longo de muitos anos, dos quais destaco Vitor Santos, Carlos Miranda, Carlos Pinhão, etc.
    Hoje "aquilo" deixou de ser um jornal, passou a ser um antro de promiscuidade, local de culto da causa "orelhuda", provoca asco e incredulidade ante o que foi. Os seus fundadores, onde quer que estejam, terão una infinda vergonha!
    SL

    ResponderEliminar
  10. Uma vergonha! De facto " A Bola" de outros tempos, passou "A Burla" e hoje não passa de um pasquim vermelhusco. Folheto de propaganda do lampionismo que não merece o titulo de jornal desportivo.
    Eu já cortei há muito e em qualquer versão com o "Rascord" e com a "Burla".
    VERGONHOSO!!!!

    ResponderEliminar
  11. Bom não é nada de novo, se tivermos em conta que em certos blogs benfiquistas (alguns até têm link directo através desta pagina) passado umas horas, apareceram manifestações de alegria por terem um campeão europeu sub-21 "made in Seixal".
    Enfim....

    ResponderEliminar
  12. Quando li esta noticia pensei exactamente o mesmo. Estagiários do carnide à solta.

    ResponderEliminar
  13. os lampiões dizem à boca cheia que a selecção deles é o carnide, então não, ter um titularissimo a jogar na suecia, quem quer saber da selecção portuguesa?!

    ResponderEliminar
  14. Mestre, o país/selecção deles é esse mesmo, o SLB. É o SLB que lhes dá de comer e os faz felizes. E mais felizes ficam porque fazem parte do sucesso.
    São adeptos.

    Mas até me admira que o título não seja este:

    "Lindelof mais quatro portugueses e um colega de Renato Sanches (Kimmich) no melhor onze da UEFA."

    Ou este:

    "Lindelof mais quatro portugueses, tendo um deles sido desprezado por Jorge Jesus no Glorioso só para jogar o Gaitan ou o Salvio, e um colega de Renato Sanches (Kimmich), no melhor onze da UEFA."

    ResponderEliminar
  15. Mestre, a vergonha já à muito que a perderam. Isto é tudo à descarada.

    ResponderEliminar
  16. as publicações de índole desportiva não podem ser muito elaboradas, o risco do conteúdo fazer 'woooosh', sobrevoando o limitado entendimento do alvo, é real, muito real

    ResponderEliminar
  17. Já agora, e porque isto é coisa sem importância... como é que o autor responde à própria pergunta: "se trabalhassem num jornal desportivo português, como dariam a notícia?". Sendo que o "dariam a noticia" é mais "que titulo davam a noticia".

    Isto assumindo que conseguimos concordar no que é relevante para o título da noticia.

    ResponderEliminar
  18. esse pasquim devia chamar se aBola vermelha ....assim, já se sabia com que contar !!!

    ResponderEliminar
  19. Dou-te razão. A headline poderia ter sido melhor estruturada. Mas há sítios online que nem menção fazem ao Lindelof. Há para todos os gostos. Não percebo esta tua atitude de conspirador. Nao deves dormir descansado em casa, pa :))

    ResponderEliminar
  20. Ainda há muitos sportinguistas a comprarem esta Trampa.
    Enquanto assim for...

    ResponderEliminar
  21. Para mim esse jornal, A BOLA, há muito que deixei de comprar. Abri uma excepção há dias quando puseram na capa o nosso grande RUI PATRICIO. Fi-lo apenas com a intenção e o propósito desses senhores perceberem que se falarem do SPORTING com qualidade e isenção terão mais vendas. E foi uma forma de "protesto".

    Já agora, deixei de beber Sagres e só bebo Super Bock por causa do gozo que há uns anos fizeram ao Rui Patrício.

    Não brinquem com a Marca SPORTING porque vale muito.

    Saudações leoninas

    ResponderEliminar