sábado, 28 de janeiro de 2017

Pois claro que é um erro admissível


Mais uma obra a entrar para a galeria das extraordinárias justificações do Conselho de Arbitragem de erros que prejudicam o Sporting.

Depois do "lance difícil e de dúvida" que foi o claro penálti cometido por Nelson Semedo - em oposição ao reconhecimento de que houve infração num lance exatamente igual no Chaves - Porto -, eis que o CA tenta transformar isto...


... num erro admissível. 

O erro seria admissível se Ruiz estivesse em linha com o defesa no momento do passe, cobrindo a visão que o auxiliar do jogador do Marítimo. O erro seria admissível se as leis dissessem que os árbitros devem beneficiar quem defende em caso de dúvida. Mas não. Não só Ruiz não tem um arrancada particularmente rápida, como parte nitidamente de trás. 

Para levantar a bandeirola, o auxiliar Nelson Moniz necessitava de ter a certeza de que Ruiz estava adiantado. Para alguém que está treinado para avaliar este tipo de situações, não se pode considerar um erro destes como admissível. A não ser, claro está, que a equipa prejudicada tenha sido aquela que nós sabemos.

30 comentários :

  1. Se com os lances no derby também consideraram que o árbitro apitou bem estávamos à espera de quê..

    So me questiono o que aconteceria se fosse com o carnide.... infelizmente a vergonha não tem limites.

    ResponderEliminar
  2. Pelos vistos, na forma como é feita a classificação dos árbitros, um fora-de-jogo mal assinalado apenas os penaliza em 0,5 pontos, enquanto que se o jogador estiver em fora-de-jogo e essa jogada der em golo a penalização é de 1,5 pontos. Não admira, portanto que eles prefiram ignorar a regra da FIFA do deixar jogar e protegerem a sua classificação. Ridículo !!!

    ResponderEliminar
  3. jurisprudência...

    o Sporting é o bombo da festa desta escola de inúteis que andam pela apidatagem.

    um erro é um erro. Não é admissível nem tolerável. É um erro.
    Pra estes erros, a cura é o video árbitro.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. VOLTAMOS AO MESMO!

      Vídeo-árbitro não é cura para nada se o tipo que estiver à frente dos monitores for tão PREMEDITADAMENTE cego como os que estão no relvado.

      A cura para isto é MUTILAR UM DESTES FILHOS DE P*UTA DO APITO, algo que os lembre para a vida a super vergonhasa pérfida e vil vida que levaram com um apito na boca.. se passarem a comer sopa de palhinha, garanto que a *classificação* já não interessa para nada, e quem é o nojento CRIMINOSO do clube que manda nesta podridão toda, também já não interessa para nada.

      É LAMENTÁVEL mas não há outro jeito.. vergonha É ZERO, honradez É ZERO... qualquer tipo de equidade então é uma anedota.

      Eliminar
    2. Mario concordo, e a unica maneira (alem da pancada que merecem) que eu vejo de dar a volta a isso, é fazer como no Futebol americano, onde cada equipa tem direito a dois "challenges" (revisao da decisao do arbitro) e se por acaso o treinador queixoso estiver certo nas duas, tem direito a uma terceira.

      Tudo isto com imagens a passar em ecras gigantes para todo o publico ver e a obrigação de o arbitro explicar ao publico a sua decisão!

      enquanto forem os árbitros a decidir que lances querem rever, nada vai mudar!

      Eliminar
  4. Tenho a impressão que em caso de duvida, deve deixar-se prosseguir o jogo.

    Vou tentar essa quando me enganar nas contas com o fisco, "Desculpem é um erro mas é admissível, foi tudo tao rápido"

    Bem se os lances sao assim tao rápidos e difíceis de ajuizar para esta gente lenta no raciocínio, entao faz mesmo falta o video arbitro com um "super super slow motion"!!!

    Mas nao deixa de ser um belo acto de contorcionismo, feito por estes palhaços!

    E sobre as expulsoes perdoadas ao Sport Lisboa e Colinho nao têm nada a explicar? Sera que vao perseguir o tamaris e o pizza como fizeram com o Slimani?

    Como se dizia antigamente AGARRA QUE È LADRAO!

    ResponderEliminar
  5. Concordo em absoluto.
    Que péssima escolha de palavras. Admissível??? Um erro técnico grave com influência clara no resultado nunca pode ser admissível.
    Há que desconstruir e perceber quem é esta gente e quais as suas motivações.

    ResponderEliminar
  6. Árbitros e mais árbitros!!!
    Esquecem-se todos daquilo que anda a ser manobrado pelo Fcp

    No próximo clássico, escrevam o que vos digo!

    Scp será totalmente prejudicado no dragão e vai perder o jogo, mesmo que o mereça ganhar!

    ResponderEliminar
  7. há alguma imagem que mostre onde se encontrava o auxiliar no momento do passe? estaria no enfiamento?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. 2 ou 3 segundos antes estava no enfiamento da jogada. No momento do passe, não sei, porque não aparece na imagem nem nas repetições.

      Eliminar
  8. Então agora temos que semana após semana o C(orrupção) A(tiva) vem validar e justificar os erros clamorosos dos bois formados nas escolinhas do Rola e na academia do Pereira contra o SCP.
    A mensagem é clara. Os voucheristras podem continuar a roubar o SCP pois têm as costas quentes e garantida boa nota e a lavagem pública da situação pelos fdp do CA.

    MdC, o Octávio Machado esta semana na SportingTV disse que nos critérios de avaliação dos árbitros um fora de jogo mal assinalado penaliza o árbitro em 0.5, mas um fora de jogo não assinalado que resulte em golo penaliza o árbitro em 1.5 pontos. Isto não vai totalmente contra aquele princípio de em dúvida deixar seguir e favorecer o ataque?!?!?

    Isto já não vai ao sítio sem medidas extremas.

    ResponderEliminar
  9. Hoje o "jornal" a bola publicou uma notícia onde demonstra a total falta de vergonha no futebol português: "benfica AVANÇA COM PARTICIPAÇÃO CONTRA O SPORTING NO "CASO " GERALDES E GAULD ! ISTO NAS VESPERAS DO JOGO CONTRA O SETÚBAL!

    ResponderEliminar
  10. O que será um erro inadmissível? Dêem-me um ou outro exemplo, por favor, porque, em boa verdade, as situações que vou imaginando são todas admissíveis.
    Contudo, há aqui umas coisas a darem-me uma certa... "cocegueira". Por exemplo: neste último Moreirense-Benfica Pizzi dá um pontapé por trás num adversário, numa situação que não podia jogar a bola - o árbitro assinalou (e bem) a falta mas... disciplinarmente ficou-se pelo "amarelo", em vez do lógico vermelho - erro "admissível"? Ou o vermelho directo ao Jonas, admissível porque o árbitro estaria a olhar para os avançados adversários? Ou o 2º amarelo a Samaris, não foi mostrado por se tratar de uma falta normal em Samaris, mas inadmissível em qualquer não benfiquista?
    Depois do dolo sem intenção, temos os erros (claros) admissíveis.

    Razão tinha BdC:: há duas nádegas, uma vermelha, outra azul; ao centro, o orifício por onde saem os cheiros nauseabundos da corrupção e compadrio de vermes bem instalados lá no interior a que chamam eufemisticamente intestino, em vez de CA, CD, CJ...

    Acabou-se-lhes a vergonha e, ou muito me engano, ou vão colher o caos...

    ResponderEliminar
  11. Terei que dar razão ao clube que ocupa neste momento o 4 lugar da classificação.
    Este é um erro grosseiro. O toque é genial e imprevisível do Bas Dost, mas o assistente tem que ter outra atenção.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Adoro o teu cinismo...

      Sai um oscaralxx, para o JojO!!

      Eliminar
  12. Depois do célebre "dolo sem intenção", lá veio mais uma resposta do arco da velha: "Erro admissível" 👏👏👏👏👏👏👏

    Mas sim, os lagartos só choram e são uns queixinhas e blá, blá, blá...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. è fazer como o shin chan...

      http://prntscr.com/e1k2ib

      e ainda encontrei o guedes...

      http://prntscr.com/e1k46x

      Eliminar
  13. Em caso de dúvida, apita contra o Sporting. E nesse cantinho à beira mar plantado, continua a assobiar-se para o lado, desde que a corrupção não afecte os nossos interesses. Continuo a dizer, pedido para participar na liga francesa.

    ResponderEliminar
  14. Eu gostava de perguntar ao CA como justifica que no mesmo jogo o fiscal de linha tenha deixado prosseguir um lance de dificil análise( 2—1 marítimo) e na 2 parte tenha anulado este.

    É nestas merdas que um gajo vê quem tem o poder, erro a prejudicar o SCP "lances difícil e erro inadmissível" para os outros este tipo de adjectivo não entra é lance mal ajuizado e ponto.

    ResponderEliminar
  15. Para o Conselho de Arbitragem da FPF:

    https://www.youtube.com/watch?v=fPXzU70jwXE

    ResponderEliminar
  16. Podiam ter posto a imagem do primeiro golo do Marítimo validado pelo mesmo auxiliar. É que esse também era duvidoso, mas aí o senhor não teve dúvidas em deixar seguir e não cometeu nenhum erro admissível.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ora ai esta!!!

      qual é a diferença qual é?

      Um da direito a voucher, o outro nao!!!

      Eliminar
  17. O Mestre dá alguma margem de erro neste tipo de lance? Ou acha que os árbitros são máquinas que nunca devem errar?

    Eu costumo dar 50 cm de margem de erro, mas pelos vistos o Mestre nem 1 milímetro deve dar. heheh

    Cumprimentos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Epa o mestre cortou a resposta que merecias! melhor assim senao ficava vinculado a habitos que nao sao os meus!

      Es o homem dos descontos, tenho de ir á tua bancada comprar peixe!

      os teus descontos, deveriam ser considerados "dumping" desde o momento, que deste desconto ás duas maos de Pizzi!

      Eliminar
  18. Nunca devia ser admissível assinalar uma coisa que NÃO acontece. Porque... não acontece!!!

    Admissível (mas não necessariamente livre de censura e penalização) poderá ser deixar de assinalar alguma coisa que acontece (como as tais mãos, no jogo com as galinhas). Porque nesse caso, acontece, só que não se vê (e devia-se ver, e os melhores verão mais que os piores, mas enfim, é "admissível" o erro...).

    Agora, assinalar uma coisa que não acontece simplesmente não é admissível, porque, por definição, é impossível ter sido visto (já que não aconteceu). Foi assinalado "por palpite", na melhor das hipóteses. E isso nunca na vida é admissível. E devia estar ao nível do erro técnico, por desconhecimento das leis do jogo.

    Dito de outra forma, nunca devia ser assinalada uma coisa que não se tenha a certeza tenha existido. Isso sim, é admissível!

    ResponderEliminar
  19. Até no Hoquei em Patins..3-3 no resultado e o árbitro expulsa o Girão sem ele fazer nada.

    SL

    ResponderEliminar
  20. Dolo sem intenção.

    Dificil juizo (mão).

    Mãos ( duas ) casuais e sem intenção.

    Admissivel.

    And couting.

    E hoje no hoquei outro grande brinde, não consegues ganhar no jogo e nas regras, dois cartões azuis resolvem a questão.
    Fracos de merda que sem colo valem isso mesmo, merda.

    ResponderEliminar