domingo, 5 de fevereiro de 2017

Uma má primeira parte demasiado penalizadora

Num jogo que poderia ter reaproximado o Sporting da luta pelo segundo lugar, aquilo de que menos precisávamos era de uma primeira parte como a que sucedeu: um Sporting inofensivo com bola e inseguro a defender, que permitiu ao Porto fazer o jogo que mais lhe convinha - seguro atrás, correndo poucos riscos e muito eficaz no aproveitamento das suas oportunidades. Ao intervalo, o jogo parecia perdido, prometendo uma segunda parte angustiante, mas o Sporting regressou transfigurado do balneário, com o recém-entrado Alan Ruiz a ser capaz de, finalmente, pautar os movimentos ofensivos da equipa. O Sporting mandou completamente no jogo na segunda parte, marcou, obrigou Nuno a reforçar o seu meio-campo, e podia ter perfeitamente marcado um segundo golo que evitaria a derrota - e, quem sabe, procurar ainda a reviravolta. Mas, como em tantos outros jogos desta época, o resultado não fez justiça ao futebol praticado em campo, tendo a má primeira parte sido demasiado penalizadora para a excelente segunda parte que o Sporting realizou.

Foto: Record / Lusa



A reação na 2ª parte - Jesus trocou Matheus Pereira por Alan Ruiz ao intervalo, e com isso todo o futebol do Sporting se transformou pela positiva. A capacidade do argentino em segurar a bola numa posição central atrai os adversários e permite que os companheiros tenham tempo para criar linhas de passe numa zona mais adiantada no terreno. Esse pequeno-grande pormenor foi suficiente para mudar toda a dinâmica do jogo. Gelson passou a ter espaço para desequilibrar, enquanto Adrien tomava conta do meio-campo. Sucederam-se várias oportunidades para marcar. Uma delas deu golo, através de um grande pontapé de Alan Ruiz, com assistência de Bas Dost. Outra foi à barra, através de Adrien (após espaço ganho por Gelson). E Casillas fez o resto, com um conjunto de defesas decisivas, incluindo uma parada monumental nos descontos a um cabeceamento de Coates.

O momento de forma de Alan Ruiz - da mesma forma que foi criticado quando não rendia, é da mais elementar justiça salientar o bom momento que atravessa. Só não foi decisivo contra o Marítimo porque o fiscal-de-linha não deixou, foi decisivo contra o Paços, e hoje transfigurou o jogo do Sporting. Mantendo esta consistência e conseguindo aguentar mais do que 60 minutos, poderá vir a ser uma das boas surpresas desta segunda-volta.



Há muita matéria-prima para trabalhar - Jorge Jesus, com a falta de diplomacia que lhe é habitual, disse que o facto de se convocarem dez jogadores da formação acaba por se pagar, referindo-se à derrota de hoje. É uma forma de ver as coisas. Sim, Palhinha teve responsabilidade no primeiro golo, mas não faz qualquer sentido estar a escudar-se na inexperiência dos jogadores da formação quando Petrovic, a escolha de Jesus para backup de William, teve o desempenho que todos sabemos. Palhinha conseguiu superar o erro e arrancou para uma exibição globalmente positiva. O que vejo, nestes dez jogadores da formação convocados, é uma oportunidade para Jesus. Agora que alguns dos seus erros de casting foram corrigidos, o treinador tem muita matéria-prima para trabalhar. Palhinha, Podence, Geraldes, Matheus precisam de oportunidades consistentes. Alan Ruiz começa a demonstrar que se calhar poderá justificar o dinheiro que se pagou por ele - e aí, mérito para Jesus pela sua teimosia. Esgaio, que não é um jogador que aprecie particularmente, integrou-se na equipa bem melhor do que Zeegelaar. Não havendo a pressão de lutar pelo 1º lugar (o melhor que podemos conseguir é o 3º), há agora que explorar a óbvia margem de progressão que este plantel possui. Felizmente, Jesus tem capacidade para isso. A qualidade demonstrada pela equipa na segunda parte comprova que existe muita qualidade e potencial e treinador para os potenciar.



1ª parte: Sporting MIA - MIA de missing in action, e não da conjugação do verbo miar na 3ª pessoa do singular do presente do indicativo - apesar de o leão ter parecido um gatinho, durante os primeiros 45 minutos. Jesus surpreendeu ao lançar Matheus na esquerda, puxando Bryan Ruiz para o meio, face às lesões de Campbell e Bruno César. A opção não funcionou, mas é redutor colocar aí a responsabilidade pela falta de capacidade em chegar à área do Porto. Zeegelaar não colaborou (nem no ataque nem na defesa), mas, ainda assim, Matheus e Bryan conseguiram ser até um pouco mais efetivos que Gelson e Schelotto na direita. O problema é que foi tudo nivelado por baixo, não havendo nenhum jogador que conseguisse conduzir o jogo de forma a contornar a pressão portista. Do outro lado, há que registar a eficácia de Soares: no primeiro golo aproveitou um erro de decisão de João Palhinha, que tentou, demasiado tarde, deixá-lo em posição iregular; no segundo, muito bem na finalização do contra-ataque. É caso para dizer que, mais uma vez, Soares não foi fixe.

A falta por assinalar no segundo golo do Porto - Hugo Miguel fez uma arbitragem ao seu estilo, ou seja, deixando jogar e permitindo algum jogo duro de parte a parte. Dentro desse registo, esteve equilibrado na forma como foi ajuizando os lances. Infelizmente, a arbitragem acaba por ficar manchada pela falta que Brahimi cometeu sobre Palhinha, que esteve na origem do contra-ataque finalizado por Soares. Um erro que acabou por ter influência no resultado.



Sporting pior na primeira parte, mas muito melhor na segunda, criou oportunidades de golo suficientes para merecer, no mínimo, o empate. Ficamos agora a 9 pontos do Porto e, previsivelmente, a 10 do Benfica, pelo que, pragmaticamente, restam duas coisas a fazer: assegurar o 3º lugar e trabalhar a equipa já a pensar na próxima época.

67 comentários :

  1. É preciso olhar para a formação, assim não dá. Palhinha foi morto e enterrado hoje, como se pode fazer aquilo a um jovem?

    E Bruno? Vai continuar a falar do Benfica? Cruzes credo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estás com uma moral do car**** falas mais do SPORTING que dos andrades

      Eliminar
    2. Palhinha não foi morto e enterrado hoje... tem quase metade da idade do caceteiro Max Pereira, e os erros que cometeu SÒ devem servir para ajudar a crescer mais.

      De outro lado tenho que te dar os parabéns por não estres no hospital... È QUE SOFRESTE QUE NEM CÃO DANADO E SARNOSO, até se via nas bancadas a puxar cabelos e a ter quasi ataques cardiacos... e depois de agradecerem a deus, a todos os santos e ao Casillas (que se calhar já no próximo jogo volta ao normal para muitos desgostos) ainda têm a lata de aparecer aqui, em vez de se tratarem do MONUMENTAL BANHO DE BOLA que levaram.

      Eliminar
  2. o zeegalar é só o pior jogador que alguma vez vestiu a camisola do Sporting...não faz nadinha em campo a não ser prejudicar as acções, quer ofensivas, quer defensivas, da equipa...é um cepo de todo o tamanho... não consegue desarmar uma vez que seja o adversário sem ser em falta (ver a falta que origina o 3º golo do Guimarães)...é a pior merda que alguma vez vestiu a nossa camisola, deixando-nos com saudades do Grimi e do Evaldo...chega a ser tão cepo que nem para o norwich quer ir, tendo nós que levar com ele até ao final da época (obrigado JJ por o colocares em campo)

    a capacidade de remate do Adrien é uma vergonha...já é a 2ª ou 3ª vez que, à entrada da área, não é capaz de marcar um golo...hoje acertou na barra quando aquele remate deveria ter selo de golo...é ver como é que o Nani, à 2 anos, do mesmo sítio marcou um golaço e, hoje, o Alan Ruiz após um domínio de bola complicado, remata sem pedir licença e marca um golaço também...eu se fosse o Adrien tinha vergonha, sendo ainda para mais capitão de equipa, de jogar à bola todos os dias e falhar golos daqueles

    mas o maior culpado disto é o burro do JJ...tem tanto de bom treinador, o melhor em Portugal, como de bronco, má pessoa e idiota...colocar Matheus que tinha apenas 1 minuto de jogo de 1ª liga? o ano passado o Matheus fez um jogaço contra o Porto em Alvalade e nunca mais jogou...porquê? e mete-o agora? lança-o às feras? quando tem o Podence (com mais minutos de jogo e mais moralizado depois de ganhar um troféu), o Campbel e o Bruno Cesar (sim, a desculpa agora é que estão ambos lesionados...coincidências)?
    criticar o Palhinha na flash interview? déja vu? não foi assim após o jogo em Madrid? quando ganha o mérito é do "cérebro"...quando perde é porque os jogadores "levaram o guião errado"? ridículo este homem

    se havia ainda alguma réstia de esperança na conquista do título, hoje esfumou-se e por culpa própria... pagamos 6 milhões a um burro que aposta em zeegalars, que inventa a colocar jogadores sem minutos nas pernas e que não é capaz de mudar o sistema táctio...jogar com 3 centrais não? treinar cruzamentos para o Bas Dost (que hoje não teve qualquer oportunidade de golo, situação idêntica em tantos outros jogos...) que já provou que, não sendo um Slimani, também sabe marcar? dar minutos ao Jefferson que, sendo mau, não é pior que o merdas do zegaalar? vários erros que podiam, e deveriam, ter sido evitados não fosse a teimosia do treinador

    ResponderEliminar
  3. Pessima abordagem de jj
    Ja sao erros a mais para um treinador tao experiente e q ganha tantos milhões.
    Jj faz a primeira parte vergonhosa unica e exclusivamente por culpa própria.
    Colocar novamente bryan ruiz no apoio a dost,????jogar novamente com zeegler???? Edgaio defemde 10 vezes melhor.
    Colocar matheus a titular qnd nem meia parte timha jogado esta época???
    Jj claramente a brincar com os sportinguistas.
    Culpar palhina????
    Muito pior este ruben semedo, bryan ruiz e marvin.
    Enfim se continuar com o mesmo sistema ficaremos certamente atras do braga.
    Presidente abra o olho e começe apensar seriamente na melhor forma para substituir o treinador que erra constantemente semana apos semana nas abordagens q faz aos jogos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Em primeiro lugar acusava-se JJ de não apostar na formação e afinal aposta. Um jogo com Bruno Cesar e Campbel que nos dariam mais segurança quer defensivamente quer ofensivamente não tínhamos e AlanRuiz tão criticado pelos Sportinguistas veio a ser decisivo na 2ª parte ao substituir Mateus que de facto esteve em subrendimento. O Ruben Semedo vai ser só o titular da selecção nacional crucifica-lo não faz sentido não percebo a sua argumentação.

      Eliminar
  4. Uma das grandes lacunas do sporting esta época é ser demasiado permeável defensivamente. Não entendo como da melhor defesa da época passada passámos para esta situação esta época, basicamente, com os mesmos jogadores.
    Os adversários sabem disto e em contra ataque estão sempre a surpreender-nos.

    ResponderEliminar
  5. Sigo o seu blog diariamente , desde já agradeço toda a dedicação á grande instituição Sporting Clube de Portugal . Hoje como todos os dias li a sua opinião que desde já corroboro em tudo menos quando diz que temos que segurar o terçeiro lugar. Eu ainda acredito. Com uma segunda parte a um nível muito bom acho que podemos fazer magia. Nada está perdido. Abraço e saudações leoninas a todos os sportinguistas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Comentário realista e sereno da sua parte.como sportinguista agradeço.

      Eliminar
    2. A qualidade existe. O fundamental é integrar bem aqueles que regressaram e recuperar psicologicamente a equipa. Conseguindo-se isso, é possível conseguir uma boa segunda volta. Mas precisamos também que Benfica e Porto percam muitos pontos, demasiados pontos.

      Eliminar
    3. ALgazarra, estou contigo...

      Ficou provado com aquela 2a parte que o SPORTING É A MELHOR EQUIPA A JOGAR FUTEBOL JOGADO EM PORTUGAL... falta é melhorar e muito a finalização, e estabilidade e concentração para não cometer erros infantis na defesa (acabar com a TREMIDEIRA)... e ao não ter termideira nem faltas de empenho dos jogadores pode MUITO BEM ser uma realidade GANHAR TODOS os jogos até ao fim.(se há equipa com valor e equilibrio tactico para isso, essa equipa é o Sporting)

      Existem 2 hndicaps para isso... o primeiro é o ROUBOS DE IGREJA que o Sporting deve contar sempre (não é casos, é mais faltas a meio campo)... e a outra é este Demagogo Madeira Oportunista Rodrigues, que com a ajuda da JORNALIXEIRADA e com o apoio dos inimigos do Sporting (doyen mendes e afins), pelo menos até 4 de Março ainda vai e bastante tentar ao máximo desestabilizar tudo (o seu exito depende dum descalabro monumental da equipa de futebol profissional do sporting... e MUITO MAL já ele fez... e se calhar continua depois das eleições... mas quase de certeza absoluta do lado de fora! )

      Eliminar
  6. Já é tradição o Sporting oferecer as primeiras partes ao adversário, hoje correu ainda pior porque o Porto foi 100% eficaz.

    Jesus apostou em Matheus de ínicio, mas não resultou, surpreendeu* mas o jogador não fez a diferença. Não é normal um jogador ter 1 minuto de jogo no campeonato e entrar a titular num dos jogos mais dificeis depois de estar sem jogar à vários meses. Só faz sentido se a aposta for para continuar, veremos.

    Segunda parte muito diferente e podiamos até ter trazido pontos para casa, Jesus acertou na entrada do Alan, mas tardou em tirar o Marvin, quando ele viu o amarelo disse logo que ou o Jesus o tiráva ao intervalo ou ainda era expulso, falhei por pouco; entrou bem o Esgaio.

    Rui Patrício, está em má forma, não foi por culpa dele que perdemos mas a relação remates á baliza/golos sofridos é péssima.

    Marvin e Schelotto não são laterais com qualidade suficiente para uma equipa que quer ser campeã.

    Coates este bem e até teve duas boas ocasiões para marcar.

    Semedo não esteve mal mas, na minha opinião não está preparado para ser titular numa equipa que quer ser campeã.

    Palhinha tem um grande futuro, vai ser um grande jogador, está a fazer os primeiros jogos no Sporting, esteve mal no golo, mas não tão mal quanto Marvin.

    Adrien fez um bom jogo e até esteve perto de marcar, é fundamental na equipa.

    Gelson não conseguiu desiquilibrar tantas vezes como habitual e a equipa sentiu isso, principalmente Bas Dost.

    Matheus não conseguiu desiquilibrar.

    Bryan e Dost fizeram um bom jogo, tiveram uma tarefa muito dificil na primeira parte e subiram na segunda com a entrada do Alan. Excelenta assistência do Dost para o remate do Alan.

    Resta lutarmos pelo terceiro lugar.

    Temos 4 contratações fundamentais para fazer para a próxima época: 1 DD, 1 DE, 1 DC (para jogar com Coates) e um PL (boa alternativa para Bas Dost). É isto que precisamos, só isto, manter os melhores que cá estão e acertar nestas 4 contratações.

    Pff não voltem a errar, não voltem a contratar 10 ou 15 jogadores que nada acrescentam, escolham com critério e exigência 4 e temos tudo para lutar pelo titulo no próximo ano.

    *Não vejo muitas pessoas a falar sobre isto, mas a verdade é que ás 19h de ontem já todo o país sabia que o Matheus ia ser titular, muito preocupante isto e gostava de perceber o porqué disto ter acontecido.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Alguém do grupo anda a pôr informação cá para fora. Isto tem de ser dominado.

      Eliminar
    2. O Sporting NÃO ofereceu a 1a Parte, o Sporting mesmo com os *putos* ainda não preparados para altos vôos, ainda assim em posse de bola e ataques dominou o jogo... e também podia ter marcado... sendo atípico atípico o Porto fazer 2 golos com 2 remates nquadrados que teve (100% eficácia).

      Contratações BOAS é claro necessário, ninguém ganha campeonatos só com formação, apsar da formação ser muito boa.

      Eliminar
  7. 9 do Porto
    Possíveis 10 do Benfica

    Fora de todas as taças
    Fora da Europa
    Futebol de fraca qualidade
    Inúmeros falhanços de contratações e dispensas

    E?
    Ta tudo ok! Para o ano é que é... (Muito provavelmente sem Champions, e com altíssimos salários de renovações para pagar!!!)

    Mas... #"A culpa é do Benfica"

    Bora J
    Tens mais 4 anos para tentar

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Afinal, a moderação de comentários serviu para quê?
      Mestre, agora responda-me, por favor: você chega mesmo a ler os comentários? Que raio é que isto acrescenta à discussão? Aliás: porquê dar voz a avençados?
      Desta vez, agradecia mesmo uma resposta que não envolvesse palavras como "picardias saudáveis" e outras frases feitas do género.
      Obrigado.

      Eliminar
    2. Há sempre a opção de ignorar, Ricardo.

      Eliminar
  8. Gostei da conclusão. Não se pode ser muito critico com a equipa quando nos últimos 10 anos, este tem sido mais ou menos o registo da equipa COM UM FUTEBOL MUITO MENOS VISTOSO.

    Em relação ao Palhinha, nota-se que é um jogador que fica a anos luz da qualidade do William. Não vislumbrei nenhum ponto diferenciador que realmente o possa elevar para um outro patamar assim que tenha mais experiência. Banal, sums it up, pretty well.

    Vai ser um problema para o Benfica porque quando formos a Alvalade, cada um estará a lutar pelo seu campeonato. Se é que me entendem.

    Bryan é um erro de casting sempre que joga a 10. Já o provou não sei quantas vezes.

    ResponderEliminar
  9. Sem paninhos quentes, o Sporting não foi superior na 1a ou 2a parte, foi superior durante o jogo todo. Lição táctica do Jorge Jesus ao Nuno. Até nem acho que o Óliver e Danilo tenham estado particularmente mal, simplesmente estiveram o jogo todo em desvantagem numérica. Nuno remediou sobrepovoando o meio campo com as substituições mas já era tarde.

    O Sporting a carburar é a melhor equipa a jogar em Portugal, ponto final. Julgo é que há lacunas no sistema do Jesus, que se no clube anterior eram novidade (e beneficiavam muitas vezes de fiscais simpáticos, vide saga de golos mal anulados aos adversários que abriu a época 2014/15) hoje estão batidos. Profundidade e bolas nas costas dos defesas, ao mínimo erro acontece o que aconteceu no 2o golo, 1v1 para o guarda-redes. Hoje tinha dado jeito o Tello de há duas épocas..

    Em relação aos lances mais polémicos, tenho que rever agora na televisão. Particularmente uma pantufada do Zegelaar já com amarelo e o Soares na área. Não acho que o Hugo Miguel tenha sido minimamente caseiro, pelo contrário, mas o estádio tolda sempre um bocado estas ideias.

    Do lado do FC Porto, Casillas enorme e Soares faz um jogo monstruoso. Registei o 1o lance que perdeu de cabeça já na 2a parte, enquanto o Danilo por essa altura era capaz de ainda não ter ganho nenhum. Maxi e Brahimi fizeram jogos esforçados, os centrais estiveram certinhos e pouco mais. Do lado do Sporting tem que se falar de Gelson Martins, não vale a pena. É possivelmente o melhor extremo do campeonato. Com 1 ou 2 no marcador fica sozinho para o Alex Telles que consegue cortar e aquilo foi celebrado quase como golo, é a homenagem que posso fazer. Já vi vários reparos mas acho que os laterais estiveram bem, não foi por aí. Aliás, mais do que uma vez o Zegelaar ganhou ao Corona em velocidade, que é algo que eu nunca pensei escrever. Bryan Ruiz pareceu-me demasiado encostado à última linha do Porto para ser efectivo mas pode ter sido impressão.

    Acho que o jogo sela as aspirações do Sporting para esta época, acho que era interessante que Jorge Jesus aproveitasse os jogos que faltam para definitivamente lançar o Podence, Matheus e Geraldes. Depois de queimar como queimou o Palhinha hoje, duvido que este vá ter várias oportunidades.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. jogo monstruoso do soares? jogador banalíssimo, muito pior que o poitre.

      marcou um golo fácil numa falha de marcação e o outro golo também foi relativamente fácil.

      no resto, soares não existiu. Se isto é um avançado...

      Eliminar
    2. Se fosse por aí, o Bas Dost então era uma nulidade.

      Eliminar
  10. A culpa foi do Hugo Macron Miguel ?

    Olhe que não, olhe que não...

    Foi do Casillas !
    E do Palhinha...
    JJ dixit

    ResponderEliminar
  11. Não sei se foi pior o que fez na conferência de imprensa ao rasgar o palhinha de alto a baixo ou se o que fez ao compor o 11 inicial, metendo o matheus na esperança de sacar o coelho da cartola para depois vir lá do alto do pedestral dizer: 'eu sabia que ele ia marcar, eu é que sei, vocês jornalistas não percebem nada disto'.
    Mas pronto, de salientar só que ainda agora entrou Fevereiro e a época do Sporting tá acabada ficando a faltar apenas um jogo, ao menos têm tempo para se preparar para ele.

    ResponderEliminar
  12. jogo de sentido único... apenas 2 ou 3 erros que nos penalizaram na primeira parte.

    Goleamos na segunda parte apesar de só ter entrado um golo.

    Como é possível criticar o treinador? Arriscou, nunca defendeu, nunca esperou pra ver.

    O máximo que podemos conseguir são 80 pontos e 80 pontos podem não chegar mas permitem discutir o campeonato até ao fim até porque uns e outros não jogam absolutamente nada e estão a passar mal todos os jogos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O que não dignifica nada o blogue é o Mestre aceitar comentários de gente avençada como o QI80.
      E Mestre, o que pedi acima é a sério. Gostava mesmo que desse uma explicação séria.

      Eliminar
    2. Ricardo, era só o que me faltava ter que estar a explicar constantemente as opções que tomo ou deixo de tomar na moderação dos comentários. Também posso dizer que acho uma falta de consideração estar a pedir-me para justificar um par de comentários, face ao esforço que tenho feito para que este blogue seja um espaço que sirva os sportinguistas. Há uma forma fácil de acabar com os comentários desagradáveis: fechar o blogue. Garanto que seria remédio santo.

      Eliminar
    3. Não deixa de ser desapontante que o Artista tenha acedido às exigências de alguém que pensa que está acima da liberdade de expressão e da linha editorial do dono do Blog.
      Gente desta estraga por completo o conceito de desporto e de futebol, onde as picardias saudáveis, não são mais do que sinónimos da grandeza dos clubes.
      Se fosse troca de insultos, até compreenderia o desagrado; Ficar aziado e armar-se em dono disto tudo, por não ter poder de encaixe, nem resposta às alturas, só demonstra a pequenez da pessoa. Ainda mais, se se tiver em conta, que nunca lhe dirigi a palavra.
      Uma pena a mentalidade destas pessoas. "Explicação séria"...é mau demais de se ler e até dá vergonha alheia. Triste.

      Eliminar
    4. Poder de encaixe? Mas desde quando é que tenho de ter poder de encaixe para a pura e comprovada desonestidade intelectual?
      Vergonha alheia? Um avençado vir a falar de vergonha. É oficial: já vi tudo!
      Lamentável? Poupem-me as lágrimas de crocodilo!
      Acabar com o blogue? Olhe, neste momento, a verdade é esta: o Mister do Café está a dar-lhe de goleada. Portanto, é como diz: seria remédio santo.

      Eliminar
    5. Alguém achar que ando a competir com o Mister do Café pelo quer que seja... minha nossa. :|

      Eliminar
  13. Bom Dia,
    Todos os indicadores exibidos pelo "Goal Point", foram favoráveis ao SCP, todos!.
    O SCP dominou o jogo todo, não só a 2ª parte, no entanto, os índices de agressividade na 1ª parte andaram pelas "ruas da amargura". O Srº J Jesus esteve bem no desenho táctico que idealizou para o jogo, mas com dois erros no casting seleccionado, Matheus pela falta de presença na época desportiva e, Zeeg...., por continuada e consistente incompetência. Apesar da boa segunda parte, a penalização sofrida pela falta de agressividade na primeira parte (já verificada em outras partidas desta época desportiva) já deveria ter servido de lição para que a postura fosse alterada.
    Duas notas adicionais, a continuada falta de "charme" do Srº J Jesus na flash interview, há que começar a prospecção por dois bons laterais, SL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A opção Matheus de facto não funcionou, mas é preciso levar em consideração duas coisas: só jogou porque Bruno César e Campbell estavam lesionados; e o rapaz raramente jogou esta época. Quanto a Zeegelaar, não tenho forma de discordar. :)

      Eliminar
  14. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  15. Tal como referido por muitos sportinguistas acima, aquele onze inicial decidiu a partida.

    Matheus chamado à titularidade pouco ou nada deu de resultado, mesmo que lhe tenha pertencido o único remate à baliza na primeira parte.

    Alan Ruiz, que tem merecido elogios nos últimos jogos, ficou no banco sem se perceber muito bem porquê e ainda menos se percebendo depois de ver como a sua entrada mexeu com o jogo do Sporting.

    A outra falha no onze inicial já é crónica e chama-se Zeegelaar, uma nulidade, tanto do ponto vista defensivo, como ofensivo hipotecando as nossas hipóteses de vitória neste jogo tal como já o tinha feito na Luz.
    Esgaio, no pouco tempo em campo e mesmo sabendo que é um jogador com algumas limitações, transformou a ala esquerda da noite para o dia.

    A isto juntou-se o desacerto defensivo leonino na primeira parte e uma eficácia impressionante dos portistas.

    Jorge Jesus no pós-jogo apenas revelou que vai continuar a ser um problema para o Sporting se mantiver o seu discurso de passar responsabilidades para os outros, individualizado mesmo erros como no caso de Palhinha, sem reconhecer nunca que os maiores erros é ele quem os comete.

    Não acredito que sejamos campeões com JJ à frente da equipa.
    É demasiado egocentrismo junto e esse só tem sucesso se for sustentado pelo colinho que teve noutras paragens...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Em relação ao Alan Ruiz, convém não nos esquecermos que é um jogador que não dura mais do que 60 minutos. Será que teria tido o mesmo rendimento se tivesse sido lançado como titular, com o meio-campo do Porto mais fresco? Uma coisa é certa: teria feito melhor que o Bryan...

      Eliminar
    2. Mestre,

      Num jogo com esta importância seria de esperar que se jogasse com aqueles que mais garantias nos podem dar.

      Matheus não dava essa garantia.
      1 minuto no campeonato e pouca rodagem na equipa principal só podiam indiciar uma aposta falhada, tal como se veio a comprovar.

      Alan Ruiz foi sempre titular nos últimos 4 jogos para o campeonato e a sua prestação nas primeiras partes com Feirense e Paços foi fortemente elogiada, logo, seria de esperar a sua titularidade neste jogo.

      Se durasse apenas 45-60 minutos como lhe é habitual, então aí entenderia a entrada de Matheus (embora prefira ver Podence jogar neste momento).

      Eliminar
    3. Sim, é verdade, lançar o Matheus num jogo destes, com tão poucos minutos nas pernas, dificilmente poderia dar resultado.

      Eliminar
  16. 1º- o puerto não joga nada, nada. Só se agiganta contra equipas melhores, Benfica por exemplo. Ninguém percebe os desenhos do espírito santo.
    2º- o SCP merecia ganhar. A primeira parte foi uma nulidade mas de parte a parte. O que fez o puerto para merecer os 2-0? Quantas defesas fez o Patrício? Quantas ocasiões de golo teve o puerto?
    3º- JJ gosta de fazer queimadas, não com produtos vegetais mas humanos. Queimou o Matheus ao colocá-lo a titular quando fez 1 minuto no campeonato, queimou a Palhinha na conferência de imprensa, queimou-se a ele quando não deu o guião correto aos jogadores visados. Queimou o presidente com as contratações de início de época e com a velha chantagem "ou me aumentas o vencimento ou vou para o puerto". Antes disso, já tinha queimado vários jovens promissores da formação do Benfica, não lhes dando tempo de jogo. O que Jesus não viu neles, outros viram e para além de saírem por muitos milhões, são agora estrelas de primeira água nos melhores clubes mundiais. Jesus, o Flop.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já o carnide não se agiganta contra ninguém. Porto, banho de bola. Sporting, banho de bola. Nápoles, banho de bola. Besiktas, banho de bola....

      Contra os Tondelas e com os andores do tugão é que vocês brilham

      Eliminar
    2. "O que Jesus não viu neles, outros viram e para além de saírem por muitos milhões, são agora estrelas de primeira água nos melhores clubes mundiais"

      quem por exemplo?

      Eliminar
  17. Jogo de sentido único? 1a parte completamente nula, essencialmente por culpa das escolhas do cebro. Marvin não é mau, é péssimo; mesmo não sendo nada de especial, Jefferson é muito superior, tal como Esgaio. Um treinador que ganha o que o cebro ganha não pode falhar tanto, quer nas contratações, quer nas escolhas dos 11. E depois culpar o Palhinha... grande besta, mas isso nunca o escondeu.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Jefferson de há três anos era muito superior. O atual é ainda pior que o Marvin, na minha opinião.

      Eliminar
  18. Jogo ingrato e injusto, mas é futebol...

    Por mim a lateral esquerda era entregue ao Esgaio. O Matheus fez um jogo fraco, tendo como atenuante a fraca utilização até ao momento. O B. César estava mesmo lesionado? Era a crítica mais óbvia às opções de JJ, mas se assim for fica explicado. Exibição magistral dos nossos adeptos, uma vez mais. Defesas enormes do Casillas. Para o ano há mais.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O JJ disse que o Bruno César estava lesionado. Não vejo outro motivo, nem no banco estava.

      Eliminar
  19. Off topic: então o BdC lá conseguiu enganar os homens que submergem no recife e impingir-lhes o Novo Liedson (JJ: André é o novo Liedson, cada tiro cada melro). BdC é bom nisto, enganar pessoas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já tu nem és bom como avençado, Jubas76.

      Eliminar
    2. Já o teu presidente para nem o chineses consegue enganar. Não conseguem impingir o Jimenez a ninguém. Lol.

      Eliminar
    3. Concordava ccontigo se fosse vendido por 15 milhões

      Eliminar
    4. Há quem venda ovos chocos como sendo ovos caseiros frescos e de qualidade...

      Eliminar
    5. Acho que enganou o bayern.

      ó espera...

      Eliminar
  20. Na minha modesta opinião acho que o Sporting não fez um mau jogo, na 2ª parte então foi avassalador. Prefiro ver este Sporting, do que ver o Sporting de outros anos atrás...

    ResponderEliminar
  21. Sem dúvida que o SCP pelo que fez na 2ª parte merecia o empate. Mas não por mérito do SCP mas por demérito,incapacidade de saber ler o jogo do NES. Mas também é claro,lógico que se o FCP estivesse a perder por 2-1, também carregaria dominaria e lutaria por chegar ao empate. E sim, também desta vez o FCP teve a sorte que tantas vezes lhe faltou.

    O Casillas fez apenas o que faria o Patrício ou outro. Fez o seu trabalho, desempenhou a sua função. Coisa que se tivese feito no golo do Ruiz, quem sabe em vez de 2-1, estivéssemos aqui a falar de 2-0 ou 3-0!!!

    Por fim, MdC... escusa de vi com tretas, com lérias, galgas e petas... Bhraimi sofre 1º falta, o árbitro, bem, deu a lei da vantagem. Assim mandam os regulamentos e assim o dizem todos os analistas.

    Assim que, por favor não vá por aí, nem arranje desculpas esfarrapadas como o JJ que foi ele decidiu jogar com Palhinha e com Matheus. Não fui eu!! Nem fui eu que mandei embora agora meia dúzia de reforços de 31 de Agosto !!

    Menos, por favor. Uma coisa é joga e merecer o empate, sim,mas também não é normal ver o FCP jogar tão pouco graças às invenções do NES.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O que chateia nesta coisa de ser sportinguista é que a eficácia dos adversários melhora sempre contra nós, os adversários marcam os golos da vida deles contra nós, os emprestados (noutras épocas, noutras épocas) marcam contra nós, os árbitros cometem "erros admissíveis" em nosso desfavor... Não sei se essa coisa do karma existe mesmo, mas o Sporting deve ter feito algo de muito mau para lhe acontecer isto tudo. Já chega, ó karma. Vai lá bater noutros...

      Já agora, não gosto nem nunca gostei do Jesus, mas é triste ver que a comunicação social continua a dar mais relevância ao que ele diz do que a tudo o resto. E está sempre à procura de "ditos" do senhor para malhar. Nele e no Bruno de Carvalho. No sábado, após o jogo, "zappei" por todos os canais em que é costume falar de bola. O assunto era o mesmo: as declarações do Jorge Jesus. Passei pelo nosso e o discurso era apenas de "desculpabilização" de tudo. É que era oito e oitenta... Desisti, e sintonizei a Fox Comedy.

      Eliminar
  22. Os morcões do padre Nuno, deram-vos 40 mts para se entreterem com a bola, 20 mts para cada lado da linha de meio campo sem criarem uma única jogada com princípio, meio e fim. O grande golo é um remate de ressaca que saiu muito bem. Na maior parte das vezes são mais 3 pontos para o País de Gales ! ... As duas hipóteses de golo, superiormente negadas pelo 'Cacilhas', resultaram de 2 bolas paradas, de resto foi um inócuo ... 0 (zero) !!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tem graça, considerando que vem de um adepto de um clube que fez um jogo miserável no Dragão, perante os "morcões do padre Nuno", roubando a expressão usada. Que empatou sem saber como. Enfim, haja pachorra para tamanha falta de honestidade intelectual.

      Eliminar
    2. Mestre não sejas injusto. Como pedes honestidade intelectual a um indivíduo que nem sequer tem capacidade intelectual?. Cumprimentos

      Eliminar
    3. Empatar sem saber como, estar em primeiro sem saber como ou ser tri sem saber como... Bem se vocês soubessem como, talvez não estivessem 15 anos sem ver um único título de campeão.

      Eliminar
    4. É por causa deste tipo de merdas que continuo a achar que esta malta não merece ganhar. E considerando que têm ganho como se viu o ano passado só podem não ter nada dentro das cabecinhas. Mas Deus não dorme....

      Eliminar
    5. Eu sei como empataram esse jogo, estão em primeiro e são tri-campeões, há um denominador comum.

      A roubalheira.

      Eliminar
    6. Engraçado bilocas que duvido que usasses esses argumentos na altura em que o fcporco ganhou títulos à pala da fruta.

      Nunca parem com a incoerência!!

      Eliminar
  23. A estratégia do JJ para o Matheus seria a contar com um porto em 433. NES baralhou as contas, e se Palhinha demorou a entrar, JJ demorou a responder tacticamente. Já em Alvalade tinha sido assim, ontem igual, mas já não conseguimos virar o jogo.

    Acho que não vale a pena bater mais nos laterais. As lacunas são evidentes, não foram colmatadas em Agosto, não voltaram a ser agora. Isso sim, sai caro.

    Não sei se as declarações de JJ foi um atirar a toalha ao chão (à cerca de uma semana em entrevista à SportingTV ele disse que nunca faria isso) ou um retirar de pressão aos miudos. Veremos. Domingo á mais.

    SL

    ResponderEliminar
  24. MDC as verdades custam lhe assim tanto?
    São como os golfinhos... No ano passado vieram cá cima fizeram umas graças e voltaram ao lugar do costume!
    Não lhe dá jeito reconhecer que o bdc fez esta época o que tanto criticaram no Godinho?
    E ver o MS a ganhar no hull... Para quem os reforços eram os dispensados do JJ... Que azia!
    Não publica mas lê.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ó burro Martins, mas tu pensas que isto é o geração bastarda?. Lá é que não se publica aquilo que mete comichão ou que pode fazer perder a comissão aos escribas. Sobretudo ao GameBoy e ao avestruz.

      Eliminar
    2. Como foi dito pelo presidente e treinador, o objetivo seria encurtar a distancia para os rivais. O ano passado foi conseguido, este ano, possivelmente será um retrocesso, mas ficarão ilações importantes a retirar (politica de comunicação, contratações, por exemplo).
      Em relação a BdC e GL, só no final do mandato (epoca desportiva) se poderão retirar conclusões, quer desportivas quer FINANCEIRAS.
      Em relação a Marco Silva, só prova que foi uma escolha acertada a sua contratação para o SCP (por BdC), sendo substituido por um ainda melhor (na minha opinião), que é Jorge Jesus.
      Se fala do "reforço" Markovic,..., bem, que seja muito feliz na Premier, pois aqui não estava com condições psicológicas nem futebolisticas para contribuir para uma melhor performance do SCP,..., aliás caso tivesse ficado, seria bem pior, no que diz respeito á gestão do clube. Enfim... é preso por ter contratado e é preso por ter dispensado... Futebol!!!!
      SL

      Eliminar
    3. Acabámos em 7º com o godinho.. Sim, de facto BdC fez igual!

      Eliminar
  25. Não entendo a vossa preocupação com o palhinha... Falhou! Tem que saber que falhou e ficar mais atento para não o voltar a fazer. O Semedo fez a mesma coisa o ano passado e o Jesus foi ainda mais duro com ele e o de ele está agora? Pois está a titular. O Jesus só disse o que toda a gente viu... Para o palhinha só resta continuar para se tornar melhor.

    ResponderEliminar
  26. Boa noite,

    Tenho seguido o blog com especial atenção desde início do campeonato, mas só agora me parece conveniente intervir.
    Sem muita dissertação, e como o tema é o fcp-SCP, começo por dizer que a escolha do 11 inicial me parece acertada. Apenas Matheus (jogador que aprecio) podia sair para o lugar de Geraldes ou Esgaio (4-5-1), contudo... benefício da dúvida para Jorge Jesus.
    Em relação à posição de DE, lamentavelmente, não temos melhor que Marvin (caso estranho o "apagão" de Jefferson).
    O jogo era tão crucial para o SCP como para o fcp,..., sendo que a melhor estratégia passaria por "enervar" o fcp, na sua casa. Nenhum adepto do fcp iria tolerar a falta de "força ofensiva" do seu clube, depois da "mini-crise do slb. Podiamos e deveriamos ter entrado em contenção de jogo, e aproveitar a euforia do adversário. Pelo contrário, quisemos tomar as rédeas do jogo e provou-se, uma vez mais, que não estamos preparados para, como diria Jorge Jesus, os "contragolpes".
    A 2a parte, foi diferente pois os jogadores do SCP ficaram com a ideia que, caso fossem mais agressivos, na procura da 1a bola, e atentos ao contra ataque, poderiam ter mais chances de finalizar... Como se sucedeu.
    Infelizmente, não chegou para vencer, mas provou-se, a meu ver, que nem fcp bem slb são mais fortes que o SCP, a diferença esta na mentalidade e capacidade de aguentar com a pressão (de jogo e externa).
    Possivelmente falaremos de contratações (falhadas e acertadas), mas fica aqui o meu primeiro contribuito para este blog, cheio de amor ao NOSSO clube.
    Bem haja,
    SL

    ResponderEliminar