quarta-feira, 1 de janeiro de 2014

E que tal um sumaríssimo para começar o ano?


Aos 22 minutos do Sporting - Porto, William faz um passe em profundidade para Wilson Eduardo, que fica na cara de Fabiano. O jogador do Sporting acaba por cair, embrulhado entre Fabiano e Mangala. Reclamou-se falta, mas o lance já tinha sido indevidamente interrompido pelo fiscal-de-linha, que viu um fora-de-jogo inexistente.

Wilson teve que ser assistido, e acabou por permanecer alguns minutos fora-de-campo para lhe fecharem a ferida. A camisola também teve que ser trocada por ter sangue.

As facas japonesas anunciadas na TV não conseguiriam abrir um corte tão limpo no nariz de Wilson

O leitor Sar tirou um vídeo que mostra que Mangala agride Wilson. Não há desequilíbrio que justifique aquela bolachada aplicada na cara de Wilson. A repetição que começa aos 31s é particularmente elucidativa.


Compreendo que o árbitro e o fiscal-de-linha não tenham visto a agressão, mas parece-me que se justifica o envio destas imagens para o Conselho de Disciplina. Já vi sumaríssimos por menos.

4 comentários :

  1. E ainda há quem diga que o Olarápio Benquerença e seus auxiliares até fizeram uma boa arbitragem...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Houve este erro (que é grave) e a falta de um amarelo ao Danilo durante a primeira parte (o que o condicionaria para o resto do jogo), mas pelo menos fiquei com a sensação que o Olegário não foi para dentro de campo com a missão de enterrar uma equipa, o que já não é mau nos tempos que correm. O fora-de-jogo é um erro compreensível e a agressão do Mangala é normal que o árbitro não tenha visto por causa do seu posicionamento.

      Nas últimas semanas apanhámos com gente que errou sistematicamente para o mesmo lado: Duarte Gomes contra o Benfica, Bruno Esteves contra o Marítimo, Jorge Sousa contra o Gil Vicente e Manuel Mota contra o Nacional. Em dois desses jogos até conseguimos ganhar, mas nos outros dois os danos que nos provocaram são os que se sabem...

      Um abraço.

      Eliminar
  2. Correcção amigo Mestre,

    Ao Danilo faltou mostrar o segundo amarelo e correspondente vermelho, ainda na 1ª parte do jogo.
    Dois erros demasiado graves para poder pensar que o Olarápio veio fazer uma arbitragem isenta....simplesmente não consegue.

    Entre outros "feitos" recorde-se a 1/2 final da taça da Liga em Alvalade com o Benfica em que conseguiu expulsar o João pereira aos 4 minutos de jogo e também a 1/2 final da Taça de Portugal no estádio dos corruptos em que conseguiu expulsar um jogador nosso no prolongamento que acabaria empatado e depois ganho pelos corruptos a penalties.

    O jogo do passado domingo foi mais um...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lembro-me bem desses dois jogos. Foi assim que o Olegário foi ganhando a fama de Olarápio (juntamente com aquela bola no Benfica - Porto que o Baía tira sobre a linha).

      Mas, honestamente, neste momento o Olegário até nem dos que me incomoda mais. Começa a ser raro que o chamem para jogos importantes, e há aí muito moço com muito mais vontade de demonstrar serviço...

      Um abraço.

      Eliminar