sexta-feira, 5 de junho de 2015

A saída de Jesus do Benfica

Artigo muito interessante de Pedro Candeias do Expresso: LINK



A saída de Jesus: os 6 milhões de Vieira, a chamada rejeitada e o avião para Paris



J. J. não gostou da proposta de Vieira, não entrou no jogo de Jorge Mendes, não quis apanhar um avião para Paris na terça-feira - e disse não mesmo quando o Benfica subiu a parada


Esta é a história de um agente que é um super-agente, de um presidente que quer ser um super-presidente, e de um treinador que se acha um super-treinador. Mas não é uma história com super-ação ou sequer de superação - é negócio, mais ou menos puro e sobretudo duro.

E começa assim: A FIFA decidiu em dezembro de 2014 que os fundos de investimento eram má rês e proibiu-os e isso pôs Jorge Mendes (o agente que é super-agente) a pensar na vida. Sem empresas sediadas em moradas com códigos postais de países exóticos, Mendes teria de encontrar outra forma para fazer os seus negócios. E foi então que se pôs a trabalhar com clubes pequenos nos quais poria os seus jogadores para depois poderem ser emprestados paro outro lugar qualquer. 

É que, legalmente, um futebolista está dividido em dois: metade dele são direitos económicos; metade são direitos desportivos. Portanto, um tipo pode ser do Rio Ave e estar no Mónaco - Fabinho, por exemplo.

Ora, Mendes tem ativos no Benfica e precisa de potenciá-los mas a sua vontade sempre bateu de frente com a de Jorge Jesus, que nunca engoliu conselhos porque ele é que sabia. Ele é o treinador que se acha o super-treinador. E é por se achar assim e por outros também pensarem de igual forma, que Luís Filipe Vieira começou a repensar a sua aliança com J.J. Na cabeça de Vieira, a massa atribui os três campeonatos a Jesus e não a ele - e, isso, ele não gosta. Foi então que o presidente do Benfica se juntou a Jorge Mendes e ambos propuseram a Jesus uma saída pela porta grande - para um clube grande. Da Europa. E como Mendes era capaz de milagres - o maior deles, pôr Bebé no Manchester United - presidente e treinador chegaram a acordo. Até que desacordaram.

As propostas de Mendes vinham de sítios desconfortáveis para J.J. (falar inglês será sempre uma barreira). Recusou-as. Uma a uma. Da China, do Médio Oriente, da Turquia. Jesus queria o topo mas o topo não o queria a ele. Às tantas, Vieira ter-lhe-á dito que o comboio não passava duas vezes e que o melhor era apanhar o vagão dos milhões. Jesus disse não às ofertas e aos valores de renovação de Vieira (€2 milhões brutos, metade do que ganhava). Porque se sentiu desrespeitado. E porque na mão tinha um telemóvel e no telemóvel estavam mensagens de um intermediário que o juntou a Bruno de Carvalho. 

O Sporting entrou na corrida e Jesus, que gosta de viver por cá, que já não é novo, que tem o pai num lar em Caneças, e que é, enfim, sportinguista, ficou interessado. Só que Vieira nunca pareceu muito interessado em ouvir essa história, que lhe pareceu irreal e irrealizável, e nunca subiu a parada. Até que, na quarta-feira passada, 27 de maio, mudou o sentido da agulha e disse à SAD que Jesus devia manter o salário. 

Veio a Taça da Liga, que o Benfica conquistou, e a Taça de Portugal, que o Sporting venceu, e, na segunda-feira, Vieira disse a Jesus que lhe daria os €4 milhões mas que, ainda assim, devia de ouvir Jorge Mendes. E J.J., que reconhece o apoio presidencial no ano em que tudo perdeu, sentiu-se desprotegido. 

No dia seguinte, Vieira aconselhou Jesus a apanhar um avião para Paris onde estava Mendes com gente do AC Milan, Inter e Nápoles mas o treinador recusou. "Não vou lá fazer nada." Na quarta-feira, deixou de atender chamadas, de responder a SMS, e ignorou um último avanço de Vieira: €6 milhões. 

Na cabeça de Jesus, foi o Sporting que fez Vieira chegar-se à frente. E o treinador não voltou atrás.



Três questões que surgem deste texto:

  • Quais são os ativos que Jorge Mendes tem no Benfica?
  • Depois de Vieira ter defendido a redução salarial do treinador, subiu a parada até aos 6 milhões, ou seja, 50% mais que o salário que tinha garantido como fundamental descer.
  • Fica claro que Jorge Jesus não saiu só por uma questão de dinheiro.

32 comentários :

  1. À questão que colocas, Mestre, deixa-me aventar: Todos!

    ResponderEliminar
  2. Não sou verde nem vermelho e toda esta história diverte-me. Perguntas honestas:
    1 - quem é este senhor?
    2 - Fontes? Factos?
    3 - O jornalistas já são honestos e interessam aos verdes? Ou são só os do expresso?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se não és vermelho posso dizer que não parece... Fontes - A Pereira de Mello, Factos - O azul do JJ.

      Eliminar
    2. Não sejas retardado. Só tenho um clube é não é lisboeta. Responder ao que perguntei é que não, certo? Sois uns castiços

      Eliminar
    3. Não pá, só nos interessamos pelo jornal do Pato.

      PS. O Nelito já vos emprestou dinheiro para comprar o craque quasemiro?

      Eliminar
    4. 1. Jornalista do Expresso
      2. Terá que ser perguntado a ele; eu perguntei via Twitter que ativos do Benfica são esses, mas não obtive resposta (como seria de esperar)
      3. Disse que o artigo é interessante, porque em função do que se vai ouvindo as peças até assentam bem; se é verdade ou não, como é evidente não sei

      Eliminar
    5. Pedro.
      O facto de o André Gomes, o Bernardo Silva, o Cancelo e o Ivan Cavaleiro, por exemplo, entre outros (tipo Bebé) serem representados pelo Mendes e não terem nunca sido opção para o Jesus ajuda-te a perceber melhor a situação? Ou precisavas que o "senhor" que escreveu o texto fizesse também um desenho para perceberes que havia um grãozinho na engrenagem?

      Eliminar
  3. Caro Mestre,

    Pelo sim pelo não é melhor começar a pensar num plot twist para uns cartoons que costuma publicar regularmente aqui no blog.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tenho que ver se há alguma imagem do bardo vestido de romano... :)

      Eliminar
  4. Tá aberta a época da ficção cientifica.
    Isto cada um escreve o que lhe dá mais jeito (este jornalista devia estar a porta do avião lol) e cada um come o que quer e claro Mestre tu passas para aqui o que da mais jeito e ao Sporting (e fazes bem, afinal isto é blogue do Sporting)

    Mas isto é como eu acreditar que o Marco foi despedido por causa do FATO e porque não vestiu as cuecas verdes, que o Jesus é um cabrão e desde não sei quando tinha começado a falar com o Sporting (http://www.dn.pt/desporto/benfica/interior.aspx?content_id=4608018&page=-1).
    Se isto é verdade... duvido, mas tudo o que eu disse tb já saiu nos jornais (tirando as cuecas). Tentar ver mais ou menos o que se passou vai ser lixado agora vai ser noticia atrás de noticia a puxar para um lado e outro..

    Em coisas mais importantes e mais concretas.
    Mestre num outro post perguntei se tu ou outra pessoa sabia porque é que R&C tem esses 24 milhões positivos e por 2 vezes o Sporting já afirmou que o resultado operacional vai ser 7,5 positivos.
    A que se deve a diferença ? Como se passa de um para o outro?
    Penso que não tinhas visto por se tiveres tempo agradeço.
    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. 7.5M€ positivos = resultados operacionais (sem transacções de jogadores).

      22M€ positivos = resultados com transacções de passes de jogadores.

      Eliminar
    2. Se a sad pagasse o valor de juro de mercado os resultados seriam certamente diferentes.
      Pode ser que a banca reveja a questão dos juros, pois aparentemente se a sad tem capitais próprios autonomos para pagar a um dos 20 treinadores mais caros da Europa, nada justifica a situação de favor que a sad vive, que em comparação com os outros grandes provoca uma situação de concorrência desleal!
      A indemnização à Doyen e ao MS, não estão ai pois não? Quem vier atrás que feche a porta...

      Eliminar
    3. Tiago, é aquilo que o Sar respondeu.

      Resultados operacionais sem transações com jogadores: 7,68M
      Resultados de transações com jogadores: 16,15M (Rojo, Dier e Maurício)
      Resultados operacionais: 23,83M

      Estes resultados poderão ser afetados negativamente em 12M se o Sporting perder o conflito com a Doyen sobre Rojo.

      Um abraço.

      Eliminar
    4. Obrigado aos dois. Eu depois vi o video lá de cima e fiquei esclarecido.
      Não estava a tirar os jogadores do operacionais. Porque tendo em conta tudo o que aprendi acho que faz sentido estarem lá visto ser o core business. Mas pronto é apenas uma maneira diferente de ver. Fiquei esclarecido.

      Eliminar
    5. E já agora dizer que são numero interessantes e bons. Como já tinha discutido ctg faz tempo, o Sporting neste momento tem um vantagem enorme com o quase não pagamento de juros (que neste caso teria comido os resultados positivos). Os outros dois têm que se por a pau nos seus modelos de gestão.

      Eliminar
    6. Tiago, de facto o não pagamento de juros é uma vantagem, mas em contrapartida parte das vendas serão obrigatoriamente canalizadas para abater os empréstimos bancários, e há objetivos financeiros aos quais não podemos fugir e que afetam o rendimento desportivo. Por exemplo, provavelmente não teríamos problemas em renovar com Carrillo e Cédric se não fossem esses constrangimentos. Um abraço.

      Eliminar
  5. Acredito que o essencial da história se tenha passado mais ou menos assim, mas deve ter aí uns toques de embelezamento giros. A do Mendes esbarrar no Jesus para promover os seus activos então.... lol

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A verdade é que nem o Cancelo, nem o Bernardo nem o Ivan tiveram oportunidades depois de o André Gomes e o Rodrigo terem sido vendidos, Miguel... Um abraço.

      Eliminar
  6. "Rui Alexandre Jesus, Presidente da Associação Portuguesa de Direito Desportivo disse na RTP Informação que, aparentemente, no que se conhece do documento de 400 páginas, há fundamentos para o despedimento por justa causa, de acordo com o Contrato Colectivo de Trabalho assinado entre os clubes e da Associação de Treinadores"

    Epá, que azar que teve a SIC que entre 400 páginas e tantos factos foi escolher a do fato de São Marco para enganar os parolos na abertura do telejornal...

    Se calhar foi o escroque do Ribeiro Cristovão que escolheu o facto! O homem já deve estar cansado da tournée non-stop de "malhar no Sporting e no BdC" que dura há 3 dias.

    O JJ já mandou uma mensagem para o Ribeiro Cristóvão:

    http://geradormemes.com/media/created/gb9k0i.jpg

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sar, já tenho um vídeo com isso, vou ver se o publico ainda hoje.

      Eliminar
  7. Realmente pode ter siso isso que aconteceu !
    Ou outra coisa qualquer...

    E desde que o scp não esteja a utilizar dinheiro sujo, está tudo bem para os 'diferentes'.

    Dinheiro sujo, leia-se dos 'fundos', pois se tiver outra origem não há problema.

    Tão diferentes e tão diferentes, que à primeira oportunidade...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A questão dos fundos não é o dinheiro sujo, Costa. E dinheiro limpo já não há muito por aí.

      Eliminar

  8. 1-Vários Jogadores
    2- Vieira não defendeu redução. A proposta que foi feita na 2ª-feira o salário era igual. a única diferença era que em vez dos plantel ter os habituais 28/29 jogadores passaria a ser composto no máximo por 25 onde 4 ou 5 fossem da formação.
    3-jj saiu porque acha que é maior que o Benfica. Como vai achar que é maior que o Sporting.

    Essa noticia é do Expresso certo? Não haverá conflito de interesse? Há um accionista de referência da Sad do SCP( que aparentemente até está a financiar esta operação) que também é accionista da Impresa, ou é impressão minha?

    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. 1 - Quem? Estamos a falar de jogadores agenciados, ou com % de direitos económicos?
      2 - Não foi isso que se andou a falar durante semanas... :)

      Quem é esse acionista de referência, João?

      Um abraço.

      Eliminar
    2. Boa Tarde MC,

      1-Oficialmente, o único jogador que não é 100% da SAD é o Ola John cujo passe é partilhado com a Doyen. Se há outro tipo de negociata não sei, mas julgo que não... Agora JM é, por exemplo, agente do Gonçalo Guedes, e quererá ter influência na escolha do próximo treinador. Diz-se que quer impingir Paulo Bento à força toda...
      2-Esta versão é a que faz sentido... Então o Benfica num ano, aumenta o patrocinio da camisola, aumenta a receita da BTV, renova por valores mais elevados com a Adidas, abate 40M ao passivo e tem de reduzir custos? não faz sentido!!! Agora uma maior racionalização do Plantel A, com 20 jogadores de elite que enquadrariam os 4/5 miudos da formação.. é tão obvio que entra olhos dentro...

      Tanto quanto sei, o Sobrinho também é acionista da Impresa...

      Abraço

      Eliminar
    3. Paulo Bento era mau para cara.....
      João gostava muito que as tuas ideias fossem verdade 20 elite mais miúdos. Mas então como enquadras ai os contentores que já vêm. Marçal,Elderson,Diego, Hassan são elite ?

      Eliminar
    4. Boas,

      PB, tento em conta as caracteristicas muito particulares da próxima época pode não ser muito mau...

      Mas atenção, comparar jj com pb, é comparar a obra prima do mestre, com a prima do mestre de obras...

      VP era TOP. Tanto o jj como o bufas começavam já a ter pesadelos :)

      Tanto o Elderson como o Diego contam para efeitos de Champions como formação. Aliás, na formação, o Bernardo Silva aquecia o banco ao Diego... este, por exemplo, com outro esquema táctico pode ser bastante útil. As restantes aquisições que se fizeram, são as habituais para, ou servirem de moeda de troca para peixes mais graúdos, ou para andarem emprestados e com esses empréstimos, regra geral, pagarem o passe e ainda dão lucro.

      Abraço

      Eliminar
    5. Tb gostava de do VP.

      Não curto dessas compras para emprestar. Duvido que isso alguma vez de lucro. Um gajo fica feliz por vender os Funis Moris por 4 milhões mas em sentido contrario vêm logo 4 gajos qq por 1. Não gosto. Nos emprestados temos mais de 15 que nunca vão ter categoria para o Benfica.

      Eliminar
    6. João, é mentira o que dizes.
      O Álvaro Sobrinho já foi accionista da Impresa, dona do Expresso, mas com apenas 2%. Que já alienou há mais de um ano creio. Também já foi accionista da Cofina (CM, Record, Negócios), com 15%, mas também já vendeu. Hoje tem só o Sol e o diário i, através da Newshold. Mais : o Sobrinho tem a Impresa em tribunal por causa de notícias sobre o seu envolvimento no desaparecimento de mais de 3 mil milhões de euros do BES Angola. Isto está tudo no Google, caramba. Mas opinas como quem arrota.

      Eliminar
    7. Em Dezembro, veremos quem arrota,,,

      Eliminar
  9. Esta situação do JJ faz-me lembrar a transferência do Figo de Barcelona para Madrid.O Joan Gaspart tal como o Vieira cometeram erros de análise da situação e quando acordaram já era tarde.

    O Vieira diz que não foi surpreendido,eu também acredito que não uma vez que ele tem uma rede de espionagem comparada ao MI5 de Inglaterra...e senão foi supreendido então porque é que não forçou a renovação do contrato ?.

    Cada um de nós agora é livre de interpretar da forma que quiser,uma coisa é certa o Vieira levou uma facada de todo o tamanho uma vez que o JJ era um dos homens mais fortes da estrutura.

    O DSO,o Jorge Jesus,o Jorge Mendes e a APAF eram os maiores aliados do Vieira e são todos responsáveis pelos sucessos desportivos e equilibrios financeiros.Sai um mas fica o resto do manto protetor.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. King Lion, claro que foi surpreendido. Mas ele é infalível, é incapaz de admitir que cometeu erros. Um abraço.

      Eliminar