domingo, 11 de dezembro de 2016

O onze para logo

Não há grandes motivos para inovar na equipa que subirá ao relvado logo. Atualmente, o melhor onze de Jesus é este:


Jorge Jesus disse que Adrien e Gelson não treinaram, colocando a sua utilização em causa, mas não tenho grandes dúvidas de que ambos estarão disponíveis para esta tarde. 

A chave estará na capacidade da equipa em ultrapassar a primeira linha de pressão do Benfica. Não cometendo erros na primeira fase de construção, ficaremos muito mais próximos de conseguir um resultado positivo na Luz. Há que tirar proveito, também, da principal lacuna do nosso adversário: o jogo aéreo defensivo. Coates, Semedo, Dost e William (este último pela sua ação ao primeiro poste) poderão fazer a diferença.

Do lado do Benfica, não tenho grandes dúvidas de que a convocatória de Jonas é apenas uma tentativa de mind game por parte de Rui Vitória. Vindo de uma lesão que o impediu até realizar trabalho físico durante dois ou três meses, não me parece possível que o brasileiro esteja apto para uma partida desta exigência - independentemente da sua enorme categoria. Também é possível que reforce o meio-campo com um terceiro elemento: Fejsa e Pizzi terão dificuldades em controlar o jogo contra William, Adrien, Bruno César e Bryan Ruiz. E, claro, Vitória vai querer lançar Carrillo, para tentar tirar proveito da motivação que o peruano possa ter em defrontar a sua antiga equipa, restando apenas se será titular ou lançado com o jogo a decorrer.

Será, seguramente, um jogo muito emotivo e disputado. O resultado é imprevisível, como é habitual num dérbi, mas estou convencido que, em condições normais, temos boas hipóteses de voltar da Luz com os três pontos - se a nossa capacidade de finalização estiver a um nível minimamente aceitável.

14 comentários :

  1. Ontem, espreitei na RTP Memória um Benfica - 0 SPorting - 0 de 1997. É incrível como o futebol evoluiu desde então. Qualquer daquelas duas equipas levaria uma sova dos actuais Sporting e Benfica. Dos jogadores em campo, só JVP ou talvez Oceano teriam lugar no Sporting ou Benfica da actualidade.

    Espero e confio que seja um grande jogo. Que os jogadores e adeptos respeitem e honrem os emblemas. Não quero ouvir falar de árbitros e dirigentes. Quero que o Sporting ganhe, mas acima de tudo quero ter a certeza que deram tudo para ganhar.

    A conquista da liderança é uma contingência. Estão em causa três pontos.

    Força Sporting!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esse foi um dos piores derbies que vi até hoje. Mau jogo e más equipas. No entanto, desde 1997 por incrível que pareça, já tivemos equipas piores: 2009/2010 e 2012/2013.

      Eliminar
  2. O Jesus que se deixe de bluffs de meia tigela,ponha a melhor equipa a jogar,que neste momento não está nas melhores condições físicas e psicológicas,pois esta época já fez merda que chegue.

    ResponderEliminar
  3. ´Se Gelson e Adrien não jogarem por causa da gripe anabolizante, as vossas hipóteses passam de poucas a exíguas.

    ResponderEliminar
  4. Caro mestre,

    Acredito que seja esse o nosso onze, e caso as coisas se compliquem entre o Joel Campell.

    P.S - Presumo que já visualizas-te à cronica da BBC, na quinta feira, em que ficam estupefactos com a escolha do jornal abola para capa. Ao preferirem dar destaque a escolha da derrota do Sporting em virtude da vitoria do Porto...todos sabemos a ordem de seleção daquele jornal, pese embora no estrangeiro não sabiam tal criterio.

    SL

    ResponderEliminar
  5. O melhor onze é este, vamos ver, são três pontos.

    ResponderEliminar
  6. O Sporting acima de tudo não pode perder, aceitava o empate, porque 2 pontos de distancia não é nada com uma segunda volta por disputar.
    Olhando para o onze tirava Ruiz e colocava Campbel, já que o n°10 tem sido menos um.

    Força Sporting!!

    ResponderEliminar
  7. Para mim o corredor direito vai ser a chave do jogo.
    Gelson vs André Almeida e Rafa/Cervi vs João Pereira são duelos muito desequilibrados.

    ResponderEliminar
  8. Será uma luta do bem contra o mal. Mas que triunfe aquele que melhor jogar, sem ajudas de arbitragem.
    Boa sorte.

    ResponderEliminar
  9. E como ganhar outro jogo assim ?

    http://sportingcpbr.blogspot.pt/2016/12/pizzi-coloca-mao-na-bola-e-arbitro-nao.html

    Joga a bola com os dois braços mas não, não se passa nada, deste lance nasce o primeiro golo do benfiorto, bola dominadinha e ai vai um bom contra aqtaque diga-se.

    Mas este...

    http://ezgif.com/speed/ezgif.com-178fae906d.gif

    Quem bem !

    Nada como um jorge roubabem para estar garantido.

    Sobre o jogo, gostei mas mais uma vez o JJ pode é meter a viola no saco, tirar Bas Dost não lembra ao diabo quando precisamos de um golo pelo menos e contra uma equipa pequena que mais não faz do que defender o resultado no seu meio campo e de quando em vez arrisca no contra ataque.

    ResponderEliminar
  10. Respostas
    1. Mas alguma vez perderam? Mais sobremesa, menos sobremesa claro.

      Eliminar
  11. Que jogo incrivel.

    Uma equipa que só defende com menos de metade das faltas da equipa que foi ao campo do pequeno jogar futebol.

    Os apanha bolas de um momento para o outro desapareceram do campo e os poucos bem graudos que por lá ficaram, tinham cola nas mãos ou um cantinho para esconder a bola nem que fosse no banco da equipa da casa.

    E ainda há quem tenha a lata para falar de anti jogo ou falta de fair play.

    ResponderEliminar