segunda-feira, 6 de outubro de 2014

Facilidades

                                                                                                                                            
Há uma coisa que me tem feito muita confusão: os últimos jogos do Benfica têm sido um festival de avenidas que se abrem para Talisca se aproximar tranquilamente da área - e que por acaso até resultaram no 1º golo quer contra o Estoril quer contra o Arouca. 

Não me interpretem mal, não acho que os adversários o façam de propósito com o intuito de oferecerem a vitória ao Benfica. Pelo contrário, até compreendo a legitimidade dos motivos que os levam a manterem-se afastados do brasileiro, à medida que este vai galgando metros na direção da baliza que deviam preocupar-se em proteger. E compreendo por um motivo muito simples: o passado recente tem demonstrado que os homens do apito não dão abébias a quem defronta os tipos de camisolas berrantes que são papoilas saltitantes. O colinho dado pelos homens do apito não é evidente apenas para os adeptos de outros clubes - os próprios jogadores que defrontam o Benfica já sabem o que lhes espera se entrarem em contacto, por muito leve que seja, com o portador da bola.

São facilidades que, por exemplo, nem Nani nem Carrillo têm tido a sorte de dispôr enquanto os jogos ainda estão com o resultado em aberto. Antes de acelerarem levam um encosto e ao ultrapassarem o 1º obstáculo vem normalmente um 2º tapar-lhe o caminho. Isto sim, é normal. 

O que já não é tão normal é que, em 7 jogos do campeonato, o Sporting tenha visto menos cartões que o adversário direto em apenas 2 ocasiões. Apenas nos jogos com Belenenses e Gil Vicente os nossos jogadores tiveram direito a menos cartões que os adversários.

Nani, também conhecido como o Vinnie Jones do Campo Grande, já leva 4 amarelos em 6 jogos. É um dos jogadores mais indisciplinados do campeonato, mas que ainda fica atrás dos carniceiros William Carvalho e Jefferson. O Sporting, uma equipa de arruaceiros que não sabem dar um pontapé numa bola, tem 3 dos jogadores com mais cartões na liga portuguesa.

Fonte: zerozero.pt

Praticando um futebol que se baseia sobretudo na agressividade, é com naturalidade que o Sporting seja neste momento a 3ª equipa do campeonato que mais cartões viu - apenas ultrapassado por Boavista e Gil Vicente. No extremo oposto da tabela disciplinar, temos o Benfica, na 18ª e última posição (com apenas 16 cartões amarelos - Jefferson, William e Nani, todos juntos, quase que atingem essa marca), e o Porto na 16ª posição.

E já que falamos em facilidades, só faltava mais esta... 


O Covilhã pondera receber o Benfica em Aveiro no jogo da taça que se disputará daqui a duas semanas. Não sei porquê, mas ao ler esta notícia tive uma ligeira sensação de déjà vu. Que façam bom proveito ao Covilhã os 37,5% da receita líquida a que terão direito. Porque de resto já só dá para rir.

P.S.: se por acaso o Benfica se lembrar de oferecer os seus 37,5% da receita e se o jogo se realizar em Aveiro, será um escândalo - porque se tratará literalmente da compra de um jogo em campo neutro.

92 comentários :

  1. e lá vem o artista na sanha anti, impressionante. Agora, é sobre um suposto jogo em Aveiro para a taça e uma suposta oferta de bilheteira que não passou pela cabeça de ninguém excepto do artista claro.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O suposto jogo em Aveiro para a taça certamente que não passou só pela minha cabeça.

      Eliminar
    2. Por definição os jogos da Taça são em...campo neutro.
      Como disse o Clister fo futebol português, quem não chora não mama por isso vamos lá continuar a chorar, porque do que eles gostam mesmo é de...MAMAR!!

      Eliminar
  2. MdC,

    Ontem o colinho esteve mais uma vez presente, basta ver o lance na 1ª parte onde Maxi faz penalty sobre o jogador do Arouca.
    Mais uma vez, Maxi o artista a quem nunca nada é assinalado (minuto 24 do jogo)
    Fantástico...

    http://www.tvgolo.com/en/match-highlights-1412518145---39

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E no Dragão, os dividendos de tanta queixinha (uma com razão, a maioria sem), já se começaram a fazer sentir.

      SL

      Eliminar
    2. Vá ver aos posts sobre o penalti do slimani e estão lá as desculpas todas... O outro tb agarrou, não chegava a bola etc etc. Já agora mais um golo em offside? Ah e tal pq foi o 4o,ah e tal pq é para compensar os invalidados no ano passado (os invalidados é que foram para compensar os que contaram e mesmo assim ficou a dever).
      Aos adversários do Benfica já sabem o que os espera? Sim. Tipo bruno Amaro... Que depois de ver amarelo numa agressão (o jogador piada por ele e ele pontapeia o) corta boas com a mão (cartão amarelo em qq zona do campo) e siga o baile... Até o treinador do contra que estava a abusar e o tirou. O golo do talisca aparece pelo meio pq temos um pl que sabe tabelar não um pinheiro que só joga de cabeça e um que só marca adiantado.

      Eliminar
    3. *o jogador passou por ele
      *corta bolas com a mão
      *o treinador deu conta que estava a abusar

      Eliminar
    4. O que mais me meteu impressão até nem foi o lance do Maxi (reservo a minha opinião para outra altura), foi mesmo as faltas que o Samaris fez com a total complacência do árbitro. Um abraço.

      Eliminar
    5. Extraordinário o Samaris não ter levado nenhum amarelo! Tão extraordinário como o André Martins não ter levado nenhum cartão neste fim de semana! Ou tão extraordinário como o Bruno Amaro não ter sido expulso depois de um corte com a mão ou até mesmo por se arrastar no momento da substituição (uma substituição oportuna não foi, Pedro Emanuel? a antever alguma coisa em específico?)
      Ah...mas espera o Samaris levou um amarelo...o André Martins é que não...

      Eliminar
    6. Justificar penalties perdoados com o resultado em 0-0 através de lances do jogo do Sporting é para rir.
      Sim, o André Martins devia ter levado amarelo.
      Sim, o árbitro podia ter anulado o golo de Montero que deu o 3-0, e sim, leu bem, o 3-0.

      Em que é que estes lances se comparam com o pênaltis de Maxi com 0-0 ou com a expulsão perdoada ao Enzo no jogo com o Moreirense e com o resultado em 0-1?

      Um benfiquista é, e será sempre um ser estúpido e que apenas quer ganhar a todo o custo tal como a sua nádega gémea do Norte...

      Eliminar
  3. "Não me interpretem mal, não acho que os adversários o façam de propósito com o intuito de oferecerem a vitória ao Benfica."

    Então faz o texto exactamente para quê? Para ter 50 comentários de tipos a escreverem palavrões, ofensas e teorias da conspiração na caixa de comentários?!
    Todas as 2ªas feiras surge uma nova teoria.

    Que raio de culpa tem o SLB de o Covilhão querer mudar o Jogo se ainda por cima a FPF aceitar? Se isto acontecer com o seu SCP vai ter a mesma opinião.
    P.S: No meu entendimento o jogo deve ser na Covilhã. É isso que foi sorteado, Se o clube local tem um estádio pequeno é num estádio pequeno que se joga!

    Saudações,

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro anónimo, este texto aborda a permissividade genérica que os árbitros têm tido para entradas duras dos jogadores do Benfica, em oposição às faltas cometidas pelos adversários. Um abraço.

      Eliminar
    2. " legitimidade dos motivos que os levam a manterem-se afastados do brasileiro, à medida que este vai galgando metros na direção da baliza que deviam preocupar-se em proteger. "

      Ou seja, o 1º golo do SLB surge (pela alusão feita no 2º parágrafo) mais porque os jogadores do Arouca tiveram medo de ir à bola e de proteger a baliza do que pelo mérito da tabela Derley-Talisca e pela passada larga do brasileiro em direcção à baliza perto da entrada da área?

      É que, caso não tenha reparado, isto é só uma versão mais erudita do "para os lampiões abrem-se todos!"
      mas no fundo vai dar ao mesmo...

      Eliminar
    3. Não há uma perna, não há um ombro a encostar. Parece que há um escudo invisível. :)

      Eliminar
    4. Não me leve a mal, mas situações dessas houve umas 4 no SCP-Chelsea.
      Valeu na altura o Rui Patricio.

      Será que os jogadores do SCP também tiveram medo de ir à bola? havia escudo invísivel? Confiavam no GR?
      Ou, simplesmente, eram batidos pelas jogadadas do adversário e quando reagiam já era tarde?

      É que ontem o golo do Talisca não resulta de nenhuma correria de 30 metros, é simplesmente o resultado de uma (boa) tabela com o Derley (qual pivot). O Talisca avança a partir da entrada da área, algo normal depois da desmarcação...

      Eliminar
    5. "Parece que há um escudo invisível"
      São as forças ocultas do futebol nacional...
      O estado delirante a que chegaram! LOLOL
      Não tomes os comprimidos de lítio que não precisas, não...

      Continua a chorar porque o que tu gostas mesmo é de...MAMAR!

      Eliminar
    6. Foi o mesmo "escudo invisível" que ajudou o ano passado o Markovic a marcar o golo em Alvalade?

      Eliminar
    7. Grande anónimo, os gajos ficaram parados a contemplar a genialidade do Marko

      Eliminar
    8. Mas pelos vistos não aprenderam grande coisa dessa extraordinária oportunidade de ver um extraordinário jogador na primeira fila.

      Eliminar
    9. ««Foi o mesmo "escudo invisível" que ajudou o ano passado o Markovic a marcar o golo em Alvalade?»»»

      Não, aí foi um corte limpo do Carrillo transformado numa falta que é marcada 10 metros mais à frente.

      Ontem com zero zero ficou um penalti flagrante de maxi pereira por marcar e expulsão de Samaris perdoada. COLINHO.

      Eliminar
    10. LOLOLO Nunca há uma única jogada ou golo dos adversários que seja por mérito próprio! É tudo "cozinhado"!

      Que ridículos! Agora a sério... vocês são melhores do que isso.

      Eliminar
    11. A única hipótese é desistir.
      A nova geração de sportinguistas é lamentável.

      Nada a ver com o Mestre que escreve, e bem, com argumentos embora (legitimamente) tenha alguma parcialidade.

      Mas 90% dos comentários neste blog feito por sportinguistas ou se resumem a ofensas, ou ao rudimentar "colinho, andor, capela!" ou a insinuações sobre facilitismo, sobre sorteios manipulados...

      Sinceramente, é possível algo mais que isto.

      Ninguém tem sempre razão e dar o braço a torcer é ser inteligente. Há jogos em que há erros a nosso favor e contra.

      Mas esta maneira de estar, em que se tem sempre de ser o coitadinho, é nada.

      Eliminar
    12. AO ANÓNIMO DAS 12H16M - NÃO TE SENTES BEM NESTE BLOGUE,SEU ANORMAL,FILHO DE UMA NOTA DE 10€?ENTÃO PASSA-TE AO FRESCO E TRATA-TE BURRO.

      Eliminar
  4. Exacto, o gajo do covilhã quer fazer receita e segundo ele resolver os problemas financeiros do clube ( culpados de popularizar demasiado as massa ignorantes, claro) , mas segundo o artista isto foi tudo obra de Vieira, do colinho e o do cacete

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu não estou a dizer que a iniciativa partiu do Benfica. Mas não me parece que o Benfica fique chateado, ou fica? Seguindo esta lógica, mais vale todos os jogos que o Benfica faz se realizarem em Aveiro.

      Eliminar
    2. Como também o Sporting não ficou chateado ao realizar um jogo contra os Pescadores da Caparica no Restelo, para a Taça, em vez de ser na casa deles, em 2009, não é verdade?

      Eliminar
    3. E por acaso, o estádio dos pescadores tinha condições ??
      E comparar uma deslocação da Caparica para o restelo, com uma da Covilhã para Aveiro...

      Sinceramente, estou me cagando onde é o jogo.
      O que irrita é o à vontade com se mudam os sítios, o vazio legal que parece haver numa competição oficial.. e porque é que é sempre só com o carnide??

      Porque não joga o SCP sempre em campos "neutros ".

      É que se a falácia é a sa bilheteira, sabemos bem quem leva mais gente aos estádios....
      E não, não é a equipa que equipa de encarniçado
      SD
      SL

      Os adeptos do Sporting vêem conspiração em todo o lado, os adeptos do carnide, vêem tudo normal, limpinho limpinho...
      Falam de chorar e mamar... mas recuem lá uns anitos, quem chorava chorava era o carnide, contra o mau do norte.
      Mas, como o chefe do carnide, aprendeu as artes mágicas do norte, agora é tudo normal. Já ganhamos uns titalus, já é tudo limpinho

      Eliminar
    4. "E por acaso, o estádio dos pescadores tinha condições ??"

      Caro Lourenço, olhe que o homem do caparica invocou a questão do dinheiro para mudar: http://www.maisfutebol.iol.pt/taca-portugal-sporting-pescadores-taca-de-portugal-restelo-bonfim/520b4d573004bc615fd1c826.html

      Queria mais receita.

      Saudações,

      Eliminar
  5. Das duas uma: ou são coincidências cósmicas ou os jogadores do Sporting só dão sarrafada.

    Jamais tem a ver com a dualidade de critérios gritante dos homens do apito. Nããããããããã....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Migas, é isso, só damos sarrafada, e estamos em muito boa companhia: Boavista de Petit e Gil Vicente de José Mota, e Sporting de Marco Silva (três siameses na forma de jogar).

      Eliminar
  6. Já agora, porque não o Sp. Covilhã marcar de vez o jogo para o estádio da Luz, se é uma questão de receita?

    ResponderEliminar
  7. Alguém não tomou as gotas hoje... se bem que isto já não vai lá com gotas mas sim com supositórios... e de pimenta. Não se tratem que não é preciso.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eles choram porque como diz o Clister do futebol português, quem não chora não mama e eles gostam é de...MAMAR!!

      Eliminar
  8. "Nani, também conhecido como o Vinnie Jones do Campo Grande, já leva 4 amarelos em 6 jogos."

    Como disse o sportinguista Riga há uma semana atrás "e o nani já vai com 3 amarelos no campeonato, todos eles por protestos" (in http://oartistadodia.blogspot.pt/2014/09/demonstracao-de-classe.html#comment-form)
    Mas há umas cabecinhas pensadoras que acham que os cartões só saem do bolso para punir sarrafada, coitadinhos são tão limitadinhos.

    A propósito...que cartão levou o André Martins por aquela entrada no jogo deste fim de semana? Ou os cartões para os jogadores do Sporting só são mostrados por protestos?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, no futebol português os únicos jogadores que protestam são os do Sporting...

      Eliminar
    2. Como não tem como responder, refugia-se na ironia...a propósito, ontem o Sálvio levou (e bem!) um amarelo por palavras ao árbitro. Mas isso já não interessa referir, sim, pois, porque "no futebol português os únicos jogadores que protestam são os do Sporting". O que interessa é passar a mensagem é que são perseguidos pela arbitragem.

      "Nani, também conhecido como o Vinnie Jones do Campo Grande" Incrível como se faz passar por ignorante (vai dizer que não sabia em que condições o Nani levou os amarelos???) só para querer passar a mensagem que o Sporting está a ser perseguido pela arbitragem! Um verdadeiro espécime do chamado "ignorante voluntário".

      Coitadinhos, dos pobrezinhos! Chorões hipócritas! Cresçam e joguem mas é à bola!

      Eliminar
    3. Caro Mestre, o Eduardo Sálvio tem 3 ou 4 amarelos por protestos. Ainda ontem viu um por pedir amarelo para um adversário depois de ser pontapeado.

      O problema não é, na maioria das vezes, a razão naquilo que se discute. É seleccionar a dado o que se discute.
      Assim, tem-se sempre razão, mas apenas num mundo parcelar.

      O Talisca tem sido alvo de entrada duras, ainda ontem o Bruno Amaro tem umas 3 no espaço de 10 minutos (60"-70") em que não é pundido.

      Muito do risco da internet é mesmo esse. Diria que uma larga maoria dos que comentam se baseiam em resumos de 3 minutos OU (pior) em lances seleccionados a dedo para se mostrar a "nossa ideia" (e isto vale para qualquer clube).

      Saudações,

      Eliminar
    4. Caro anónimo, também Slimani viu um amarelo assim contra o Gil Vicente. Isso não são protestos, é uma situação objetiva para a qual os árbitros têm instruções para mostrar amarelo. Em relação aos protestos há situações de maior e menor tolerância... Um abraço.

      Eliminar
  9. Esta merda parece stand up comedy!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Está a referir-se ao lance do Indi ou do índio Maxi? É que são ambos para rir à gargalhada!!!

      Eliminar
    2. Não, não, está mesmo a referir-se à manipulação da informação que aqui se postula.
      Entradas maldosas? Só as dos rivais, as do André Martins? Varre para baixo do tapete que essa não nos dá jeito na construção da nossa "narrativa"
      Amarelos no aqui apelidado "Vinnie Jones"? Como se os amarelos fossem só por entradas maldosas!
      É toda uma re-construção de uma realidade de forma a criar a vitimização. Que pobreza de espírito.
      Sinceramente...Vocês são melhores que isso.

      Eliminar
  10. Realmente emitir uma opinião, sem ver os jogos do Benfica na Totalidade é falacioso! O tal Talisca,
    nesse mesmo jogo sofreu várias entradas do mesmo jogador (Bruno Amaro) algumas convido a ver, com muita dureza, esse mesmo jogador poderia muito bem ser expulso, mas depende do critério do árbitro, mas claro o seu critério só servia para o Samaris, já se percebeu. Devo também avivar a memória ao Senhor que o Talisca, já sofreu neste Campeonato entradas perigosas, uma das quais que teve de sair do terreno de jogo por lesão. Compreendo que lhe faça confusão os golos do Talisca, mas podia ser mais rigoroso nas análises, e não passar a ideia que tenta ser rigoroso no seu blogue, mas facilmente, vai acabar por ser confundido, com os Blogues de Apoio de alguns Benfiquistas, que são de facciosismo, mas assumidos, não vista a pele de Cordeiro, fica-lhe mal!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro anónimo, tanto quanto me lembro nunca deixei de me assumir como adepto sportinguista. Mas enfim, deve ser tudo produto da minha imaginação.

      Eliminar
    2. E como na resposta a nada respondeu em relação às entradas sobre o Talisca. Essas não convém referir para continuar a alimentar a choradeira (eles gostam é de MAMAR!), há que manter o critério:
      - o que nos prejudicou: chorar;
      - o que nos beneficiou: calar e varrer para baixo do tapete.
      Sobre a entrada do André Martins, nem uma palavra! Viva os chorões hipócritas!!
      Sporting CHORÕES de Portugal!

      Eliminar
    3. Pois e resposta nada, este suposto mestre da demagogia, devia tentar ser mais isento, pois afirma em publicações anteriores, que tenta ser....boa sorte e continue a tentar!:)

      Eliminar
    4. ao anónimo das 11h28m - e tu filho de uma nota de 10€,não queres antes mamar na quintra pata do cavalo?trata-te burro.

      Eliminar
    5. Mamar? Isso é com vocês. O vosso presidente é que diz "quem não chora, não mama", como chorar é com vocês...pode mamar à vontade.
      No final engole para não cuspires para o chão.

      Eliminar
    6. Não falei no cartão por mostrar a André Martins, assim como não falei do amarelo forçadíssimo a William, ou no absurdo amarelo que mostraram a Montero.

      Eliminar
  11. Caro MdC:

    Eu sou acima de tudo sportinguista, mas como nasci e resido na Covilhã, sou igualmente sócio do SCC. Não votei nesta direção do SCC, porque o presidente o Sr. José Mendes é um ex empresário de jogadores que viu no SCC uma forma de poder colocar os "seus jogadores" e retirar daí alguns proveitos. José Mendes tem excelentes relações com Pinto da Costa e António Salvador, só assim se explica que jogadores como Bura, Abdoulaye, Josué, Pizzi, entre outros tenham jogado no SCC emprestados por FCP e SCB.
    Em relação à possibilidade (ainda não confirmada), do joga da taça ser em Aveiro, estou totalmente em desacordo. O jogo devia realizar-se na Covilhã no mítico Santos Pinto, onde o apoio ao SCC é muito intenso e seria muito importante para galvanizar os jogadores para este jogo.
    O Santos Pinto tem uma lotação de cerca de 2000 lugares, mas podiam perfeitamente ser colocadas algumas bancadas amovíveis para aumentar a lotação do estádio.
    Penso também que os covilhanenses merecem que este jogo se realize na Covilhã, pois desde a última época em que o SCC esteve na 1ª divisão(1987/88), que não temos o prazer de assistir a um jogo com um dos grandes (mesmo sendo o benfica) do futebol português.
    A direção do SCC está também a equacionar a hipótese de colocar à disposição dos sócios transporte gratuito para Aveiro, mas no meu caso pessoal, se o jogo for em Aveiro não irei, pois não posso compactuar com a desvirtuação da verdade desportiva.
    Apesar de tudo, espero que na próxima eliminatória da taça possa haver um Covilhã-Sporting.

    Saudações Leoninas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Emanuel, um Covilhã - Sporting seria ouro sobre azul! :)

      Para mim (e isto agora não tem nada a ver com esta situação em particular) a festa da Taça acontece sobretudo quando equipas de escalões inferiores podem defrontar um grande (seja deslocando-se a Alvalade, Luz ou Dragão e terem a oportunidade de pisar um dos maiores palcos do país), seja ao receberem uma dessas equipas e proporcionar aos seu sócios e adeptos uma tarde completamente diferente.

      Acredito que ao fazer um jogo destes em campo neutro, e ainda por cima a muitos quilómetros de distância, deve ser uma situação pouco agradável. Entendo o argumento financeiro, mas para todos os efeitos trata-se de uma prova desportiva - e jogar em campo neutro nunca será a mesma coisa que jogar em casa (ainda por cima, como referiu, já não recebendo qualquer um dos grandes há quase trinta anos).

      Um abraço.

      Eliminar
  12. Noto já algum desespero...
    Os cartões só demonstram uma realidade clara: sobra ao sporting em agressividade o que lhes falta em talento;
    Só mesmo alguma desonestidade intelectual permitiria falar em "permissividade" dos adversários porque:
    - apela abertamente (como já o tinha feito L. Jardim) à agressividade sobre os jogadores do Benfica. Presumo que tenha ficado satisfeito com a entrada do jogador da Moreirense quando Talisca embalava pelo centro em direcção à baliza e que deixou o brasileiro no "estaleiro".
    - esquece que o zbording, em matéria de "permissividade" é o nosso melhor "cliente" (nós até utilizamos outra expressão...), tendo mesmo das piores estatísticas dos clubes da primeira liga no confronto directo com o Colosso.Basta lembrar o golo de Markovic e do Enzo...;
    Somos completamente alheios à vontade dos dirigentes do Covilhã, sendo certo que prefiro que os jogos re realizem nos estádios dos clubes (nisso consiste a "festa da taça"). Compreendo, no entanto, os motivos (€) do Covilhã, ainda para mais tratando-se de uma filial de um clube falido. Aliás, não só compreendo que queiram mudar de estádio como compreenderia se quissessem mudar de camisolas porque, afinal, há limites para o mau gosto;

    "P.S.: se por acaso o Benfica se lembrar de oferecer os seus 37,5% da receita e se o jogo se realizar em Aveiro, será um escândalo - porque se tratará literalmente da compra de um jogo em campo neutro".
    Se por acaso o zbording se lembrar de oferecer mil euros a um árbitro assistente, isso é "impulse" - porque se tratará de um puro ato altruísta sem consequências disciplinares.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "Se por acaso o zbording se lembrar de oferecer mil euros a um árbitro assistente, isso é "impulse" - porque se tratará de um puro ato altruísta sem consequências disciplinares."
      LOLOLOL

      Eliminar
    2. és mesmo filho de uma nota de 10€,grande burro.trata-te burro vermelho.

      Eliminar
    3. Caro anónimo, o jogador do Moreirense que fez a falta de Talisca viu o 2º amarelo (e na minha opinião devia ter sido vermelho direto), e o clube acabou por pagar caro o facto de ter que jogar com menos um - fatura essa que não calhou ao Benfica quando Enzo foi poupado aos 22' de um vermelho claro.

      Em relação à permissividade do Sporting no golo de Markovic, tem razão, mas há uma diferença fundamental - Markovic é efetivamente um grande jogador, com uma capacidade de aceleração e drible muito acima da média. Quanto ao golo de Enzo, foi um lance de contra-ataque que teve sucesso graças sobretudo a uma questão de rins de Dier. Questão de rins que não teria acontecido com William na sua melhor forma, mas que foi afastado graças a um amarelo - bem mostrado, na minha opinião -, mas que foi mais um caso claro das abébias que NÃO se dão a determinados clubes.

      Quanto ao caso dos mil euros oferecidos a um árbitro assistente, três notas (expressão apropriada, não?):
      1. Foi um ato que me envergonhou enquanto sportinguista
      2. A pressão para a sua saída foi imediata, e não parou enquanto o próprio não abandonou o clube (porque não havia meios imediatos legais para forçar a sua saída) - os sportinguistas não tolerariam que essa personagem continuasse na direção
      3. O caro anónimo pertence a um clube que continua a reeleger sucessivamente um presidente que foi apanhado a escolher árbitros nas escutas do apito dourado - por isso não tem qualquer moral para falar no caso PPC

      Eliminar
    4. Caro MdC, tem que se decidir: ou os adversários são "passivos" ou têm que mostrar agressividade. No caso do jogador do moreirense, se defende uma maior agressividade tem que estar preparado para as consequências dela (no caso, a expulsão). Não pode é querer o melhor de dois mundos, porque - no seu caso - se se insurge contra a "passividade adversária" não se pode igualmente insurgir contra o facto do Colosso ter jogado contra dez, como repetidamente se lê neste blog.
      Em relação a Talisca, "esqueceu-se" de salientar que o Benfica também pagou caro com essa entrada, pois ficou sem o jogador, ou isso não é relevante?

      Em relação à permissividade do sporting, apercebo-me de algum malabarismo na tentativa (vã) de justificar o facto do sporting ser o nosso melhor "cliente", com ou sem Marko ou Enzo, com ou sem WC...Os números recentes não enganam...

      Quanto aos mil euros fico satisfeito que esse ato o tenha envergonhado. Gostaria, no entanto, que esse acto tivesse tb envergonhado os dirigentes federativos porque o seu presidente não pode considerar vergonhoso o arquivamento dos processos do "apito" e se esqueça que até ao momento NADA aconteceu relativamente ao processo do "depósito".
      A mim pouco me importa se a pressão para a saída foi imediata ou se a personagem ainda teve tempo para pintar uns mastros. A pressão sobre o árbitro assistente também foi imediata e consumou-se com o depósito.
      Não sabe, sequer, se reelegi o presidente do meu clube. O que sabe, ou tem obrigação de saber porque já aqui o esclareci é que deturpa uma escuta onde o meu presidente RECEBEU uma chamada, tal como aconteceu com o presidente do Belenenses (clube adversário) para que, de comum acordo, escolhessem o árbitro e que tal prática era seguida com TODOS os clubes (sporting incluído) na altura.
      Branqueia, igualmente, o facto do presidente do meu clube ter dito na escuta a quem lhe ligou que NÃO confiava em NENHUM árbitro.
      Se continuar a misturar as situações (incomparáveis, até porque o seu vice-presidente é arguido e o presidente do meu clube foi testemunha) serei eu a considerar que o caro MdC não tem qualquer idoneidade moral para debater seriamente este assunto.

      Eliminar
    5. Caro anónimo, eu contesto é o facto de Enzo não ter sido expulso contra Moreirense e Estoril. Contesto o facto de Enzo ter deixado o pé para expulsar Cabrera. Não contestei o vermelho mostrado ao jogador do Moreirense (aliás, defendi que deveria ter sido um vermelho direto e não um 2º amarelo).

      Há várias formas de se parar um jogador, e a maior parte delas não precisa de recorrer à violência.

      Tanto quanto me apercebi, os únicos pontos que perderam até agora foi no vosso recinto contra uma equipa chamada Sporting Clube de Portugal. Também poderia referir as capeladas e as gomesadas como um fator decisivo para sermos uns clientes tão simpáticos quando visitamos o vosso estabelecimento. Como é evidente, isso nem sequer serve de consolo, porque de facto a nossa prestação tem deixado muito a desejar muitas das vezes (e em que o 2-0 do ano passado foi o pior desses casos).

      O seu presidente não confiava em nenhum árbitro, mas lá disse "pode ser" quando lhe falaram no nome de João Ferreira. Era só uma questão de tempo até chegar a um nome que lhe agradasse. Podia sempre ter optado por não entrar naquele jogo.

      De qualquer forma, suspeito que neste momento a confiança nos árbitros tenha níveis bastante mais elevados. :)

      O meu ex-vice-presidente é arguido, e muito bem. O seu presidente, num país com uma justiça a sério, não seria apenas testemunha. Não foi nem de perto ou de longe tão grave quanto o que fizeram outros presidentes nas escutas divulgadas, mas a lei tem espaço para classificar os atos de ambos.

      Eliminar
    6. Tanto quanto me apercebi (já lá vai algum tempo...) a última vitória do sporting foi conseguida perdoando um penalty claríssimo cometido sobre o Gaitan aos 50 segundos de jogo...

      "Podia sempre ter optado por não entrar naquele jogo".
      O Colosso vai sempre a jogo. Aliás, não temos nenhum título ganho sem ser dentro do campo, como os vossos juniores.

      "O seu presidente, num país com uma justiça a sério, não seria apenas testemunha. Não foi nem de perto ou de longe tão grave quanto o que fizeram outros presidentes nas escutas divulgadas, mas a lei tem espaço para classificar os atos de ambos".
      Noto o incómodo que é falar da vergonha da ausência de sanções desportivas para o caso do "depósito". Adiante...
      Lanço-lhe um desafio, eu enuncio o espaço da lei para classificar os actos do pintor de mastros, o MdC fará o mesmo com o presidente do meu clube, assim emendando a omissão da procuradoria geral da república.
      Aqui vai:
      Crime de burla qualificada, crime de branqueamento de capitais, crime de devassa por meio de informática, crime de peculato, crime de acesso ilegítimo qualificado, crime de denúncia caluniosa qualificada.
      Fico à espera, assim como a PGR.

      Eliminar
  13. MAMA:

    http://atascadocherba.com/wp-content/uploads/2014/10/lampsroubo.png

    http://atascadocherba.com/wp-content/uploads/2014/10/tripasroubo.png

    Só 6 jornadas e a MAMA dos lãnzudos atinge proporções épicas! É só COLO e MAMA! MISERÁVEIS, ACABARAM-SE OS DVDS?!? Onde esconderam a VERDADE DESPORTIVA!

    Nádegas siamesas, a conspurcar o desporto desde a data de fundação inventada (impressionante como até na data de fundação as nádegas siamesas ALDRABAM como podem).

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olha aqui um rufia, mas este é dos bons! É como o BES, há o banco bom e o banco mau, este é um dos rufias bons.
      Mais um seguidor do clister que se propõe a limpar a m$%"$# que há entre nádegas siamesas.
      Viva o Sporting CLISTER de Portugal!

      Eliminar
    2. "MAMA"? Como se nós não choramos! Segundo o vosso presidente: "quem não chora, não mama" e quem chora são vocês...
      Por mim podes mamar à vontade, se no final tiveres de cuspir, usa um lenço.

      Eliminar
  14. A mim há outra coisa que me tem feito mais confusão: as entradas assassinas que o Talisca tem sofrido neste campeonato com a complacência dos árbitros e a encoberto de alguma comunicação social e blogs que tentam fazer passar a ideia de que os adversários devem ser mais duros para com o Talisca. Por este andar, o Homem vai acabar mais cedo para o futebol do que o Mantorras. Quando o "arrumarem" calar-se-ão as vozes dos que acham que tudo deve ser feito dentro e fora das regras para travar o Talisca. Se o Talisca arranca do meio campo e passa por meia dúzia de adversários até marcar o golo, o comentário da Sport TV só se centra na ingenuidade dos jogadores que deixaram passar o Talisca sem lhe darem uma trancada.

    Mestre, como adepto de futebol devia ficar contente por poder ter um jogador da classe de Talisca a jogar no campeonato português. Não seja mais um a incentivar à violência.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro anónimo, não quero que ninguém faça faltas violentas. Há muitas formas de parar um jogador sem que isso implique enterrar os pitons nas canelas de quem leva a bola.

      Eliminar
    2. Mas fica no ar que o Talisca tem que ser parado, nem que seja com recurso a falta (portanto violando as regras). E isso já acontece muitas vezes. E sim, já lhe enterraram os pitons neste campeonato. Numa delas saiu lesionado e o infractor foi expulso com 2º amarelo (só foi expulso porque tinha um amarelo anteriormente). Ainda acha pouco a pancada que o Talisca tem levado? Quer que lhe enterrem mais vezes os pitons?

      Há jogadores do Benfica que talvez merecessem ter sido expulsos e não o foram? Admito que sim. Nesses mesmos jogos há jogadores da outra equipa que mereciam ter sido expulsos ou amarelados e não o foram? Sim, muitas vezes. Vamos olhar só para os casos em que o Benfica é beneficiado? O Blog é seu, faça o que entender.

      Podia por exemplo olhar também para o goal average. O Benfica tem +15, o Sporting + 9 e o Guimarães e o Porto têm +8. Significa que o Benfica está 66% acima da segunda melhor equipa neste domínio.

      Eliminar
    3. A falta faz parte do jogo. A falta é um recurso que as equipas têm. Existem faltas que são toleráveis e existem faltas que não são toleráveis. Cabe aos árbitros garantirem que não há abusos, penalizando os excessos (em quantidade ou em gravidade) em conformidade.

      Eliminar
  15. Ainda ninguém falou do golo em fora de jogo do Montero?
    LOLOLOL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Penafiel estava a crescer, já tendo aos 80 minutos qualquer coisa como um remate à baliza. Ficou à vista de todos que se não fosse a ajuda do árbitro no terceiro golo dificilmente o Sporting sairia de Penafiel com algum ponto.

      Eliminar
    2. Salvou-nos de boa, mesmo. Estávamos todos aterrorizados perante o assédio ininterrupto do Penafiel à nossa baliza! :)

      Eliminar
  16. lindo o impulse do fiscal de linha , e claro o horror de talisca não levar uma cacetada em termos , onde já se viu

    ResponderEliminar
  17. Nani :

    Premier league : 146 jogos 8 amarelos
    Cãopeonato do nalguedo : 6 jogos 4 amarelos

    O Bruno Alves e o Maxi são meninos comparados com o "caceteiro" do Nani.

    Vão ver o(s) amarelo(s) mostrado(s) ao William e os que não são mostrados aos Samaris e Maxis desta vida. VERGONHA!!!!

    Esgotaram os dvds?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas foi por dar cacetadas que o Nani viu todos esses amarelos? Longe disso! É natural que ele, vindo da Liga inglesa, se sinta um rei em Portugal e ache que aqui pode reclamar à vontade. É sobretudo por isso que ele tem visto os amarelos. Ainda ontem o Salvio viu um cartão amarelo por sugerir a amostragem do cartão a um adversário. O Nani só tem que jogar futebol e não se armar em dono do jogo. Tal como eu fiquei chateado com o Salvio por ter visto um cartão amarelo completamente escusado (o cartão foi justo), os sportinguistas também deveriam ficar chateados com o Nani por ele receber cartões amarelos completamente escusados (mas também justos).

      Eliminar
    2. A explicação é simples: o gajo vê amarelo por palavras e como não sabe falar inglês (só arranha o português) na "premier" safava-se...

      Eliminar
    3. A piada é engraçada, mas por acaso já vi (ouvi) o Nani falar inglês e fala melhor inglês (fiquei espantado é certo) que o Jesus Português... Ok isto não é um bom exemplo.

      Mas fala melhor Inglês do que cerca de 80% dos Jogadores do plantel do Benfica...Ok isto também não é exemplo vocês não tem quase portugueses.

      Eliminar
  18. Sem o colo, o asslb não tinha metade dos pontos.
    Não jogam NADA.
    Ontem, esquecendo o penalti flagrante não assinalado perdoando os novos donos do sistema, levam um massacre do Arouca na primeira parte. São miseráveis!

    Tenho aqui uns dvds que posso emprestar, seus gatunos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nem metade?!
      Eh lá...

      Até era capaz de ter pontos negativos :) :)

      Eliminar
  19. Quanto à possibilidade do jogo Covilhã-Benfica ser em Aveiro, não acho bem. Mas aqui a grande responsabilidade é do Covilhã que aproveita a oportunidade para fazer receita. Até nisto o Interior socumbe ao poderio do Litoral. A situação acontece com o Benfica, como poderia acontecer com o Sporting ou o Porto. É evidente que também dá jeito ao Benfica, como daria ao Sporting ou ao Porto se estivessem na mesma situação. Independentemente do clube beneficiado, sou contra.
    Saudações benfiquistas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro anónimo, eu não estou a responsabilizar o Benfica por o Covilhã ponderar mudar o local do jogo para Aveiro. Se reparar naquilo que escrevi, não o estou a fazer. Mas é uma "facilidade" que certamente o Benfica não desdenhará. Um abraço.

      Eliminar
    2. Caro, Mestre, também fiquei com a ideia de que não estaria a responsabilizar o Benfica. E neste aspecto, parece-me que temos posições muito semelhantes, se não coincidentes.

      Mas a facilidade era ainda maior se o sorteio tivesse dado Benfica- Covilhã. Neste caso o sorteio foi padrasto para o Sporting. Isto é se os sorteios são realmente aleatórios. Mas isso é outra conversa.

      Eliminar
    3. "P.S.: se por acaso o Benfica se lembrar de oferecer os seus 37,5% da receita e se o jogo se realizar em Aveiro, será um escândalo - porque se tratará literalmente da compra de um jogo em campo neutro."
      "Caro anónimo, eu não estou a responsabilizar o Benfica por o Covilhã ponderar mudar o local do jogo para Aveiro."
      Claro que não... mas no entretanto lança-se já mais lenha para a fogueira!
      Outro anónimo que não o do comentário original

      Eliminar
    4. Caro Outro anónimo :), compreendo que não lhe doa o facto de o Benfica ser dispensado de jogar no terreno do adversário, como já aconteceu no ano passado com o Arouca ou há 10 anos com o Estoril.

      Se o mesmo se passasse com outra equipa talvez o assunto o revoltasse um pouco mais.

      Eliminar
    5. MdC, revoltar-me-ia exactamente o mesmo, ou seja, quase nada. Penso que há coisas mais importante com que temos todos de nos preocupar.
      Agora se me perguntar se concordo com estas alterações, a resposta é não. Especialmente na Taça. Com os desequilíbrios que o país tem, se até estas alegrias menores são retiradas às pessoas das pequenas localidades, ficam com o quê?
      O que realmente me incomoda contudo é a tendência de em tudo se criar climas de suspeição e teorias de conspirações maquiavélicas.
      O outro anónimo.

      Eliminar
  20. Para o palhaço lampião quando o fifica e encavado na Europa já pias baixinho.

    ResponderEliminar
  21. Caro MdC, hoje os "pedros guerras" da blogoesfera estão cá todos. É assim como que um enfiar da carapuça em massa! O MdC tem cá uma paciência... :)
    Eles bem podem tentar lavar mais branco mas não há lixívia que tire as nódoas destas primeiras 7 jornadas.
    Tem sido um colo e um inclinar de campos tal que só encontro paralelo nas "melhores" épocas do oporto das décadas de 80 e 90. Mas eles gostam, óh se gostam! Limpinho!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também tenho que ser justo e reconhecer que o oporto e o pedro "querido" proença continuam em grande forma. Aquele penalti perdoado ao cepo do Indi na última jogada do jogo é qualquer coisa! Limpinho!

      Eliminar
    2. Sar, o que posso dizer? Não passo de um incendiário com uma grande imaginação e que apenas fecha os olhos aos agarrões de Slimani e aos cartões perdoados a André Martins... :)

      Proença vai acabar a carreira em breve e já deve estar a pensar nos cargos que se seguem. Se um árbitro com a experiência dele não tem coragem para apitar o que tem que ser apitado, quem terá? Curiosamente, quando o Estoril ganhou no ano passado ao Porto com um golo de penálti perto do fim, foi preciso um árbitro corajoso para a assinalar: Vasco Santos, o mesmo que encavou o Sporting contra o Setúbal e o Estoril contra o Benfica na semana passada... :)

      Um abraço.

      Eliminar
  22. Só para acrescentar que, no final da 7ª jornada e de acordo com as estatísticas do Match Center da Liga, o Sporting cometeu 100 faltas, tendo os respetivos jogadores sido penalizados com 24 amarelos (neste número estão contabilizadas as duas situações em que foi mostrado duplo amarelo a William e Jefferson, ou seja, podemos falar de 20 amarelos + 2 expulsões por acumulação de amarelos). Já o Benfica viu serem assinaladas 109 faltas contra, tendo os respetivos jogadores sido penalizados com… 16 amarelos. Palavras para quê, é o sistema lampião, pois então…

    SL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Há um erro de base nesse raciocínio. Vários dos cartões recebidos pelos jogadores do SCP não estão relacionados com faltas mas com protestos e discussões com o árbitro.

      A bem da verdade dos números.

      Eliminar
    2. Sim, como toda a gente sabe o Luisão, Maxi e Companhia são uns gentlemans a discutir decisões arbitrais e, por isso, não vêm amarelos nesse tipo de circunstâncias...

      Eliminar
    3. Com certeza que não são. Não se defendeu isso. O que se chama a atenção é que o argumento que usa tem um problema de base. Uma equipa pode terminar o jogo com 0 faltas e 3 amarelos se os seus jogadores discutirem decisões e prostestrem de forma inadequada.

      Vir com o argumento dos X faltas = a Y cartões não é totalmente correcto. Foi só isso que se salientou.

      E isso vale para qualquer clube, embora o caríssimo só veja "lampiões" à frente. O Eduardo Sálvio já tem 3 amarelos e julgo que por situações de protestos.

      Saudações,

      Eliminar
    4. Meu Caro,

      Claro que percebo o seu argumento, mas o que me parece é que, no caso em apreço, não tem aplicação. Pelo que vou observando nos jogos não me parece que os jogadores do Benfica (já para não falar do treinador...) sejam mais corretos a expressar a sua discordância com as decisões arbitrais do que os do Sporting. Por isso, admitindo uma situação ceteris paribus no que respeita à forma como contestam as decisões arbitrais, restam as decisões relativas às faltas. Claro que também aí se poderá dizer que as faltas não são todas iguais, mas há aquela coisa da lei dos grandes números e sete jornadas já começam a definir um padrão... Pode ser que esteja enganado, mas lá mais para a frente, com um terço do campeonato disputado, vamos voltar a analisar estes números para ver se confirmam ou não esse... padrão "lampião"...

      Saudações (leoninas, pois claro)!

      Eliminar