terça-feira, 13 de setembro de 2016

Reembolsar ou não reembolsar: eis a questão

Ainda sobre a problemática da obrigatoriedade de o Sporting ter que usar uma percentagem significativa das suas vendas para abater a sua dívida bancária, parece-me interessante olhar um pouco para a realidade em que os seus rivais vivem, ou seja, na inexistência de acordos que os forcem a pagar o que devem à banca, à medida que vão registando mais-valias com a venda de jogadores.

O CIES (observatório de futebol) divulgou recentemente um quadro com os clubes que mais receitas geraram através da venda de jogadores, entre 2010 e 2016. Benfica e Porto aparecem no quadro, em 4º e 5º lugar, respetivamente.


Mesmo considerando que muitas dessas vendas foram realizadas em mendilhões, não deixam de ser números impressionantes - com destaque para 2015, ano em que ambos os clubes alcançaram o seu recorde de vendas (€103M o Benfica e €100M o Porto).

Seria de esperar que, perante tamanho nível de receitas, a dependência dos clubes dos empréstimos da banca tendesse a diminuir, certo? Errado.

O Porto, neste período, registou a seguinte evolução:


De assinalar que entre 2014 e 2015, o Porto passou a englobar a empresa detentora do Estádio do Dragão nas suas contas, o que justifica parcialmente o aumento verificado entre esses dois períodos.

Por sua vez, o Benfica registou a seguinte evolução:


Portanto, apesar das dezenas de milhões de vendas faturadas todos os anos, a regra é de crescimento da dívida, e não o oposto. No caso do Benfica há agora uma ténue tendência de redução, que coincidiu com os melhores anos de vendas da sua história. No Porto, há também uma ligeira redução de 2015 para o 3º trimestre de 2016, mas há que perceber qual será o impacto do último trimestre - habitualmente com poucas receitas mas muitos custos - nesta evolução.

Evidentemente que, neste período, ambas as SAD's conquistar vários títulos no futebol, o que é, em última análise, o seu grande objetivo - e não a redução da dívida bancária e obrigacionista -, mas se não conseguiram reembolsar uma parte significativa dos empréstimos aos bancos num período bem largo de vacas gordas, o que acontecerá caso, de um momento para outro, esta bonança de receitas extraordinárias desaparecer?

59 comentários :

  1. ssshhhiiiiuuuu... não digas disparates!! Então mas ganharam! Tudo o resto não interessa! O Sporting é que está mal! O facto dos 4 clubes da Lavandaria Mendes aparecerem na lista é pura coincidência.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. nem mais... falência? pouco importa, pouco importa!

      Eliminar
    2. O problema até não é o pagar... então o Venfica ganhou > 400 milhões em vendas nestes 5 anos, e é neste período que tem 4 ou 5 Empréstimos Obrigacionistas sucessivos... alguns para pagar outros é certo... e actualmente com 2 pendentes no valor total de 90 milhões!!??

      É que nesse caso pode-se dizer que entraram mais de 500 milhões extraordinários no clube. mas se gastaram quase outro tanto em compras então ainda é muito mais grave... pois dava para super craques e não há lá nenhum!

      Para onde é que foi o dinheiro?

      Eliminar
  2. Um dos maiores paradoxos do futebol. Quando mais dinheiro de jogadores entra é quando a dívida mais sobe. Inexplicável.

    Mais um bom post Mestre

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Só para clarificar, eu não me importo com as duas nádegas, é só um aviso para não nos voltarmos a meter com sanguessugas que se fazem passar por ultima coca cola do deserto

      Eliminar
    2. Diogo

      O Mendes riu-se... e o Vieirinha quer que ninguém o veja...

      Eliminar
  3. Boa tarde Mestre,

    Podia expor também a evolução dos empréstimos do Sporting?
    Agradecido,

    SL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Miguel, não coloquei os empréstimos do Sporting porque o clube pouco vendeu nestes anos.

      Eliminar
  4. Não vale a pena, está uma análise séria, mas não é nada que os sportinguistas não saibam. Quanto aos outros, enquanto os mendilhões forem entrando, assobia-se para o lado e empurra-se com a barriga.

    Não tenho dúvidas que o Sporting, obrigado ou não, estando a reduzir a dependência bancária é a única hipótese.

    E digo mais, se o Benfica com 300M dívida, não tivesse algum tipo de benefício bancário (como apregoam, e bem, que o Sporting tem), então o serviço da dívida seria incomportável, mesmo com as "enormes" receitas geradas em mendilhões.

    ResponderEliminar
  5. Mestre, estou preocupado com o Sporting, agora que já conseguimos vender os nossos jogadores por milhões sem a ajuda do Super Agente o nosso passivo vai com certeza disparar.

    ResponderEliminar
  6. A questão é que todos os clubes aumentam passivo, mesmo no estrangeiro. Como alguém dizia, o passivo não é para pagar, é para gerir.
    E é por isto que se vai observando que eu não acredito que o passivo do Sporting baixe (nem o do benfica, nem nenhum). Baixa pontualmente e pouco, normalmente antecedendo novo aumento significativo.
    Penso que o motivo tem a ver com a natureza do negócio da banca. A banca vive sobretudo de juros de grandes dívidas. E por isso é que é importante manter os clubes endividados pois vão recuperando grandes fatias em juros.
    No caso do Sporting, quase que aposto que a obrigatoriedade se vai transformar em empréstimos de outras naturezas para manter o ciclo de dívida vido. Como sócio espero estar enganado, naturalmente.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isso e' muito bonito mas enquanto tens paises que "gerem" a sua divida alimentando outros, tens os outros que vivem disso. Se nao estou em erro, acho que, a Holanda com o que recebe de juros consegue pagar os seus compromissos financeiros.

      E' um assunto delicado, a verdade e' que interessa a muita gente emprestar dinheiro. Se nao tens responsabilidade na "gestao" da divida o mais certo e' a falencia.

      O que nao quer dizer que nao se deva pedir dinheiro emprestado, como e obvio, mas e' preciso fazer contas e perceber se estamos a individar para melhorar e antecipar niveis de progresso ou a viver uma realidade virtual que nao teremos como a pagar.

      Com a economia europeia a estagnar entao mais delicado e' este assunto. E um clube/empresa nao e' um pais.

      Eliminar
    2. Quem eu ouvi dizer que "a dívida não é para pagar, é para gerir" foi o Sócrates e (infelizmente) todos sabemos como isso acabou...

      Eliminar
    3. Sim o Sócrates disse isso mas não é o único. Um clube não é um país realmente. No entanto ambos se endividam muito para além do admissível e não desaparecem como era suposto. Os prazos de pagamento são chutados para o futuro.

      Eliminar
    4. isso e uma grande verdade, chutam para o futuro (enquanto ouver quem queira correr o risco e tentar ganhar dinheiro com isso). No caso portugues, os proximos 40 anos estao hipotecados.

      Quanto a nao desaparecerem... e* ate ao dia, tens exemplos nos EUA de bancos gicantescos que simplesmente desapareceram.

      Provavelmente se isso acontecer ao Benfica era nacionalizado e nao desaparecia os 14M de portugueses que vivem em territorio nacional eram chamados a pagar.

      Eliminar
  7. Preparai-vos é para a festa de amanhã. Diz o Ronaldo que este ano é para bater o recorde de golos na CHampions.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. que venças mais logo e o fecepe também, bem precisamos de pontos, se não...
      o ronaldo faça o trabalho dele e nós também. se for uma alegria para nós, óptimo. se for uma alegria para vocês tasse bem!

      Eliminar
    2. Nunca é. Por acaso vibro com as vitórias PTS. Mas já vi muito jogo do Real para constatar que eles ganham de qualquer forma. Há sempre qualquer coisa a protege-los. E não é por serem audazes. Diria que o Vilar tem muita força na Fifa ou Uefa, não me recordo.

      Eliminar
    3. na brincadeira, quantos são a apoiar o real amanha? :)

      Eliminar
  8. o guerra está a analisar esses documentos todes e irá dar às 17h um briefeinge para os "familiares" não se esquecerem do que irão dizer na próxima segunda feira :)

    ResponderEliminar
  9. O Sporting não tem benefício bancário nenhum... O que o Sporting tem é um contrato discutido, aliás, longamente discutido, acordado e assinado com entidades financeiras... e desse, como em qualquer contrato, só os livres outorgantes são responsáveis... e assumem as suas decisões... num colégio de administradores e/ou nas assembleias gerais de accionistas, entre outras, das respetivas entidades...

    Ainda no que toca a dinheiros... Então não foi o Sporting... OBRIGADO a fazê-lo por via da majoração dessa dívida... Coisa que não vemos acontecer noutras paragens... Não será isto um benefício verdadeiramente real...

    Mas benefícios são mais, as jogadas 'limpinhas', 'limpinhas' das câmaras municipais (é melhor nem puxar o fio...), das santas casas com, p.ex., cedências de terrenos para usufruto e, inacreditável, possibilidade de os comercializar à posteriori... São acordos (Bin)garistas, são compadrios nas Comissões de Mercados, são, acima de tudo, um fechar de olhos permanente a tudo o que se passa, que vai sendo do conhecimento público ou pelo menos de suspeita pública, e não há entidade neste país que, no mínimo, questione qualquer das nádegas acerca de porra nenhuma... Isso é que são benefícios...


    SAUDAÇÕES LEONINAS

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. DA minha parte duas questões:

      Mas não foi o Jorge que ganhou sozinho?

      Não há uma palavra para o facto de num Real MAdrid - Sporting, a pergunta feita por jornalistas portugueses ao Zidane, não é o que acha do Sporting, mas sim o que acha do Jorge? Nada? Ainda mais grave a pergunta ter sido feita por um Inácio, e que a resposta chavão que seria igual fosse o treinador o Sá Pinto, seja pagina principal do Rascord.

      Já não é apenas o facto de ser o Jorge que manda no Sporting, o Sporting neste momento começa e acaba no Jorge.

      Eliminar
    2. eheh escusas de vir para aqui com o briefing ... achas mesmo que isso nos incomoda ;)

      Eliminar
    3. Tadi, falaram-te em benefícios, indicaram para onde olhares e tu torceste o pescoço 180ºs. E, em vez de estares quieto, não, debitas uma treta qualquer ... Não achas nada estranho no teu comportamento?

      Eliminar
    4. 180º!?

      A cabeça deste da mais voltas que o meu catavento num dia de vendaval!

      Eliminar
    5. O JJ ganhar sozinho o campeonato e passar a fase de grupos da Champions???

      Assino já por baixo e até me comprometo a festejar no marquês com um cartaz a dizer "BdC o mérito é todo do JJ. JJ é Deus".

      Eliminar
  10. Isso é aquilo que eu tenho dito ao logo dos tempos e é mais ou menos assim,quanto mais vendem mais devem !...ehehehehehehehehe

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. era uma bela merda que o gordinho flopes estava a querer fazer no sporting, a ir na cantiga do mendilhones. alguém se deve recordar do lipoaspirador, dizer que o slbe e o fecepe, andavam a fazer negócios, como se fosse uma roda que está sempre a rolar, paga aqui, pede ali emprestado, para pagar o que deve ali.
      os directores de informação do jornal abola, record e ojogo devem se lembrar dessa conversa.

      Eliminar
    2. estes gajos do zerozero são uns parolos que até me cai o queixo, da estupidez que este parolos são hahahahahahah
      http://prnt.sc/chjs37

      Eliminar
    3. Qual o problema ?
      Acho muito bem o ZeroZero congratular alguém que nasceu em 1908, neste caso o Selo B.

      Com uma alteração aqui e ali nos respectibos Bilhetes de Identidade e já pode entrar com o Sanches em qualquer "Disconaite"

      Eliminar
    4. não é "Disconaite" que isso é piroso, agora e "Nachtclub" é mais moderno :)

      Eliminar
  11. Era interessante indicar a evolução dos empréstimos do Sporting, para se comparar e todos nós tirarmos ilações.
    SL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pedro, não coloquei os empréstimos do Sporting porque o clube pouco vendeu nestes anos.

      Eliminar
  12. Em último caso fazem como fez o seu clube. Dizem que não pagam! E negoceiam com pagamentos obrigatórios. Qual é a dúvida?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ok ... e o que vos impede de o fazer ? Se é mais benéfico já deveria estar feito ... não?

      Ou será porque assim os comissionistas e os mendilhões se tornavam mais evidentes ;)

      Eliminar
    2. Como o teu Presidente. Vai para as holdings do Estado que assumem dividas. Não há dúvida.
      Talvez por isso, falta de credibilidade, há quem não possa negociar, por terem envolvido dividas pessoais com as do clube. É que não ter ordenado há mais de 10 anos e tornar-se um dos gajos mais ricos deste País é obra.
      Por falar nisso já começaram a receber da Emirates ?

      Eliminar
    3. Mas podem sempre fazer isso. E abrir os livros de contas aos bancos, aceitar ter gestores nomeados pelos bancos, aceitar divulgar todas as contas de todas as transferências aos bancos e aceitar alocar uma percentagem das vendas no abatimento das dívidas. Achas que o Vieira ia querer isso?
      O que não podem é vir chorar que o Sporting tem melhores condições quando as duas situações não são comparáveis.
      O reestruturação da dívida tem lados positivos e negativos. Não podem querer só os positivos. Mas como a maioria dos comentadores (na TV e nos blogs) são desonestos, não me surpreende que venham com essa conversa...

      Eliminar
    4. P qual é a parte de não pagar e reestruturar ser um último recurso que não percebeste? Nada nos impede... Nunca nada te impede de uma solução de último recurso no entanto há outras soluções antes (para que cortar o braço se só tens de cortar a unha?). Se o Benfica paga. Se o Benfica tem quem empreste porque deve não pagar e sujeitar se a uma reestruturação? Vocês sujeitaram se porque não conseguiam pagar! Não foi de livre e espontânea vontade!

      Francis tens noção que o Benfica paga os empréstimos? E que tem quem lhe empreste? Não é como no caso do teu clube! Quem não tinha credibilidade eram vocês que não conseguiam pagar. Emirates? Consulta o rc... Nós temos lucro a 3 ou 4 anos consecutivos... Vocês em 3 de bdc tem um somatório negativo de 12M. Queres mesmo falar de contas?

      Oliveira doi o cotovelo de que? Ter lucro? O clube ter empréstimos e pagar? Acorda para a vida.

      Zfs MSG vocês fizeram isso de livre vontade? Não. Simplesmente não conseguiram pagar e tiveram de ser sujeitar. Darem se como exemplo? Só se for de caloteiros que tem de ser obrigados a pagar! Ainda bem que o Vieira não quer isso... Prefere pagar!

      Vocês não percebem que não é uma questão de querer! Vocês não quiseram... Não tiveram outra hipótese. Ou era aquilo ou fechavam!
      Vocês não pagam porque querem é podem... Pagam porque tem um acordo que obriga! O Benfica cumpre os pagamentos a risca.
      Vocês tiveram de ser sujeitar para ter alguma folga financeira... O Benfica faz empréstimos como outra qualquer empresa!
      Vocês são o vizinho caloteiro... Obrigado pelo banco a pagar parte do ordenado para pagar dívidas... a tentar gozar com o vizinho que tem acesso a cartão de crédito e paga no fim do mês o crédito desse mês.

      Eliminar
    5. Pelos vistos nao cumpre os pagamentos a risca. Que o digam jj e talisca, pelo menos!!!

      Eliminar
    6. Só não és caloteiro, porque tinham um administrador do defunto "BES" a embrulhar a V/ dívida e a distribuí-la como se fossem doces pelo "novelo" do grupo. E nem pego em todas as benesses fiscais e municipais que a V/ agremiação recebeu nos últimos vinte anos. Nós tivemos incompetentes a liderar o clube, o que adicionado com o facto de nada nos ter sido dado de "mão beijada" (as tais benesses) levou o clube à beira do abismo. Foi necessário recuperá-lo... e assim foi feito. Toma vergonha na cara quando falares de beneficios, porque os do teus clube saíram do bolso dos contribuintes e não em redução de lucros de qualquer banco!!

      Eliminar
    7. Claro que o Benfica paga. paga o empréstimo obrigacionista, com outro empréstimo obrigacionista inflacionado. ISTO É PAGAR DÍVIDA?

      Eliminar
  13. Isto da obrigacao de reembolsar a divida e uma nao questao. Entao se o Sporting "perde" dinheiro por reembolsar a divida, isso significa que se amanha pedir novo emprestimo "ganha" alguma coisa? O que interessa e a situacao patrimonial do clube, que esta equilibrada com as recentes vendas. E uma vez que a situacao patrimonial esta resolvida, o que verdadeiramente interessa e que as receitas e custos operacionais, sem vendas de jogadores, estejam equilibrados. Ficamos a 10 milhoes desse objectivo na epoca passada, mesmo sem liga dos campeoes e sem patrocinio nas camisolas durante metade da epoca. Se os salarios do plantel nao subirem muito este ano, estamos la perto.

    ResponderEliminar
  14. Mestre, percebo a pertinência do teu ponto de vista e não o desvalorizo.

    Contudo, mais do que o valor da dívida, penso que a verdadeira questão é qual o impacto da divida na capacidade do clube montar um plantel capaz. Se a dívida resultar em títulos e retorno, é positiva. Se a dívida consumir de tal forma recursos que torna o plantel mais fraco, é negativa. Se se contraiu dívida para ganhar durante um determinado período de tempo e depois passar por algum tempo de jejum, é uma opção.

    Nós Sporinguistas estamos sempre tentados a achar que o nosso clube está um passo à frente dos outros. Devemos ser cautelosos nesta abordagem. Temos ganho pouco, e isso tira-nos credibilidade. É certo que o ideal é montar um clube de sucesso com base em dívida pouco significativa, mas mais que isso, é no equilíbrio entre dívida e competitividade que está o mérito da questão.

    Neste sentido, parece-me que o recente afluxo de dinheiro que se concretizou e perspectiva no Sporting, nos faz pensar que estamos um passo à frente. Contudo, devemos ter em atenção que os adversáris têm contratos televisivos semelhantes (ou mesmo ligeiramente melhores), apesar de ser inegável que nos aproximamos de forma significativa. Relativamente ao impacto negativo da dívida, nominalmente as dívidas são semelhantes, em em juros as diferenças devem ser de cerca de 20M ano. Esta parece ser a vantagem competitiva do Sporting, aliada à incapacidade dos rivais para contrair dívida adiciona (algo que também não queremos no Sporting...)

    Paralelo a isso, tudo se passa dentro de campo (ou devia). Aí Jorge Jesus é uma vantagem incontestável. Outro aspecto são os jogadores que vêm da formação, e da sua relação custo/qualidade. Aí parece-me que no futuro Porto e Benfica levem alguma vantagem, mas o Benfica principalmente também tem custos associados muito significativos. Na formação, os custos têm de ser muito bem controlados na minha opinião, ou rapidamente se cria um corpo sem cabeça, ou seja, uma equipa A que não permite o desenvolvimento de jovens talentos. Nesta óptima, a equipa B e a capacidade de emprestar jogadores a outros clubes da primeira liga (mais qualidade contra os rivais, menos contra nós) também pode ser algo muito importante (vide Moreirense).

    Em resumo, a dívida nao deve ser analisada isoladamente e é no binómio investimento/qualidade do plantel que reside a verdadeira questão.

    Um abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esta sempre à frente... Chegou a bancarrota primeiro. Lol. Falta de noção.

      Eliminar
    2. Excelente comentário Abel. Concordo com todo o seu comentário. Já se nota nesta equipa B a falta de qualidade de alguns jogadores.
      De notar que uma critica feita de um sportinguista aos sportinguistas é vista por um lampião como uma presunção sportinguista.
      São burros os lampiões , chegamos sempre a essa conclusão.

      Eliminar
    3. Nuno Martins, já tu tens falta de honestidade intelectual.

      Nenhum Sportinguista achou que ia à frente de alguma coisa no ano do 7º lugar.
      O Godinho está para nós como o Vale e Azevedo está para vocês.

      Quando dizemos que os sportinguistas estão tentados a achar que o Sporting está um passo à frente dos outros OBVIAMENTE não nos estamos a referir aos anos dos Godinho, nem que efectivamente estamos mesmo à frente dos rivais.

      Tal como quando vocês dizem que o "Sporting nunca ganha nada" OBVIAMENTE não se estão a referir ao tempo dos 5 violinos.

      Também costumas associar o BdC aos 14 anos sem ganhar do SCP, mas o BdC apenas tem a responsabilidade sobre 3 desses anos. E nesses 3 anos, imediatamente após a tal bancarrota que referes, é unanimemente reconhecido que era difícil fazer melhor, porque os dois rivais estavam muito à frente na qualidade da equipa, receitas, finanças, estrutura, etc.

      Passas a vida a referir que o Sporting teve 12 milhões de prejuízo nos 3 anos de mandato do BdC, mas se virmos bem é uma ninharia:
      - 15 milhões (doyen) podem ser recuperáveis, apesar de ser muito improvável.
      - As duas maiores vendas de sempre do SCP, que renderam 54 milhões, ainda não foram consideradas.
      - O plantel/estrutura melhorou 10 vezes de qualidade.
      - As receitas triplicaram permitindo o aumento do orçamento.
      - O Sporting está mais forte nas modalidades.
      - Estamos a construir um pavilhão.

      Com o BdC apenas na formação estamos mais fracos e em parte se deve ao super investimento do Benfica nesta área, mas o trabalho dele é globalmente excelente, tendo em conta as circunstâncias em que apanhou o clube.

      Eliminar
  15. Correcto!
    E o que teria acontecido, se os bancos não tivessem sido "tão compreensivos e afáveis" em aceitar adiar as vmoc's mais 10 anos?

    E convinha também falar dos activos!
    Porque isso das dívidas e passivos, é tudo correcto, faltando apenas falar dos activos de cada clube

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Näo sejas palerma. Adiar as VMOCs por dez anos fazia parte do acordo inicial, feito em 2013 ou 2014. Não foi decidido em janeiro de 2016.

      Eliminar
  16. Ontem passaram-se sei lá, mais de 6 horas sem os comentários serem actualizados.
    Perde-se toda a dinâmica.. toda a interacção. Depois à posteriori, respondem, cada um à sua maneira, tipo cada cabeça cada sentença e tudo se esvai pelo cano do esquecimento...


    Mas, como este é um Post que fala também de contas e fala do FCP e do SLV, vou voltar a insistir sinteticamente com palavras prosaicas e com contas de merceeiro..

    Em termos gerais:

    O SLV tem cerca de 4,12 milhões de adeptos e tem um Passivo Total global (Clube + SAD) de mais de 650 Milhões.

    O FCP tem cerca de 2,94 milhões de adeptos e um Passivo Total Global (Clube + SAD) de cerca de 370 Milhões.

    O SCP tem cerca de 2,77 milhões de adeptos e um Passivo Total global (Clube + SAD) de 510 Milhões de Euros.

    Isto em termos gerais, genéricos e globais.. escusam de barafustar, negar, balir,latir, miar, rosnar, piar, cacarejar. Desde o 25 Abril para cá, o FCP venceu 22, o SLV 15 e o SCP 5 campeonatos. O FCP tem 7 Títulos Internacionais, o SLV 2 e o SCP 1.

    Os Estádios do SLV e SCP só lá para 2026 é que serão pagos.. E, mesmo tendo tido 3 épocas menos boas, o FCP está no 12º lugar e o SLV é 9º no Ranking da UEFA. o SCP está em 51º lugar!!


    Assim que sobre contas estamos conversados. Não é por cair neve uma vez em Lisboa no Campo Grande que se acaba a Primaverea!!


    P.S. - Para o Sr Francis que diz que tem 53 anos. Olhe sr Francis o meu sogro tem 85 aos e o meu pai tem 83 anos. Também eles viram e sofreram na pele muitas coisas nas décadas de 40, 50, 60, 70... e ainda agora também. E eu, eu tenho 48 anos e também desde 1980 que acompanho o que se passa no futebol.. e também já vi o meu clube ser espoliado, prejudicado muitas vezes. Ainda no sábado no Dragão fomos roubados em casa e há 15 dias o fomos em Alvalade.. assim que escusa o sr Francis de se fazer de vitima. SIM, eu admito que de 1987 a 2002 o FCP dominou e mandou no Sistema. Sim, foram 15 anos.

    E, QUEM mandou e dominou (domina) nos outros 80 anos de futebol em Portugal?!

    Assim que não se faça de anjinho. Nos anos 40 e 50 o SCP também se fartou de mandar no 'Sistema?!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Será possível saber a fonte que fez a contagem estatística do nº de adeptos?

      Será possível saber qual o interesse, para além da curiosidade estatística, da relação Passivo/Nº de adeptos?

      Eliminar
  17. Ou seja uma dessas quaisquer agência de rating (S&P, Fitch, ou Moody's) daria a estas instituiçoes, um rating abaixo de "lixo" talvez um CC-

    Admira-me é ainda terem credito na banca...

    ResponderEliminar
  18. Mestre, "o que acontecerá se esta bonança de receitas extraordinárias desaparecer?"
    Simples: "Lá vamos, / cantando e rindo / levados, levados sim..."

    Os nascidos depois de 1965 não sabem o que é isto. Para os curiosos, deixo o link:

    https://pt.wikisource.org/wiki/Hino_da_Mocidade_Portuguesa

    ResponderEliminar
  19. O plano de redução de dívida do Midas passa por dar um calote ao último mês de ordenados dos trabalhadores que vão sair ou ser emprestados.

    #PaguemAoTalisca&Jesus
    #MidasSchoolOfEconomics
    #Alverca2.0

    ResponderEliminar