quinta-feira, 25 de janeiro de 2018

Combate contra o karma

A Taça da Liga continua a ser a menor das competições oficiais que o Sporting disputa. Não tenho nenhum desejo especial de vencer a Taça da Liga, pelo que não ficaria particularmente aborrecido se tivessemos sido eliminados ontem. No entanto, não se pode menosprezar a importância desta vitória (mesmo que em penáltis): uma eliminação - ainda mais na ressaca daquele empate em Setúbal - poderia ter um impacto psicológico profundo no plantel e nos adeptos numa fase em que se joga grande parte do sucesso da época. 

A exibição esteve longe de ser brilhante - o Sporting só esteve claramente por cima do jogo nos primeiros vinte minutos -, mas nunca senti que o adversário alguma vez nos tenha conseguido encostar atrás como aconteceu na Luz contra o Benfica ou em Alvalade contra o mesmo Porto. Ou seja, houve algum controlo dos acontecimentos por parte do Sporting, suponho que em parte por se saber que, indo a decisão para penáltis, teríamos melhores hipóteses do que o Porto para nos qualificarmos para a final. Uma vez nos penáltis, lá apareceu Rui Patrício a fazer o que costuma fazer...




O suspeito do costume - Rui Patrício não teve grande trabalho durante os 90 minutos regulamentares, mas quando a decisão foi para os penáltis, o Sporting parte quase sempre em vantagem tendo o guarda-redes que tem. São Patrício é um especialista nestas séries, e ontem voltou a prová-lo. Uma referência do clube a quem apenas falta o campeonato para subir ao estatuto de lenda.

Combate contra o karma - encarámos o karma de olhos nos olhos com as opções tomadas para bater os penáltis. Perdemos o primeiro round quando William falhou. Com enorme determinação (ou loucura?), fomos para um double or nothing com Bryan Ruiz... e ganhámos! Excelente para o clube, e excelente também para um jogador que não merece a etiqueta que lhe foi colocada por causa do golo que falhou há dois anos. E por falar em karma...


O "milagre" de Coentrão - se dúvidas existissem, nossas e do próprio jogador, em relação à capacidade física de Fábio Coentrão, ontem elas terão ficado definitivamente dissipadas. Não quer dizer que não possa haver um azar já no próprio jogo - knock on wood - mas o lateral tem ultrapassado com distinção a sequência de jogos consecutivos que tem realizado, sem nunca deixar de colocar tudo o que tem em lances divididos, e independentemente do adversário direto que lhe apareça pela frente. Ontem foi Marega, que, não sendo o mais jeitoso dos jogadores, é difícil de controlar pela sua força e rapidez, mas Coentrão voltou a fazer um grande jogo. Mérito do jogador, obviamente, e também do departamento médico de excelência que o Sporting tem à sua disposição.



Nota artística - a vitória foi saborosa, como é óbvio, mesmo que a exibição não tenha sido brilhante, de parte a parte. O Sporting rematou pouco à baliza de Casillas, dispondo de apenas duas verdadeiras oportunidades para marcar - cabeceamento de Coates ao poste e remate de Bruno Fernandes bloqueado por Telles -, mas o Porto, rematando mais em virtude de uma abordagem muito mais direta, conseguiu, na minha opinião, criar apenas duas grandes situações de golo - remate frouxo de Ricardo Pereira após boa jogada individual e a oferta de Mathieu a Aboubakar. Jogo tão transpirado como desinspirado, de parte a parte.

A arbitragem - a decisão de não assinalar penálti de Danilo sobre Dost é absurda. Dost está um pé adiantado no momento em que o cruzamento é feito, mas está a ser agarrado e abraçado muito antes de conseguir ter parte ativa no lance. Nestes casos, a lei diz que o penálti tem precedência sobre a posição de fora-de-jogo. A decisão de anular o golo a Soares é boa, porque o brasileiro parece efetivamente adiantado, mas não ficaria escandalizado se o VAR tivesse optado por validar o golo. De resto, a arbitragem foi fraquíssima, com um critério disciplinar enviesado que permitiu excesso de agressividade aos jogadores do Porto - como é possível, por exemplo, que Filipe não tenha sido expulso por aquela entrada bárbara sobre Rúben Ribeiro, que Oliver não tenha visto cartão ao acertar na cara de Battaglia, ou que William tenha visto o primeiro amarelo do jogo quando, minutos antes, Soares tinha sido poupado por agarrar Rúben Ribeiro quando este ia entrar na área? - mas excessivamente rigoroso na gestão das faltas e faltinhas - muitas assinaladas desnecessariamente, outras que foram erros óbvios, principalmente ao apitar várias faltas ofensivas de jogadores do Sporting que não existiram. Se o jogo foi fraco, em parte também se deveu à má condução de jogo de Nuno Almeida. 

A lesão de Gelson - já andava a ameaçar, ontem quebrou. Esperemos que não seja grave.

As opções para a marcação dos penáltis - nunca atacarei William por ter avançado para marcar o quinto penálti - é um jogador que nunca se esconde nestes momentos -, mas, que raio, já sabemos que está longe de ser um especialista no momento do remate à baliza. A decisão foi incompreensível e deve ter deixado o universo sportinguista à beira de um ataque de nervos, principalmente quando Montero e Bryan estavam disponíveis. 



Ao fim do terceiro clássico/dérbi da época, o Sporting continua invicto nas competições nacionais. O raciocínio sobre o que se evitou ao não perder também se pode inverter, ou seja, um sucesso sobre um adversário direto ajuda sempre a ganhar confiança, e creio que isso permitirá libertar algum vapor da muita tensão que existe nos adeptos e na equipa. Agora, convém que ninguém se esqueça que a vitória de ontem não servirá de nada se não vencermos a final, pelo que é preciso abordar o jogo de sábado com níveis máximos de concentração e sem qualquer displicência. 

Sendo a Taça da Liga uma competição em que nos tem acontecido de tudo - a forma inesperada como perdemos a nossa primeira final, o escândalo da Taça Lucílio Baptista, o episódio do dolo sem intenção, etc.), continuaremos o combate contra o karma defrontando a mesma equipa que nos derrotou na final da primeira edição da prova. Acredito que haja muita vontade nos jogadores em "vingar" o empate de sexta-feira passada, e, se assim for, ficaremos muito mais próximos de conquistar a Taça da Liga pela primeira vez no nosso historial.

27 comentários :

  1. A somar ao nosso Grande Rui, somava a defesa para a ponta direita enquanto corria para tras em direcao ao lado esquerdo. Enorme.

    ResponderEliminar
  2. Aqueles posters ao Patrício foram levantados no jogo de ontem?
    De facto... o futebol acaba sempre por atrair os piores amontoados de gente.
    Cada vez gosto mais de Snooker. Desporto de e para cavalheiros

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não, foram levantados no Dragão há mais de 3 anos, quando lá fomos depois de um jogo da Selecção em que o RP deu uma casa...

      Eliminar
    2. Bem dizia o Serginho Burro de Guimarães, q tinha preparado os penaltis... é verdade até na escroqueria demonstrada!..

      A azia deve ser tramada!...

      Eliminar
  3. Afinal é antigo. 2013 https://www.ojogo.pt/futebol/1a-liga/sporting/noticias/interior/adeptos-do-fc-porto-provocam-rui-patricio-3500744.html

    ResponderEliminar
  4. "Lei de Fora de Jogo para Totós

    Situação 1: Um jogador em fora de jogo que se esteja a movimentar para jogar a bola e sofre falta. A falta é marcada mesmo que esteja em fora de jogo.

    Situação 2: Um jogador em fora de jogo que esteja a jogar a bola ou tentar jogar a bola sofre falta. Assinala-se o fora de jogo.

    É muito simples. Esta alteração é bastante recente e é visível pelos jornais que muitos antigos árbitros ainda não se colocaram a par da mesma ou, simplesmente, possuem dificuldades de interpretação.

    Aquando da falta de Danilo sobre Bas Dost (que existe) a bola estava a passar por cima de ambos os jogadores. Percebemos, portanto, que Bas Dost e Danilo estavam a tentar jogar a bola.

    Este lance enquadra-se na Situação 2 que está nas regras. O penalty por marcar não existe e ficou, sim, um fora de jogo por assinalar por parte da equipa de arbitragem."

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Marcaram? Não.
      Ganhámos na mesma sem isso? Sim.

      Queres pegar por onde agora?

      Eliminar
    2. Uma alteração recente de que só este caramelo ouviu falar. Também só ele é que vê que são a melhor equipa a jogar quando, de facto são a melhor equipa a distribuir porrada impunemente. E assim vão conseguindo condicionar o jogo dos adversários. Ontem foi um fartote. E tudo isto com o padre a assobiar para o lado. Quanto não vale ter a lista das amantes...?

      De resto, basta saber ler e procurar nas Leis do Jogo. Está tudo no site do International Board. Lei 11. Se for precisa ajuda para traduzir, é só dizer.

      Eliminar
    3. Bem... para ti não é bastante simples, tens que realmente fazer um esforço enorme para pôres 2 neurónios a funcionar Oh João Ratão...

      VAI VER A REPETIÇÃO VEZES SEM CONTA ATÉ CONSEGUIRES ESSA LIGAÇÃO...

      O Bas Dost está muito ligeiramente, e não mais de 1 segundo, fora de jogo posicional quando a bola parte, só que claramente se o pontapé para a área tivesse sido em linha recta, a bola teria-lhe passado a mais de 2 metros pelas costas... um goleador exímios de cabeça tem de perceber isto, advinhar mal a bola parte onde ela vai parar... e Bas Dost para por reflexo (muito rápido) e movimenta-se numa direcção mais interior, pois advinha q a bola vai fazer uma muito ligeira curva em direcção à baliza... o lance engana toda a defesa do Porco até o Danilo, q assim que Dost parou, começa a agarra-lo não larga e derruba e esteve sempre a marimbar-se para a bola...

      Quantos lance é que vimos de jogos grandes internacionais, em que em lances do género há sempre vários jogadores atacantes em fora de jogo posicional??? (bem à frente da linha de defesa -> E EM OCASIÃO ALGUMA O ARBITTRO MARCA FORA DE JOGO MAL A BOLA PARTE!!).

      Portanto nem é 1 nem é 2... para mim não há fora de jogo nenhum... mas para evitar discussões con fanáticos imbecis é que as alterações às regras foram feitas E É MAIS Q CLARAMEBTE 1 (essa ideia do fora de jogo vem do MaisTabaco, mas MAIS NINGUÉM diz que não é penalti).

      O pior não é isso!.. depois de TODA A GENTE alertada para o q se passou em Setúbal, onde o Mathieu deveria ter sido expulso.. AGORA seria penalti e expulsão do Danilo (não se teria lesionado, e até o Danilo concirdaria... todos menos tu..)

      Muito provavelmente aos 5 minutos o Sporting estava a ganhar 1-0, e com mais um elemento em campo.

      Mas há mais... o Rúben Ribeiro faz uma grande finta, vai entrar na área pela lateral sem nenhum adversário pela frente, e é derrubado por detrás pelo soares.. o pormenor por detrás não deixa dúvidas, cartão amarelo... Soares q mais tarde quando é outra vez apanhado em fora de jogo de kilometros, ostensivamente e numa atitude de raiva/frustação atira a bola para a bancada... SEM UMA RESTIA DE DÚVIDAS, 2i amarelo e expulsão (se calhar já não teria dito o Serginho para ir tomar no cu).

      VÊ-SE ENORMEMENTE BEM EM REPETIÇÃO LENTA (*Q O VAR TEM*) q a chapada ao Gelson Martins é ostensiva e deliberada... a bola está à frente do Alex Teles q não tem necessidade nenhuma de viram-se mais para trás muito menos com o braço COM A VIOLÊNCIA Q FOI(e queixan-se os porcos tripeiros do Fejsa, q comparado com esta parece um menino de coro!) ... logo VERMELHO DIRECTO POR AGRESSÃO (VERGONHA, e queixan-se os porcos escroques imundos do VAR).

      Mas ainda há mais... FELIPE... este até fez faltas para 3 vermelhos... e depois de tanta polémica, condenado até por benfiquistas, da entrada do Matacão Eliseu sobre um jogador do Belenenses, se todas as outras pautadas deu cegueira, neste pisão se não deliberado, extremamente negligente ao Rúben Ribeiro, não haveria A MÍNIMA DÚVIDA... VERMELHO DIRECTO!

      Mais... o cara de menina Oliver deveria ter pelo menos visto 1 amarelo pela cotovelada, para mim mais que deliberada-> logo vermelho, ao Bataglia... e não contente com a benece, cortou uma jogada de contra ataque bem prometedor com falta sobre o Montero, ostensivo para parar... na ABERRANTE DUALUDADE DE CRITÉRIOS do árbitro, não marcou nada, mas seria 2o amarelo e rua!

      Tas a contar oh Joãozinho OBTUSO Ratazana!???... 5 expulsões e 1 penalti por assinalar...

      E TÊN A LATA IMENSA, estes Filhos da Fruta escroques imundos de falar do VAR... de falar em domínio quanto tiveram para cima dum COLÃO! (mas neste caso particular com o Ferrari Vermelho não foi para os ajudar a eles O Porco, mas para prejudicar o adversário e se com mortos melhor... pois qualquer um sabe como o Porco joga se o deixarem, até o Ferrari Vermelho, e o que se tem de fazer para haver nortos),..

      E seria o Moreirense a queixar-se mais ainda, por falta de VERDADE DESPORTIVA... por ter no seu jogo, jogadores adversários que nem no estádio deveriam entrar...

      Eliminar
  5. Num país decente, Coentrão não tinha jogado ontem, 5 dias depois de ter feito o que fez em Setúbal. Mandou duas vezes o árbitro para aquele sítio e partiu a protecção do banco de suplentes.
    Ontem voltou ao mesmo, ao chamar "preto de merd@" ao Marega.
    Naturalmente que vai passar de novo impune...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nem tinha jogado ontem e até teria sido excomungado pelo Papa !...

      Eliminar
    2. Num país decente, o FC Porto tinha acabado em 2004...

      Eliminar
    3. Num país decente, metade da equipa do carnide nem jogava.
      Num país decente, o felipe também já tinha sido expulso umas quantas vezes.
      Num país decente, o alex telles ia para a rua depois da chapada que deu ao gelson.
      Num país decente, o marega ia para a rua por ter apertado o pescoço ao coentrão.
      Isto são factos. Agora mostra lá o coentrão a chamar nomes ao marega.

      Eliminar
    4. ó meszaros,

      Antes ou depois de ganhar a CHAMPIONS LEAGUE ?!

      Eliminar
    5. Quem é que te disse isso!?.. ouvistes!?

      Se disse está mal... MAS GRAVE É O APERTÃO DE PESCOÇO ao Coentrão, o mundo inteiro viu, e o Samaris levou 4 jogos de suspensão por um toque mais suave com o punho q aquilo...

      Há jurisprudência... CUMPRAM-SE OS REGULAMENTOS.

      Eliminar
  6. O VAR invalidar aquele golo é escandaloso. O Soares está em linha e mesmo que o VAR tivesse duvidas era obrigação dele deixar seguir.

    Mas todos já sabemos que, independentemente do vencedor, é assim que gostam de ganhar, com certas facilidades, por isso estão bem uns para os outros.

    Cumprimentos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahahahahahahaha o que te dói ?!...

      Eliminar
    2. Escandaloso? O lance é semelhante ao do carnide mas aí já havia fora de jogo do Sporting não é? Viva a vossa coerência! E não não está em linha, está ligeiramente avançado. Só que vocês com esse gelado a descer pela cara não conseguem ver as coisas de forma clara. E porque é que não falas do penalty?

      Eliminar
    3. Cumprir a lie e assinalar um fora-de-jogo em que o jogador está mesmo fora-de-jogo é escandaloso. A tripeiragem anda em desespero. Ou é este ano ou aquela merda rebenta!

      Eliminar
    4. Fez-me lembrar o golo anulado ao portimonense... e digo, ao portimonense porque o anulado ao braga foi bem mais escandaloso!! Lembram-se?? Até planos de imagem se fechavam na BTV para que o avançado suiço do carnide não aparece-se na imagem a colocar o jogador do braga em jogo...!! São nojentos e ainda se acham com legitimidade para vir falar do que quer que seja!! São mesmo lampiões!!!

      Eliminar
    5. Mas quem lhe diz que eu não aceitei a validação do golo do Sporting na luz?

      A questão aqui é que em caso de dúvida nunca se altera a decisão do árbitro e é impossível o VAR ter certezas de algo que não aconteceu. O Soares está em linha.

      Eliminar
    6. Só tinhas que aceitar oh jefinha!

      Vamos admitir que o Acuña estava fora de jogo, e não eram as linhas tortas... é minimo, o árbitro/fiscal de linha não viram, segue jogo, e o VAR não tem de intervir nada.

      No seguimento da jogada a bola é enviada para a area, um defesa do Merdica corta, é recuperada logo a seguir pelo Sporting (Bruno Fernandes) , é posta de novo rapidamente na área e dá-se o golo... e o VAR é chamado...

      Oh besta dos gelados na testa, o VAR vai aferir da legalidade do lance a partir do momento em que o defesa central do Merdica corta a bola... Não a partir do momento em que o Acuña toca na bola... desde a última vez que a bola mudou de posse percebesta!?

      Nem vocês nem na BerdaTV sabem as regras... Calimeros nojentos, se fosse em prol da vossa pérfida teriam de analisar o jogo desde o apito inicial...

      No caso do Soares nem há linhas, tortas ou não... e mesmo num ângulo pouco favorável parece claramente adiantado, o que me leva a grande convicção que num ângulo de visão perpendicular ao local do lance, o adiantamento seria por demais evidente, sem margem para dúvidas.

      Eliminar
  7. @Mestre,

    Falando de arbitragem...
    Já foram divulgadas as imagens em que o VARes Dias se baseou para anular o golo (este sim, limpinho,limpinho...) do Soares ?!

    Apenas por mera curiosidade...

    ResponderEliminar
  8. O árbitro do jogo tudo fez (o que estava ao seu alcançe) para que o sporting não ganhasse o jogo!! Penalty por marcar...faltas marcadas ao ataque do sporting quando não existiam e algumas a existir foram faltas defensivas de jogadores do porto... lembro-me de uma já na parte final do jogo, do filipe sobre o bas dost que foi flagrante!! A agressão do alex telles....o árbitro tem que ver!! O ruben ribeiro foi um saco de pancada durante o jogo todo...há um lance em que primeiro é pisado e abalroado pelo herrera e logo depois, já no chão, pisado ostensivamente pelo filipe... não passa nada...inúmeras faltas marcadas contra o sporting na saída para o ataque, que nunca existiram!! Dualidade de critérios. Por fim, o golo anulado ao porto...confesso que não vi de imediato o fora de jogo e não me espantaria de fosse validado!! Na minha opinião, este e todos os lances semelhantes deveriam ser validados como golo!! O video árbitro nestes lances deveria interferir apenas em casos em que o fora de jogo fosse evidente... em caso de duvida deveria-se SEMPRE deixar seguir a jogada!! O futebol é golo! Mas neste caso abriu-se um precedente com um fora de jogo MILIMÉTRICO tirado ao ataque do Portimonense no estádio da luz para que o carnide não perdesse pontos!!!!! A partir dai instalou-se a confusão!! SPORT LISBOA E CARNIDE A ROUBAR DESDE (1904 dizem os vigaristas) sempre!!

    ResponderEliminar
  9. Para que não restem duvidas: https://streamable.com/1zoaf?utm_term=Dragoes+Diario+26%2F01%2F2018&utm_campaign=Dragoes+Diario&utm_source=e-goi&utm_medium=email

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ui!! É um bandido, o Coentrão. Irradiá-lo já!!!

      Eliminar