quinta-feira, 16 de agosto de 2018

Duas coisas que devem saber sobre a candidatura de Rui Jorge Rego

Sendo um candidato relativamente desconhecido à presidência, e não tendo uma cobertura mediática tão extensa como a de outros candidatos, existem duas coisas que acho que todos os sportinguistas devem saber sobre a candidatura de Rui Jorge Rego.

1. Defende o regresso dos fundos 

Numa entrevista dada a 11 de agosto, o candidato Rui Jorge Rego afirmou o seguinte:

"O dinheiro dos investidores colmatará essa lacuna, para ir buscar um ou dois jogadores, três no máximo, que permitirão ao Sporting ser mais competitivo. Claro que a mais-valia desses jogadores não será só nossa. Vamos repartir com o investidor."


Isto, por si só, é algo que retira toda e qualquer possibilidade de esta lista ter o meu voto. O que Rui Jorge Rego está a dizer é que o Sporting, caso vença, voltará a partilhar os direitos económicos com outras entidades. Já sabemos como isto funciona, da nossa passada experiência com fundos como a Doyen ou a QFIL: o risco fica totalmente do lado do clube (de uma forma ou outra, os investidores serão sempre ressarcidos do dinheiro que meteram), os salários são pagos exclusivamente pelo clube, mas no momento de receber as mais-valias (caso o jogador tenha sucesso) já teremos os investidores de mão estendida a reclamar o dinheiro que lhes cabe.

A FIFA proibiu o recurso a este tipo de esquemas, mas, infelizmente, há forma de os contornar. A diferença é que o fundo/investidor não fica diretamente com os direitos económicos, mas, através de um contrato paralelo, assegura o direito a uma percentagem de uma venda futura ou uma percentagem das mais-valias de uma venda futura.

O Sporting não pode andar a desenvolver e a valorizar jogadores para que depois sejam outros a recolher os frutos financeiros desse trabalho.


2. Terá um presidente da SAD de sportinguismo duvidoso

O presidente da SAD de Rui Jorge Rego será, em caso de vitória, o atual presidente da SAD do Leixões: Paulo Lopo.


Paulo Lopo reconhece, na entrevista, já ter sido sócio do Benfica. Assume, no entanto, ter uma ligação ao Sporting (apesar de, lendo de forma rigorosa as suas palavras, não admitir nenhuma ligação emocional ao Sporting), e justifica a ligação ao Benfica por ter sido outra pessoa a torná-lo sócio e a pagar-lhe as quotas - o que é um pouco estranho, diga-se. 

Há que dizer, no entanto, que Paulo Lopo já era um nome relativamente conhecido nas redes sociais, precisamente por ter publicado diversas fotografias em que aparenta ter uma ligação emocional a um clube... que, por acaso, não é o Sporting.



Até há uns meses, as imagens de cima podiam ser encontradas na sua conta de Instagram (entretanto Paulo Lopo já as apagou), sendo que nessa mesma conta não havia quaisquer indícios de ligação emocional ao Sporting.

Claro que isto não quer dizer que Lopo não possa ser um bom presidente de SAD caso Rui Jorge Rego seja eleito, mas... prefiro não correr riscos. E não é um bom começo mentir aos sócios e adeptos na primeira entrevista que dá na sua qualidade de candidato a um cargo de enorme poder no Sporting.

9 comentários:

  1. Até o chanato é vermelho! Epá... Basta de gozar com a nossa cara! Fundos e lampionagem no Clube: dois dos maiores cancros que BdC combateu (sem total sucesso, no caso da lampionagem) e agora este artista Rego quer trazê-los de volta? Obviamente, está riscado!

    Sl

    ResponderEliminar
  2. Seja este ou outro vamos estar entregues à bicharada!!!

    Quo vadis Sporting!!!!

    SL

    ResponderEliminar
  3. Este Paulo Lopo nao esteve no Sporting Talks?

    ResponderEliminar
  4. Que comédia!
    Eu dava o benefício da dúvida a toda a gente desconhecida mas isto, digamos, são duas ‘red lines’.

    ResponderEliminar
  5. Uma candidatura plena de intrujice, nunca augura nada de bom para o Sporting.

    ResponderEliminar
  6. E esta gente, pensa que somos atrasados mentais, essa lista é só escumalha.

    ResponderEliminar
  7. É a única lista com um projecto, com investidores, com profissionais e com um nome do futebol mundial. Os projetos das demais listas não passam de meros organogramas.
    Ao nível da postura, é o único que demonstra sobriedade e profissionalismo.

    ResponderEliminar