sexta-feira, 4 de abril de 2014

Os milhões da treta começam a evaporar-se?

#Benfica refaz contas das "vendas" de Rodrigo e André Gomes                                                                   
Há cerca de dois meses escrevi sobre o negócio de venda de Rodrigo e André Gomes ao fundo de Peter Lim. Referi na altura uma lista de cinco situações estranhas no negócio que me levavam a crer que se tratavam, pelo menos parcialmente, de milhões da treta. 

O último ponto da lista tinha a ver com o facto de a percentagem dos passes dos jogadores não pertencerem na totalidade ao Benfica, ao contrário do que indicava o comunicado da venda dos jogadores feito pelo clube à CMVM.

Pois bem, parece que essa questão tinha alguma razão de ser, pois a CMVM teve as mesmas dúvidas e pediu alguns esclarecimentos sobre o assunto. O Benfica foi obrigado a refazer as contas, e respondeu ontem à CMVM.

in maisfutebol.pt

Se partirmos do princípio que a venda de facto se realizou nos contornos anunciados, Rodrigo continuou a ser vendido por €30M e André Gomes por €15M, o que significa que não deixam de ser vendas espantosas. O que o novo comunicado diz é que, simplesmente, parte deste dinheiro não irá para os cofres do Benfica.

No entanto, as outras 4 singularidades do negócio ainda se mantêm. Enquanto não forem esclarecidas, continuo convencido que existem ainda vários pormenores por revelar sobre o negócio. É que quem faz uma robertada...

4 comentários :

  1. Agora é esperar pelo relatório de contas...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O objectivo é mesmo o de contabilizar as vendas no R&C de modo a enquadrar-se no fair.play financeiro.

      Eliminar
    2. Whiplash, é isso. É uma questão de vermos qual o saldo de clientes do fundo para ver quanto efetivamente foi pago. No R&C do 1º semestre de 2011/12, era possível ver que o fundo que comprou Roberto (BE Plan) não tinha pago absolutamente nada.

      Eliminar
    3. Sim Luís Miguel, isto coloca as contas num saldo positivo, de certeza.

      Eliminar