quarta-feira, 14 de março de 2018

A inigualável capacidade transformadora do futebol português

Convidada esta terça-feira por um deputado do PSD a comentar as recentes declarações de Luís Filipe Vieira que prometiam "agir criminalmente" contra jornalistas que coloquem "em causa o nome do Benfica", a presidente do Sindicato dos Jornalistas, Sofia Branco, respondeu que as mesmas não merecem particulares motivos de preocupação.

Em audiência na Comissão de Cultura, Comunicação, Juventude e Desporto, que teve lugar na Assembleia da República, em Lisboa, a propósito das recentes declarações de Bruno de Carvalho contra os jornalistas, a líder sindical estabeleceu uma distinção clara entre o conteúdo das frases de Luís Filipe Vieira e as do presidente leonino.

"As declarações [de Bruno de Carvalho] tiveram logo consequências", começou por responder Sofia Branco, aludindo às tentativas de agressão a jornalistas que se seguiram, no exterior do Pavilhão João Rocha. "O conteúdo foi também diferente. [Luís Filipe Vieira] Disse que vai recorrer à justiça e tem toda a liberdade para o fazer. Não disse para se deixar de comprar jornais", explicou ainda a sindicalista, acrescentando que o sindicato apenas se irá pronunciar em situações extremas e não a cada intervenção dos clubes.



Ora, vamos lá fazer um ponto de situação.

Bruno de Carvalho apela aos sócios do clube que dirige a não consumirem determinado tipo de jornalismo - numa decisão que, em última análise, cabe sempre a cada indivíduo de forma completamente livre, e que de forma alguma condiciona o trabalho dos jornalistas.

O Sindicato dos Jornalistas reage da seguinte forma: 

"tentativa de limitar a liberdade de imprensa"

"declarações antidemocráticas"

"Bruno de Carvalho revela não conviver bem com a comunicação social e, consequentemente, com a liberdade de imprensa"

"é fundamental que as direcções dos órgãos de comunicação social adoptem uma resposta firme e colectiva"

Menos de um mês depois, Luís Filipe Vieira ameaça os jornalistas que publiquem notícias que prejudiquem a marca do Benfica - sejam factuais ou não - com processos judiciais imediatos.


A presidente do Sindicato dos Jornalistas reage da seguinte forma:

"Disse que vai recorrer à justiça e tem toda a liberdade para o fazer. Não disse para se deixar de comprar jornais."

Isto entra facilmente para o top das declarações mais absurdas que já se ouviram de um representante de uma classe profissional. Não há problema se os jornalistas forem entupidos com processos judiciais por um clube com imensos recursos jurídicos. Grave, grave, é se alguém disser algo que coloque em causa o dinheiro que entra nos bolsos dos seus patrões.

A cada dia que passa vou ficando mais surpreendido pela capacidade transformadora do futebol português: já se sabia que tem o condão de converter aldrabões em estadistas, mas pelos vistos também tem a capacidade de converter sindicalistas em paladinos do liberalismo económico. Suponho que se o Gandhi fosse vivo e fundasse um clube por cá, seria uma questão de pouco tempo até o transformar numa cópia do Canelas...

41 comentários :

  1. Double standards, que novidade.
    É o Regime atual, uma evolução para melhor (ou para pior) do regime portista.

    Vieira aprendeu com e superou o mestre.
    Como disse o empresário António Araújo num dos processos do Apito Dourado, "manda quem pode, obedece quem tem juízo". E como disse o ex-árbitro Adão, o primeiro ministro agora é outro. O "padre da freguesia das Antas" mudou-se para a porta 10, isto é apenas mais um exemplo.

    ResponderEliminar
  2. O Bruno de Carvalho apelou o boicote de todo tipo de jornalismo.
    O Vieira disse que ia processar os jornalistas que caluniam o Benfica.
    Um apela a censura de toda imprensa que não produzida pelo clube.
    O outro desafia os jornalistas a provar notícias nos tribunais.
    Só um desses comportamentos respeita a liberdade de imprensa.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Falso. BdC apelou ao boicote ao jornalismo encartilhado e avençado, ISTO SE os sócios queriam que o presidente mudasse a postura, como pediram em AG.

      LFV ameaçou jornalistas de processos de natureza criminal, apenas porque escrevem e comentam ( e só alguns o fazem ) sobre as acções criminosas de LFV e seus comandados.

      Eliminar
    2. Também o midas apelou noutras ocasiões ao boicote e não houve nenhum comunicado oficial por parte do Sindicato.

      Um diz que vai AGIR CRIMINALMENTE, ou seja, vai pôr processos contra os jornalistas e afins outro apela simplesmente ao corte com a imprensa. Mas tu achas que há comparação???

      Zero nessa cabeça. Zero.

      Eliminar
    3. Ameaçar com ações judicias de forma sistemática é intimidador. É natural que os senhores jornalistas pensem duas vezes antes de escrever ou falar. Que cria um clima intimidatório não parece haver dúvidas.

      Eliminar
    4. Bilhas, tanta mentira junta...
      O Nuno Bispo deixou-te a bilha em cacos com a sua resposta.
      Aguenta lampião!

      Eliminar
  3. Eu não me acredito que o MdC não consiga distinguir entre processar que nos difama e o incitamento a um ódio em particular. Por exemplo, se o Bruno em vez de pedir um boicote total à CS não sportinguista pedisse que não se votasse mais PS porque o Costa é do Benfica, o Centeno é do Benfica, o Santos Silva e a Van Dunem são do Benfica e por aí fora, acha que isto ficava por aqui? Acha que não iriam haver consequências?
    O MdC até sabe distinguir mas.....não pode dizer mais. É um jovem trabalhador da net, esforçado e tem que agir como tal.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ver a Van Dunem a pôr o sistema de justiça a funcionar para encavar o presidente da #Paródia é que me dá vontade de rir.

      Eliminar
    2. O Rudolfo tirou a quarta classe à noite e ainda a teve de repetir duas vezes. A distinção assenta mesmo naquilo que disse, nos verbos que usou, "ameaçar" e "pedir".

      Vou-lhe dar uma pequena explicação usando o exemplo estúpido que deu, se o Presidente tivesse pedido para não votarmos PS porque o Costa é do Benfica, nós teríamos duas opções, votar ou não votar.

      Se o Presidente nos tivesse ameaçado que caso votássemos PS seriamos alvo de um processo disciplinar e consequente expulsão enquanto sócios do SCP, então nenhum sócio votaria PS.

      Diga lá qual dos dois exemplos acima, usando os verbos que usou para catalogar as acções do Presidente do SCP e do seu, viola mais ou menos qualquer direito fundamental de uma democracia?

      Concordo consigo quanto à possibilidade de se processar quem de direito por um caso de difamação, mas é necessário que se trate mesmo de um caso de difamação.

      Ora as últimas noticias envolvendo o seu clube não resultam de fábulas criadas na cabeça das pessoas, são factos, que aliás, o próprio Rudolfo tem oportunidade de vir aqui comentar sempre. São os vouchers, os emails e os mais recentes processos criminais envolvendo o seu presidente e assessor jurídico.

      Precisa ir aprender um pouco de vocabulário, especialmente, deveria aprender o significado da palavra difamação.

      Eliminar
    3. Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

      Eliminar
  4. Há por aí um baú, para se guardar isto, para memória futura ?

    ResponderEliminar
  5. Vivendo e aprendendo, sugiro que BdC venha a publico retirar o apelo para os Sportinguistas nao comprarem jornais e vejam programas que ofendam Sportinguistas, e apele para todos os Sportinguistas hajam criminalmente contra os mesmos jornais e televisões quando estes nos atacam e poem em causa o nome do Sporting!!!

    ResponderEliminar
  6. Até diria que estou surpreendido, mas vamos ser sinceros.... quem é que fica surpreendido com o que quer que seja? Amanhâ o orelhas sugere que se queime a bandeira de Portugal e é logo considerado um inovador, um artista surreal que vê o mundo de maneira diferente, um Dali à portuguesa.
    O Bruno de Carvalho fez uma piada sobre fazer a bandeira toda verde e foi acusado de tudo e mais alguma coisa (ainda hoje se fala nisso) e será que alguem olhou para a bandeira do Presidente da Republica? É que a bandeira é exactamente igual ao que o BdC descreveu, toda verde porque verde era a cor do Partido Republicano.

    ResponderEliminar
  7. K tristeza.....gente desta qualidade só.....

    ResponderEliminar
  8. Essa diferença de tratamento parece-me elogiosa para com Bruno de Carvalho. As pessoas indignam-se com o que ele diz porque o valorizam. Já o merdoso que é presidente do clube do outro lado da estrada, como nunca sabe de nada e nunca diz nada de jeito, ninguém quer saber dele.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aliás, qualquer monte de merda eleito(!) presidente daquele ajuntamento de montes de merda, vulgo carnide, pode dizer o que quiser que tem a camarilha de montes de merda a apoiar. Saiba ou não o que está a dizer, o monte de merda.

      Eliminar
  9. Esta senhora, sem querer, mostrou de forma perfeita o benfica actual: Um clube de bullys e fanfarrões, que acham que tudo podem, a quem todos devem obediência e a quem as regras são aplicadas de forma totalmente discricionária. E mostrou também a relação da classe dos jornalistas com este benfica: Subserviência total. Se ela tivesse criticado o Vieira, não teria sido tão útil...

    Aguardo a indignação da senhora pelo processo que lhe está prometido pelo Bruno de Carvalho. Os toupeiras têm direito a recorrer aos tribunais, o Sporting seguramente que não.

    ResponderEliminar
  10. O Post do BdC no facebook explica bem o que motivou estas declarações do sindicato.

    Cada vez nos unem mais em torno do Presidente e cada vez ele tem mais apoiantes...

    ResponderEliminar
  11. o comentário da mulher é tão óbvio que até vocês deviam conseguir perceber!

    LFV "ameaçou" com processos... UAU... usar a justiça! Crime. Será que vocês não sabem o que é um estado de direito? Como é que vocês não iriam pensar que "dar cabo da nota" por procedimentos legais do regulamento é corrupção ou tráfico de influência... lol... para vocês a justiça é para ser feita pela dolbeth... tribunais e regulamentos... o que é isso?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estado de direito?? LOL. vocês só compreendem o estado do nabo, enterrado pelas vossa buchas a dentro. Estado de direito, diz o palerma ...

      Eliminar
    2. Também usaram o processo contra o treinador JJ para intimidar e destabilizar. Todos sabiam que aquilo não tinha pernas para andar. Aliás, a primeira petição foi rejeitada liminarmente pelo tribunal se recordo bem. Isso do uso "correto" da justiça tem que se lhe diga. Aliás, intentar uma ação judicial, em alguns casos, pode ser passível de outro processo logo a seguir por difamação. Quem apresenta, por exemplo, uma queixa por pedofilia totalmente infundada, arrisca-se a, depois do arquivamento da queixa, a levar com um processo por difamação agravada.

      Eliminar
    3. Nuno Martins, cala a boca, deixa as pessoas de bem falar entre elas. Não se se és igorante ou ignoras, nem sei se és pago para comentar aqui. Sei que defendes o indefensável, aquilo que todos vimos à muito tempo e que conseguimos provar agora. A não ser que os emails verdadeiros que eram falsos numa primeira abordagem passem a falsos novamente. A não ser que os vouchers que num primeiro momento não existiam mas que depois perante as evidencias passaram a existir deixem de existir novamente. Deixa-te de tretas e vai mas é pra frente do estádio da luz rasgar as vestes e gritar palavras de ordem aqueles que vos andam a roubar à grande. Otário

      Eliminar
    4. Nuno não adianta. Estão completamente cegos.
      Daqui a uns tempos quando expulsarem BdC vamos ter o mesmo folhetim: agora são os croquetes, daqui a uns tempos todos irão criticar as Brunettes. E não vai aparecer um único que o apoiou.

      Eliminar
  12. Inacreditável o contorcionismo e falta de vergonha desta gente...

    ResponderEliminar
  13. O gabinete de crise está muita forte !

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E foi porque se acabou a paródia! Que faria se pudesse continuar, a paródia.

      Eliminar
    2. Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

      Eliminar
  14. Alguns (poucos, creio) "deputedos" do PSD (e não só) devem sentir que lhes falta qualquer coisa para que atinjam a estatura que acham razoável. Nem em bicos de pés lá chegam e, vai daí, aproveitam o futebol.
    Esquecem, quando deixam a clubite emergir, que ao atacarem um clube, atacam uma franja de eleitores de outros clubes -que poderão não gostar e, pior, poderão ter memória, muito em especial os do "maior partido", o da abstenção...

    ResponderEliminar
  15. "Não mordas a mão que te dá de comer..." Mesmo quando o vento já não sopra a favor com tanta força...

    ResponderEliminar
  16. ADORO os comentários dos "Lampeões Residentes"...
    Hahahahahahahahahah
    Confundir um apelo com uma ameaça, só mesmo destes "seres invertebrados"... Ahahahahahaha
    Falas do carnide, seja lá do que for, toma lá um processo!...
    Só mesmo com palas nos olhos se consegue justificar isso...
    Nunca acabem, porque realmente servem de exemplo para as crianças, de como NÃO se deve ser...

    ResponderEliminar
  17. Isto é que é promover um clima de ódio, mas que assim seja!

    O importante é identificá-los a todos e não lhes dar descanso Mister, porque quando rebentarem as maiores bombas, eles já nem vão ter forças para se levantar da cama.

    Convém não esquecer que "O Melhor Está Para Vir".

    ResponderEliminar
  18. https://www.vercapas.com/capa/i.html

    O folclórico jornal i com uma capa a induzir em erro (mostra 3 clubes com bonecos de toupeiras), a tentar meter FCP e SCP no mesmo saco do caso "e-toupeira" do SLB para generalizar as coisas. Diz que há funcionários que são adeptos dos 3 grandes e por isso também são toupeiras. Como se uma coisa levasse à outra.

    Claro afinal os clubes são todos iguais não é? Afinal FCP e SCP também têm claques com membros que mataram adeptos rivais. Tudo igual claro.

    jornal i perdeu a minha consideração (se é que tinha alguma depois da capa com Bdc)

    ResponderEliminar
  19. http://amar-abrantes.blogs.sapo.pt/o-estado-nacional-benfiquista-1510798

    ResponderEliminar
  20. Ainda um dia vou perceber os argumentos dos que se indignam com uma SUGESTÃO para não comprar certos jornais. Qual é mesmo o crime? Ter sido dito por BdC. Eu digo que há jornais dirigidos por cartilheiros do benfica e o Sindicato dos Jornalistas não me liga nenhuma. Sad.

    ResponderEliminar
  21. Estas declarações não surpreendem a todos os que conhecem bem a pessoa que as proferiu. A capacidade de se "vender" vem de longe, muito longe... desde os tempos de Coimbra. E pelos vistos mantêm-se a característica.

    ResponderEliminar
  22. Esta subserviência dos jornalistas ao polvo lampião é apenas mais uma razão para se deixar de comprar, ler ou clicar.

    A capa do jornal I apenas reforça o apelo deixado por Bruno de Carvalho.

    ResponderEliminar
  23. Após a eleição, a aparição daquele sindicato deixou de fazer sentido.

    Apareceu, bateu no "ceguinho" e toca de voltar para a toca.

    Por falar em toca!!!

    ResponderEliminar
  24. Os avençados do Desportivo Toupeirense estão cá todos. Como sempre o mais ridículo e mentiroso é a Toupeira Rudolfo com u.

    ResponderEliminar
  25. Sem surpresas, esta situação só vem dar razão a quem acha que o jornalismo em Portugal não é independente e sério...

    Alias, nem é preciso ser muito inteligente, basta ver como funcionam os jornais, a que grupos pertencem e seus donos, etc etc.

    Sobre o que disse Vieira, uma parte da imprensa desportiva Portuguesa já deveria ter sido ameaçada pelo Benfica por intermédio dos seus avençados, é que todos estarão lembrados do silêncio ridículo que se fez na imprensa desportiva com o caso dos e-mails, chegava mesmo a ser patético informação fundamentada e consistente provada por documentos online estar a ser divulgada em blogs e chegarem a noticiados em Espanha, como foi o caso da compra de direitos de opção de jogadores do Atlético Madrid por parte do Benfica, e a imprensa Portuguesa nem uma palavra... ZERO, só depois é que noticiaram e a citar o jornal a Marca...

    Isto quando toda gente sabe que os jornalistas que trabalham nos diários desportivos em Portugal já estariam a par do assunto muito antes da Marca (lógico) , no entanto nada foi escrito ou noticiado, e Porquê? por medo e influência da coação exercida pelo Benfica...

    Dito isto, o sindicato do jornalistas é uma entidade ou organismo completamente obsoleto e que não serve para absolutamente nada num país onde a classe tem menos dignidade que uma mulher que vende o próprio corpo por subsistência, ao menos essa não esta a mentir sobre a vida de terceiros para sobreviver.

    ResponderEliminar