quarta-feira, 26 de março de 2014

A opinião idónea de José Leirós III

No domingo passado, aos 8 minutos de jogo, Mangala deu uma cotovelada na cara de um adversário. Na minha opinião o jogador do Porto merecia ter visto cartão vermelho. Carlos Xistra nem sequer falta assinalou.

Comecemos por ver a apreciação do Tribunal O Jogo.


Jorge Coroado e Pedro Henriques também são da opinião que o francês devia ter sido expulso. Leirós, na sua visão alternativa, acha que não há ali nada de especial, e nem um amarelo se justificava.

Vejam agora o lance para julgarem por vocês próprios. Como bónus, fica ainda a observação de Eduardo Barroso sobre a opinão de José Leirós.

Vídeo completo pode ser visto no canal de youtube Fernanndo00

Também penso que deveria haver um sumaríssimo para Mangala. Não é a primeira vez que faz uma brincadeira destas, e nada lhe aconteceu.

Links para outros capítulos da série A opinião idónea de José Leirós:
I --> Gil Vicente - Sporting
II --> Sporting - Nacional

10 comentários :

  1. José Leiros é um dos palhaços do futebol português, com os seus tiques, favores e manhosices. Pasmo apenas por ver que a estupidez, o despudor e a má formação deste energúmeno é tanta que nem vergonha tem de fazer estas tristes figuras....e a televisão que lhe paga também não. Por aqui se vê a qualidade enorme ostentada por este individuo durante a sua carreira de arbitro....deve ter roubado pouco, deve...ai se deve.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro anónimo, creio que O Jogo está satisfeito pelo trabalho de Leirós. Enquanto for tendo estas opiniões, o jornal não tem que colocar na primeira página coisas como "TRIBUNAL UNÂNIME: Mangala devia ter sido expulso aos 8' ". Um abraço.

      Eliminar
  2. É por análises à la Leirós que o recurso a imagens no futebol teria pouco impacto. Antes de melhorar os dispositivos técnicos à disposição dos árbitros é necessário algo mais banal e sem custos, honestidade ou mais difícil ainda integridade.

    Leirós dá corpo ao ditado, "O maior cego é aquele que não quer ver.", e praticantes deste ditado passeiam pelos relvados e ainda são promovidos. Como diria Droga após ver o seu trabalho ser destroçado por um individuo destes - It's a fucking disgrace! - em pano de fundo quem beneficiou festeja.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. LMGM, a questão do recurso às imagens é algo que também tenho algumas reservas.

      Creio que funcionaria muito bem em grandes competições, com enorme visibilidade, e uma montanha de recursos técnicos à disposição do árbitro (na minha opinião teria que ser o árbitro a ver as imagens e a assumir a decisão, não pode delegar num indivíduo escondido num gabinete).

      Em jogos mais modestos, com poucas câmaras, e menor visibilidade, já tenho dúvidas que fosse tão eficaz quanto se deseja. De qualquer forma talvez seja melhor do que o que há hoje.

      Um abraço.

      Eliminar
  3. E, se dúvidas houvesse, o Sr. Leirós, no mesmo "tribunal", ainda vê (só ele) um penálti por marcar a favor do FCP e um golo mal anulado ao FCP (aí coadjuvado pelo Coroado, cujo critério é, salvo prova em contrário, todos os árbitros não têm razão, excepto eu) PS: também não encontrei na "net" menção às agressões ao Leirós de que tinha ideia de me recordar (apenas à alegada tentativa de suborno pelo Braga), mas a net lusa é fraquinha e o meu computador pessoal já passou dos quarenta, e vai perdendo "K". SL JPT

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. JPT, é verdade, a análise do Leirós no Porto - Belenenses é surreal. Mas estas falhas de visão nele já são esperadas.

      Não percebo como é que o Jorge Coroado não vê falta no golo anulado ao Jackson, não só empurra o defesa com o corpo como ainda lhe mete o braço em cima. Passa um bocado pelo que dizes, ele gosta muito de malhar nos outros árbitros.

      Um abraço.

      Eliminar
  4. Sobre os erros dos árbitros:
    http://furialeonina.blogspot.pt/2014/03/erros.html

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade, comparar as consequências dos erros dos jogadores com os erros dos árbitros é a mesma coisa que estar a comparar batatas com cenouras. Um jogador medíocre nunca terá uma boa carreira. Um árbitro medíocre, em Portugal, continua a apitar o mesmo nº de jogos e a receber em conformidade, ou seja, continua a poder fazer carreira. Caso contrário Bruno Paixão ou João Capela nunca chegariam a internacional.

      Seria importante uma maior transparência na avaliação dos árbitros.

      Eliminar
  5. Mestre, o comentador da Sport TV, o senhor Luís Freitas Lobo, diz mais ou menos isto: «Mangala mete o cotovelo para ganhar posição». Vejo futebol há mais de 50 anos e nunca vi um jogador ganhar posição há cotovelada. Um abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. F. Pais, o Freitas Lobo nestes jogos grandes, é um poeta que consegue encontrar beleza em tudo. Lembro-me de o ouvir comentar um dos jogos mais chatos da história (o Portugal - Brasil no mundial de 2010) e dizer que tinha sido um grande jogo.

      No caso do Mangala, começa a tornar-se um especialista no uso do cotovelo. O José Leirós também aprova! :)

      Eliminar